Home   Open-Bar   Trollagem   Bolão   Mercado da Bola   Copa do Brasil   Seleção   NFL   Contato  

Convocatórias de Parreira, Felipão & Murtosa

January 22nd, 2013 por | Categorias: Seleção Brasileira.
Retorno

Retorno

Adeus Mano Menezes e seu esquema sem centroavante. Os campeões do Mundo Parreira, Felipão & Murtosa chamaram logo dois camisas 9 e mais dezoito. Esguio, Felipão não gastou trunfo e soltou que não convocou alguns outros jogadores por motivos genéricos dentre os quais idade não foi fundamental não dando nenhuma dica sobre quem vai ficar fora.

De Túlio Maravilha para baixo qualquer um pode entrar em futuras listas Felipanescas. Os 20 que de cara estarão na berlinda para indicarem os primeiros cortes estão listados conforme o site de quem manda ordenados, mas não explicitados, por posição.

Julio Cesar (Queens Park Rangers)
Diego Alves (Valencia)
Daniel Alves (Barcelona)
Adriano (Barcelona)
David Luiz (Chelsea)
Dante (Bayern de Munique)
Leandro Castán (Roma)
Miranda (Atlético de Madrid)
Filipe Luís (Atlético de Madrid)
Ramires (Chelsea)
Arouca (Santos)
Paulinho (Corinthians)
Hernanes (Lazio)
Oscar (Chelsea)
Ronaldinho Gaúcho (Atlético Mineiro)
Hulk (Zenit)
Neymar (Santos)
Lucas (PSG)
Fred (Fluminense)
Luís Fabiano (São Paulo)

Dessa turma, eu titularia assim:

Julio Cesar; Daniel Alves; David Luiz, _________ e _________;Paulinho, Ramires, Hernanes e Oscar; Neymar e Fred.

As demais convocatórias, salvo grande comoção, podem ser inseridas nos comentários e atualizações deste post.

Inscreva seu e-mail e confirme pelo link eviado para receber novos artigos do Blá blá Gol.

355 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

355 Comentários para “Convocatórias de Parreira, Felipão & Murtosa”

  1. Alexandre N.
    22/01/13 - 16:08

    Pergunta para o maior conhecedor de futebol que frequenta o blog (a.k.a. Saulo): Quem é Dante?

    Responda a este comentário

    saulo

    Dante é um zagueiro alto, muitas força física, boa técnica e colocação.

    Responda a este comentário

    thiago felix

    Irmão do Cortês.

    Responda a este comentário

    saulo

    Comparação descabida. Ao contrário do Cortês, Dante tem uma carreira consolidada na Alemanha.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Jovem, ignore. O cidadão não sabe reconhecer uma piada.

    Responda a este comentário

  2. Serginho Valente
    22/01/13 - 17:32

    Começou muito mal…

    Responda a este comentário

    Sancho

    É assim mesmo. Aí, vai limpando. O problema do Mano não foi ter convocado mal no início, mas seguir errando sistematicamente o tempo todo.

    Responda a este comentário

    saulo

    O erro da CBF foi ter mandado o Mano em um momento de consolidação do esquema tático e evolução da equipe. Tal medida deveria ser realizada depois das olimpiadas.

    Responda a este comentário

    Sancho

    O Mano tinha que ter caído ANTES. E olha que sou uma pessoa muito paciente com treinadores…

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Espera o OdeO aparecer no Grêmio…

    Responda a este comentário

    saulo

    É mais fácil Joel aparecer no Botafogo…

    Responda a este comentário

    Sancho

    Já estou com o Luxa, de quem detesto…

    Responda a este comentário

  3. Alexandre N.
    23/01/13 - 11:48

    Mas ora vejam só que coincidência interessante:

    http://globoesporte.globo.com/futebol/futebol-internacional/futebol-ingles/noticia/2013/01/convocado-para-selecao-julio-cesar-entra-na-mira-de-arsenal-e-man-united.html

    Responda a este comentário

    Sancho

    Uma convocação de alguém que já joga na liga desses clubes não faz a mínima diferença. Acho que é notícia plantada…

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Para quê? Só para funcionar como justificativa da convocação dele?

    Responda a este comentário

  4. Marco Abi
    23/01/13 - 14:54

    Não sei o que é mais patético: Julio Cesar ou Ronaldinho.

    De qq forma, a convocação de ambos é apenas mais um demonstrativo do baixo nível atual do futebol brasileiro.

    Responda a este comentário

    Victor

    A do Ronaldinho não havia dúvidas. E aliás, nem faz muito sentido contestar. Ronaldinho foi titular do Felipão em 2002 e fez lá sem bom papel no Atlético em 2012. Esse aí tirou a sorte grande com a chegada do Scolari e até do Parreira. Qual moral Parreira teria para contestar o bundalelê de 2006?

    Julio Cesar que foi da cartola mesmo. Eu nem lembrava que ele tinha jogado na Seleção depois da Copa e ido mal.

    Ainda aguardo Felipe Melo.

    Responda a este comentário

  5. Sancho
    23/01/13 - 14:58

    Difícil escalar esse time. Fui brincar de cornetar o Victor e me quebrei as pernas…

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Uma escalação que não considero absurda:

    Julio Cesar; Daniel Alves, Miranda, Leandro Castán e Adriano (ou Filipe Luis); David Luiz, Hernanes, Ramires e Carnavaldinho; Neymar e Fred (Luis Fabiano).

    Meio campo em losango, David Luiz podendo emular o Edmílson de 2002. E com isto, o esquema pode flutuar entre o 3-5-2, o 4-3-1-2 ou um 4-2-3-1. Só resta saber se vai funcionar.

    Responda a este comentário

    Sancho

    Não é absurda, mas acho que ele não larga com essa. O David Luiz deve começar como zagueiro. Afinal, ninguém convoca Arouca, Paulinho, Ramires e Hernanes para bonito.

    O problema é quem arma o ataque desse time se ele largar com 3 volantes, o que é o mais provável. Ninguém. O time deve partir de um 4-2-3-1, que, na realidade, é o time que o Victor escalou: Paulinho e Ramires; Hernanes, Oscar e Neymar; Fred (L. Fabiano).

    Responda a este comentário

    Sancho

    Mas aí, o cara se pergunta? Chamou o Ronaldinho para deixar no banco?! Mas não vejo como o colocar entre os titulares. No lugar do Oscar? Junto com o Oscar, no lugar de um dos volantes (4-2-2-2)?

    Falei. Não consigo escalar!

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Bom, Oscar com certeza vai começar no banco de reservas. Mas, se o Felipão resolver ousar, ele escala o meio de campo da seguinte forma (caso ele escolha o 4-2-3-1): Ramires e Hernanes; Oscar, Carnavaldinho e Neymar.

    Mas, se ele escolher o 4-3-1-2, nada me tira da cabeça que ele vai escalar o David Luiz como primeiro volante.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    É possível. Até porque ele gosta de laterais mais como alas.

    Responda a este comentário

    Sancho

    Minuto de silêncio, só se ouvia gritos em português. E isso que era por causa do incêndio em Santa Maria. Beeeeeem, pessoal! Barbaridade…

    Não acertamos a escalação. Como eu disse, não levaram o Ronaldinho para ser banco. Dois armadores e dois marcadores no meio. Vamos ver como o time se comporta.

    Responda a este comentário

    Victor

    Julio Cesar não tem a arte de defender com o pé. #FernandoHenrique

    Responda a este comentário

    Victor

    Inglaterra 0x1 Fluminense

    Responda a este comentário

    Victor

    1º toque de @fredgol9 na bola, gol. 2º, travessão.
    No aguardo do terceiro. Fluminense avassalador SALVANDO O EMPREGO DE FELIPÃO

    Responda a este comentário

    Victor

    Fiquei triste com a impressão que Fred não joga a Copa como jogador do Fluminense.

    Responda a este comentário

    Victor

    Adriano. Ruim na defesa, ruim no ataque.
    Walcott já fez o favor de limá-lo.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Não acertamos a escalação por um detalhe. Mas o esquema inicial foi mesmo o 4-2-3-1.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Bom, se o esquema for o 4-3-1-2, Ramires e Hernanes (os dois volantes que vão se posicionar a frente do primeiro volante do vértice) vão precisar de reservas a altura.

    Além do mais, Felipão já disse que vai escalar o Hernanes como segundo volante.

    Responda a este comentário

    Victor

    Não é?

    Responda a este comentário

    saulo

    Hernanes voltou a jogar como segundo volante na atual temporada no Lazio.

    Responda a este comentário

  6. Bender
    23/01/13 - 16:54

    Não entendi uns nomes e não conheço outros. Deixa Felipão trabalhar. O cara tem crédito.

    Responda a este comentário

    Victor

    Escala aí teu time com esses convocados.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Neymar + 10.

    Fudeu. Acho que a Copa foi pro buraco…

    Responda a este comentário

    Yuri

    Então você achou boa.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Achei digna do Mano. Uma bosta. Retrocesso total. Neymar + 10 com esses caras aí.

    A sorte é que o Ronaldo e o Adriano pararam de jogar, senão…

    Responda a este comentário

    André

    Deixa Felipão trabalhar. O cara tem crédito. [2]

    Responda a este comentário

  7. Yuri
    23/01/13 - 22:55

    “Felipão convoca o FRANGUEIRO, PIRUEIRO E EM PÉSSIMA FASE JULIO CÉSAR.”

    Ricardo Martins, melhor repórter do mundo.

    Responda a este comentário

    saulo

    Vou dar o braço a torcer, Júlio César foi a melhor figura em campo da seleção brasileira. Fez belas defesas e evitou um placar mais elástico.

    Responda a este comentário

  8. Gaburah
    6/02/13 - 18:04

    Charge do Mário Alberto de hoje tá foda. Recomendo.

    Responda a este comentário

  9. rafael botafoguense
    6/02/13 - 20:03

    Se Neymar peida em amistoso, imagina na copa? #Brahma

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Neymar já arrebentou?

    Responda a este comentário

    Bender

    Curiosidade: vcs não convocariam o Neymar? Levariam quem para o lugar dele?

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Não pode ser reserva? Opção tática? Porque precisa ser titular absoluto?

    Responda a este comentário

    Bender

    Sim. Isso que falo. Ele pode ser reserva. Pode nem mesmo ser convocado. Vc levaria quem?

    Responda a este comentário

    rafael botafoguense

    A questão não é essa.

    Responda a este comentário

    Bender

    O futebol do Neymar é a única questão.

    Responda a este comentário

    rafael botafoguense

    É uma delas. O futebol dele não aparece em jogos importantes contra bons times, isso é fato. Ele ainda precisa provar, e se precisa provar não pode ser endeusado a ponto de ser hour concours pela Placar, algo que só o Pelé conseguiu com uns 40 anos, entre outros surtos. Daí vem a constante ironia contra o craque.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    E isto as vezes acontece até mesmo fora da seleção. Houve os jogos contra Velez na Libertadores de 2011 e Corínthians em 2012 onde ele foi anulado durante toda a partida.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Rapaz, na decisão da Liberta contra o Peñarol ele não fez nada além de tirar o marcador do jogo.

    Responda a este comentário

    Victor

    Ele fez um gol!

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Ele empurrou uma bola pro gol, o que é bem diferente.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Vélez foi em 2012. Sumiu contra os dois.

    Responda a este comentário

    Victor

    Se não me engano, ele fez com que jogadores tivessem sido expulsos contra os dois, não?
    (Contra o Corinthians eu sei que Sheik fora no começo do 2º tempo do 1º jogo)

    Responda a este comentário

    Yuri

    Fez e mereceu a expulsão que obviamente não veio.

    Ele é bom nisso mesmo. Pena que esse atributo é pulverizado quando ultrapassa-se as fronteiras do Braza e/ou com árbitros não-Braza.

    A Copa será aqui mas os juízes não. Vai equilibrar, eu creio.

    Responda a este comentário

    Victor

    Vale até um post essa pergunta.

    Responda a este comentário

    Bender

    Tem razão. Fica pra depois do carnaval. Dá tempo pra galera do Neyminho pensar e pesquisar mais.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Eu gosto de acompanhar jogo da seleção pelo Twitter. É o oposto de NFL, cuja assisto e não comento. Seleção eu não vejo nunca e comento. É irresistível, twitter fica muito movimentado, cheio de dor de corno*

    *seleção = ex-namorada que o cara não esqueceu, fala que não liga mas se aparece dá pitaco e se importa

    Pois bem, a malhação em cima do Neymar foi tão grande que eu simpatizei com ele, sério. Ainda mais com aqueles jogadores europeus (e comentaristas também) que não sabem porra nenhuma de futebol sul-americano falando merda.

    Foi só malharem o bicho que eu fiquei simpático a ele. Não nasci para ser ovelha. Defintivamente, sou anti-Brasil em tudo.

    Ser anti-Brasil não é não torcer por brasileiros… é cuspir na cara do que os brasileiros acham. Por isso torço por quem torço, descobri meu destino. Isso tá bem claro agora.

    Responda a este comentário

    Victor

    Pró-Neymar:
    – Serginho
    – Victor
    – Bender
    – Juca Kfouri (Saulo também, por definição)
    – Yuri

    Anti-Neymar:
    – rafael botafoguense
    – Gaburah
    – Nardoni

    Complementem as listas.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Nem vem, foi só naquela hora. Sou só anti-Brasil. Enquanto contrariou o Brasil, Neymar foi bem quisto por mim.

    Se perder pênalti em final de Copa ganha pôster.

    Eu sigo o FELIPE MELO no twitter, quer mais?

    Responda a este comentário

    Victor

    Dicotomia impera. Só tem duas listas e tá assinado que simpatiza com Neymar. É pró-Neymar. Não quero saber das suas motivações. Binário total, 0 ou 1.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Tá certo, como até o momento ele vem decepcionando na seleção, considero que está contrariando o Brasil, então fica eu como pró-Neymar.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Mas FELIPE MELO está acima.

    Responda a este comentário

    André

    Pró-Neymar:
    – Bona

    Responda a este comentário

    André

    Mas nao acho nem justo esperar que ele decida sempre. Essa obrigação, aliás, não acho que nenhum jogador possui individualmente.

    Na minha ótica, só existe essa obrigação quando convocam um cara que tá mal. Aí ele tem que jogar pra caralho mesmo pra justificar a puxa-saquice que o colocou lá.

    Responda a este comentário

    Victor

    Noves fora serem adversários ridículos, foi o que fez Kaká quando Mano convocou.

    Responda a este comentário

  10. rafael botafoguense
    6/02/13 - 20:44

    Joey Barton lê BBG, hahaha!

    http://globoesporte.globo.com/platb/meiodecampo/2013/02/06/neymar-na-mira-dos-ingleses/

    Responda a este comentário

    Yuri

    Se chamou de pônei, lê o @BicudaFC

    Responda a este comentário

    RB

    Neymar disse que não conhece o Barton e ele devolveu dizendo que se apresentaria caso o pônei saísse da liga da selva! aaaaiiiiiiiii… Não dexáva!

    http://www.superesportes.com.br/app/1,200/2013/02/07/noticia_futebol_internacional,241640/joey-barton-endossa-polemica-e-pede-para-neymar-deixar-a-liga-da-selva.shtml

    Responda a este comentário

    Yuri

    Agora que vi o tweet vejo que foi Amazon Jungle League, no literal, Liga da Selva Amazônica.

    Só sei que esse Piers Morgan com quem ele se confessou é um babaca, querendo arrancar arma dos americanos, tomá no cu, inglesinho vigiado por câmeras. God and Guns nessa porra.

    Responda a este comentário

    Victor

    Eu vi os tweetes. Legal que tem uma cilada aí para quem gosta de retórica.

    Quem policiar o estrangeiro com o “Liga da Selva Amazônica” está exposto a levar pelas costas o policiamento interno dando conta que se ofender com a associação do País à uma região notoriamente brasileira está cometendo discriminação de brasileiros para com brasileiros.

    É mais seguro destacar mesmo o “Liga da Selva”. Sei bem como funciona o expediente. Eu mesmo substitui favelados por mulambos na minha linguagem coloquial.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Liga da Selva realmente tem bem mais impacto. Se ele não dissesse Amazon, teria sido nota 10. Mas daí JORNAS o fizeram para ganhar cliques.

    Responda a este comentário

  11. saulo
    6/02/13 - 20:48

    O problema é pensar que o Neymar vai pegar a bola e resolver tudo sozinho na frente. As seleções europeias utilizam linhas de marcação bem próximas e exige maior qualidade do jogo coletivo do times adversários. Neste ponto, a volta do Felipão foi um grande retrocesso. Apesar do começo ruim, Mano Menezes começava a montar uma equipe mais dinâmica e rotativa no sentido de troca de posições. O Brasil mostrou-se taticamente muito estático e mostrava isso na maneira como os jogadores guardavam excessivamente suas posições em campo.
    Antes de atender aos apelos do Medalhão Marin, Felipão deveria ser mais prudente e analisar o momento dos jogadores. Ronaldinho Gaúcho estava completamente sem ritmo, seria difícil um jogador com apenas uma partida na temporada engrenar e arrebentar contra a Inglaterra. A sua falta de mobilidade e a pouca participação no jogo, sobrecarregou os outros do meio campo. Foi perdida uma grande oportunidade de testar Diego, em boa fase no Wolfsburg e um dos destaques do campeonato alemão.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Pergunta: Não foi você quem falou várias vezes que Ganso e Neymar trariam a Copa de 2010 para o Brasil? Como é que agora ele não pode resolver tudo sozinho?

    Responda a este comentário

    saulo

    Já disse sobre isso várias vezes, 2010 a 2013 são quase três anos. Não acha que o futebol mudou desde aquela época e surgiram novos valores?? E outra coisa, nunca disse que o Neymar e Ganso fossem resolver sozinhos. Seriam opções do Kaká e Robinho. Nenhuma seleção vence uma copa sem um banco qualificado, Dunga pagou caro pela péssima convocação e não tinha alternativas dentro do grupo contra a Holanda.
    Sobre o atual momento e deixando de pensar o superado futebol d 2010, o Felipão deveria observar novas alternativas. Dentre elas, o Diego seria uma aposta. Se fosse na época da última copa, não seria uma boa escolha. A lateral direita seria outra posição a ser revista, o Fagner está em ótima fase.

    Responda a este comentário

  12. Sancho
    7/02/13 - 0:13

    Zarko acha que o excesso de otimismo é porque a Copa está no bolso, mas ele queria o quê, que Felipão, Parreira e Marin se mostrassem desesperados?! Só quando ninguém está vendo.

    A imagem PÚBLICA que eles têm o dever de passar é a que darão jeito no time…

    Responda a este comentário

    Victor

    Marin eu não sei, mas duvido que Felipão e Parreira estejam desesperados mesmo internamente.
    Para eles, o que vier é lucro. Ainda mais para o Parreira que já fez uma cagada monstruosa e já sabe que não perde a moral.

    Responda a este comentário

    Sancho

    Eu sei. Eles gostam de ganhar, e assumiram porque acham que consegue. Agora, está todo mundo confiante porque tem tempo. Mas depois que a gente for eliminado na FASE DE GRUPOS da Copa das Confederações, a coisa aperta…

    Responda a este comentário

    saulo

    Duvido muito ser eliminado na fase de grupos, mas a porca vai feder na segunda fase.

    Responda a este comentário

  13. saulo
    8/02/13 - 16:30

    Felipão volta as suas origens e retrocede o futebol da seleção:http://espn.estadao.com.br/noticia/308974_felipao-minimiza-derrota-mas-ja-pensa-retorno-de-volantes-marcadores

    Responda a este comentário

    Victor

    Tem um jogador que marca e preenche bem o ataque. Foi aquele que resolveu o problema do meio-campo de Dunga. Mas se o Felipão chamar abre guerra com JORNAS.

    Ainda tenho fé que seja chamado. #94feelings.

    Responda a este comentário

    saulo

    O problema é esse, a maioria das pessoas se prendem ao passado e esquecem da evolução do futebol. A seleção brasileira teve participações pífias nas duas últimas edições das Copas e ainda insistem em colocar entre as favoritas. E ainda exaltam o retorno do Parreira e Felipão, ambos estão visivelmentes decadêntes e ultrapassados nas atuais concepções táticas e técnicas. Esse tema foi amplamente debatido no footecom e admitida a defasagem dos treinadores brasileiros. São raros os técnicos realmente antenados e atualizados. O Tite é uma exceção, o Corinthians é a única equipe a jogar bem compacta em linhas de marcação bem próximas dos adversários e muita movimentação.

    Responda a este comentário

    Sancho

    Elano, Ânderson ou Júlio Batista?!

    Responda a este comentário

    saulo

    Nenhum dos três. O Júlio Baptista abro um comentário especial, FOI O PIOR MEIA DE LIGAÇÃO DA SELEÇÃO BRASILEIRA EM COPAS DO MUNDO. Nunca presenciei uma convocação tão bizarra e fora de propósito. Um jogador reserva da Roma, limitadíssimo, estabanado, velocidade burra de puro sangue…não deveria ser a opção do Kaká em nenhuma hipóteses, muito menos estar no grupo. Na época, fiz uma lista de vários na frente e nunca vi alguém ganhar uma vaga na copa por uma grande e única boa apresentação em uma final de copa América. Esse erro praticamente enterrou qualquer chance de reação contra a Holanda, justamente o principal articulador do time estava voltas com problemas do joelho e dores no púbis. E quando olhava no banco, era deprimente ver o ídolo do Matheus e jogar a toalha antes mesmo da partida terminar.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Não senhor. O pior meia de ligação da seleção brasileira em Copas do Mundo foi outro. Foi o Paulo Sérgio em 1994.

    E não sei por que você critica tanto Julio Baptista. Afinal de contas, em Copas do Mundo ele foi tão efetivo quanto… o Messias Rubro-negro.

    Responda a este comentário

    saulo

    A efetividade foi demonstrada contra Portugal: passes laterais, nenhuma criatividade…

    Responda a este comentário

    Sancho

    Num jogo em que o empate interessava os dois?!

    Responda a este comentário

    saulo

    Deveria interessar ao Júlio Baptista mostrar serviço, justamente o reserva.

    Responda a este comentário

    Sancho

    Entra-se para desempenhar função. O empate beneficia aos dois, os dois times falam português, nenhum trabalho para se entenderem.

    Era função não correr riscos, e não corremos. Ele cumpriu seu papel, mostrou todo o serviço que tinha para mostrar.

    Responda a este comentário

    Victor

    Felipe Melo.
    Tente lembrar nas suas primeiras convocações como ele deu a liga na ligação defesa-ataque no meio-campo de Dunga.
    Foi com ele que o time começou a tomar cara de time, e foi com Ramirez que ficou mortal (mas aí aconteceu a maior burrada do Dunga em deixar um Ramirez pendurado em jogo ganho, sendo que Elano já estava fora).

    Responda a este comentário

    Sancho

    Sim, tens razão.

    Do futebol do Melo nunca duvidei. O problema é a cabeça.

    Responda a este comentário

  14. Victor
    5/03/13 - 17:28

    O técnico Felipão convocou nesta terça-feira, no Hotel Royal Tullip, no Rio de Janeiro, 22 jogadores para os amistosos contra a Itália (dia 21 de março, em Genebra) e contra a Rússia (dia 25 de março, em Londres).

    Julio Cesar (Queens Park Rangers)
    Diego Cavallieri (Fluminense)
    Daniel Alves (Barcelona)
    Thiago Silva (PSG)
    Dedé (Vasco)
    Dante (Bayern de Munique)
    David Luiz (Chelsea)
    Marcelo (Real Madrid)
    Felipe Luís (Atlético de Madrid)
    Paulinho (Corinthians)
    Fernando (Grêmio)
    Ramires (Chelsea)
    Jean (Fluminense)
    Luiz Gustavo (Bayer de Munique)
    Hernanes (Lazio)
    Kaká (Real Madrid)
    Oscar (Chelsea)
    Neymar (Santos)
    Lucas (PSG)
    Fred (Fluminense)
    Diego Costa (Atlético de Madrid)
    Hulk (Zenith)

    Dessa turma, eu titularia assim:

    Cavallieri; Daniel Alves; David Luiz, Thiago Silva e Marcelo; Ramires, Hernanes, Oscar e Kaká; Neymar e Fred.

    Responda a este comentário

    saulo

    Algumas escolhas bem estranhas, Dedé não estava bem até a partida contra o Fluminense e o Vasco já mostrou interesse em vender até julho. E o Luiz Gustavo é uma piada, um volante comum e eterno reserva do Bayern.
    Felipão insiste com apenas Daniel Alves solitário e absoluto na lateral direita. A fase não é boa e perdeu uma boa oportunidade de testar Rafael, Marcos Rocha ou Fágner.
    Filipe Luiz é outra piada, nunca disse a que veio na seleção.
    Bernard arrebenta no Atlético desde o brasileirão e inacreditavelmente Hulk e Diego Acosta são chamados.
    Sai Ricardo Teixeira, entra Marin. Sai Mano, entra Parreira. Mudam os nomes, mas as negociatas continuam. Convocam jogadores perto de serem negociados, em fase ruim e de caráter técnico questionável.

    Responda a este comentário

  15. saulo
    21/03/13 - 19:18

    Felipão parece ter adotado o Hulk, não jogou absolutamente nada. Muitos passes errados, finalizações bisonhas, se atrapalhou várias vezes sozinho com a bola e estragava todas as jogadas de contra-ataque. Enquanto o melhor jogador da seleção(Oscar), por incrível que pareça, foi sacado sem qualquer razão. Perdeu uma grande oportunidade de testar Kaká e Oscar juntos.
    E o inexplicável Daniel Alves continua sendo titular absoluto pelos serviços prestados no passado. Seu lado continua uma avenida e é capaz de virar um “Cafu” de 2006.
    Felipe Luís é outro caso a ser explicado, não mostrou qualquer justificativa sua convocação. Era melhor Felipão procurar outro reserva do Marcelo.
    Dois jogadores deveriam ser melhor observados nas próximas convocações: Diego e Philipe Coutinho. Ambos estão em boa fase e abririam um leque maior de opções ao Kaká e Oscar na armação. Duvido muito Felipão sair da mesmice e ousar um pouco mais. A obediência tática e a correria são mais ao gosto do treinador de estilo brucutu.

    Responda a este comentário

    André

    Saulo, vc nao tem qualquer habilidade de lidar com pessoas.

    Felipão está convocando não simplesmente os que jogam melhor. ele está formando um grupo, um time. Mas não time de time de futebol. Um time como equipe.

    Ele não deve convocar e desconvocar, colocar e sacar aleatóriamente jogadores dessa forma. Ele deve acreditar nos caras e dar os feedbacks com as oportunidades de melhoria.

    Afinal, qualquer jogador, até o Messi, precisa saber se está executando aquilo que se espera dele ou não, caso contrário ele nem tem como entender o que deve fazer pra melhorar.

    Em persistindo as falhas, obviamente, as trocas são naturais e compreendidas. Mas essa relação comandante-comandado precisa ser justa e clara, pois caso contrário perde-se completamente a unidade da equipe.

    Philipe Coutinho tem bola. Mas tá longe de mercer oportunidade na seleção. Não importa ele jogar bem. É necessário, primeiro, que o técnico teste os que possui, dê os feedbacks e, caso não haja evolução em cima desses feedbacks, aí sim, buscar opções.

    Responda a este comentário

    Victor

    Os caras não enxergam nada além de um palmo. Para os SAULOS, quando Felipão não chamou Kaká para o jogo contra a Inglaterra acharam que ele não tinha chances. Que agora Ronaldinho não foi bem no outro jogo e por isso não foi chamado para esses.
    Acham que Filipe Luis está mais próximo de ser titular efetivo que Marcelo porque começou jogando.
    Devem entender que Felipão achou que melhoraria o time no jogo substituindo o Fred.
    Eu vi a partida. Tinha de ver o PITI que o Casagrande ficou dando depois que o Felipão fez a substituição diferente da que ele propôs.

    Jamais vai passar pela cabeça desses sujeitos que se Oscar foi bem no primeiro jogo e tinha ido bem no segundo, ele quem deveria sair para a entrada do Kaká. Idem para Fred substituído pelo atacante do Atlético de Madrid, mantendo-se Hulk no jogo.

    Jamais vai passar pela cabeça desses caras que em fase de escolhas, um treinador se certificar que o jogador não presta é tão ou mais importante que verificar que um tem condições.

    Responda a este comentário

    André

    Hoje de manhã tava vendo uma entrevista de um tiozinho lá com aquela boboca da Miriam Leitão e ele falava do financiamento público para emissoras de rádio e tv e citava a BBC.

    Mirian perguntou: “vc acha que se o governo finaciasse a imprensa de alguma forma, ela teria liberdade efetiva de falar tudo, inclusive aquelas matérias de documentos sobre o governo americano?”

    Ele falou: “bem, a imprensa hoje é financiada por empresas. vc não concorda que esses anunciantes também intervém em uma série de matérias de poderiam vir ao ar?”

    Enfim, temq ue filtrar. PRa mim JORNAS sempre serve a um interesse. Inflar os otários (como o Saulo) com um finalidade interesseira é o que os move.

    Sobre o resto aí que escreveu. É isso. Quem nunca trabalhou em equipe não tem como entender essas coisas aí.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Diego? Qual Diego?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Ele ainda insiste com o Diego ex-Santos. Deve ser algum tipo de tara.

    Responda a este comentário

    saulo

    Os dirigentes do Atlético de Madrid devem ser tarados, segundo sua lógica. Em razão do belo desempenho das últimas temporadas, estão prestes a fechar sua contratação e já anunciam como o grande reforço da próxima liga dos campeões.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Você, demente, é que não consegue fazer distinção entre jogador de clube e jogador de seleção. Diego nunca disse a que veio em todas as vezes que foi convocado. Então, de que adianta convocar um jogador que joga horrores em um clube, mas em todas as vezes que foi testado na seleção não rende nada?

    Responda a este comentário

    saulo

    Há quanto tempo o Diego está fora da seleção?? Por acaso tem bola de cristal para dizer antecipamente sobre o fracasso do Diego??? Não acha que os amistosos servem para testar??? E outra coisa, futebol é momento. Se fosse levar em conta o passado, chamaria o Cafu no lugar do Daniel Alves.

    Responda a este comentário

  16. saulo
    21/03/13 - 23:45

    “Felipão está convocando não simplesmente os que jogam melhor. ele está formando um grupo, um time. Mas não time de time de futebol. Um time como equipe.”
    Seleção não é clube do bolinha, um grupo se forma e ganha respeito do treinador quando os jogadores são escolhidos pelos seus méritos dentro de campo. O próprio Tite tem feito isso muito bem no Corinthians e coloca qualquer um no banco. Veja o caso do Emerson, está fora e em nenhum momento esperneou.
    “Philipe Coutinho tem bola. Mas tá longe de mercer oportunidade na seleção. Não importa ele jogar bem”
    Por acaso tem visto os jogos do Liverpool no campeonato inglês??? Como não importa se ele jogar bem??? Por acaso seleção é igual a cadeira cativa, fica independente das atuações??? Essa conversa de grupo “fechado” ajudou a eliminar a seleção na última copa, justamente porque o Dunga não tinha opções no banco.

    Responda a este comentário

    André

    Eu falei grupo fechado animal?

    Saulo acha que o trabalho do técnico é olhar cada rodada do campeonato paulista e escolher os melhores da rodada em cada posição praquela semana.

    Responda a este comentário

    saulo

    O treinador deveria olhar os principais campeonatos e observar os jogadores dos quais possa contar. Para isso, a própria CBF disponibiliza um profissional do qual edita vídeos e repassa a comissão técnica.

    Responda a este comentário

    André

    E quem garante que nao fazem isso? vc?

    Eu acho que o treinador deveria ter um mentor espiritual e profissional, um conselheiro, superior a ele e esse cara deveria ser vc, que é o grande sabichão da porra toda.

    Responda a este comentário

    saulo

    Vou te dar um exemplo, o Flamengo contratou esse profissional especializado em edição e estatísticas sobre jogadores do mercado disponíveis. Esteve na seleção comandado pelo Mano Menezes. Esse trabalho é antigo, desde os tempos do Jairo Leal na época do Parreira pré 94.

    Responda a este comentário

    Andre

    Certo. E qual é o resuktado disso no flamengo? Essa desgraca?

    Responda a este comentário

    saulo

    Os resultados são a longo prazo.

    Responda a este comentário

    André

    Entendi. Eles fodem o clube no curto prazo com a conversinha do longo prazo?

    Que otarice. E vc acredita.

    Responda a este comentário

    saulo

    Otarice é pensar a curto prazo como os “Euricos” da vida e assistirmos essa verdadeira crise no futebol brasileiro. Fazer demagogia dá volta e elege deputado federal.

    Responda a este comentário

    André

    Imbecil, o que é longo prazo pra vc?

    Desde que eu nasci, é essa merda. Só o SPFW caminhou, aparentemente, de forma consistente.

    Sobre Eurico, cale-te.

    Responda a este comentário

    saulo

    E o Corinthians é o que??? Desde quando Andres Sanchez assumiu, foi realizado um trabalho ao longo prazo e não demitiu nenhum treinador. O próprio Tite quase caiu e a diretoria não cedeu as pressões das organizadas. Certamente o Eurico cederia em troca de votos.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    E no fim das contas, por quê a CBF deveria manter este profissional (o nome da função dele é analista de desempenho)? O cara pode fazer o bom trabalho dele, mas no fim das contas você vai criticar o trabalho dele (e por consequência do técnico) sempre que as convocações para a seleção não tiverem os jogadores que você quer.

    Responda a este comentário

    saulo

    Felipão não tem esse perfil de levar muito em conta o trabalho do analista de desempenho. Sempre foi um treinador mais voltado a formar sua “família” e manter sua filosofia de jogo independente das características dos jogadores.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    E como é que você pode afirmar isto de forma tão categórica assim? Você convive com o Felipão? Ele afirmou isto a você?

    Responda a este comentário

    Victor

    Antes fosse olhar cada rodada do campeonato paulista. SAULOS acham que futebol é o que passa nos “canais ESPN”.
    Saulo foi até a casa do Seu Jairo para ver vídeos editados dos “canais ESPN”.

    Responda a este comentário

  17. Bender
    22/03/13 - 10:23

    Assisti os melhores momentos ao vivo! É assim com TV ligada no trabalho com volume baixo (bem baixo).
    Pareceu que o Brasil foi bem. To falando… deixa o Felipão trabalhar.
    Lindo tapa do Oscar no 2×0 e golaço do Balotelli no 2×2.

    Responda a este comentário

    André

    Com esse monte de tv aqui (são 9) na mesa de operações, eu tb vi os melhores momentos.

    Num dado momento vi muitos buracos no posicionamento dos jogadores. Mas no geral, acho que dá pra ver um processo de formação de time.

    Diferente da era Mano, onde as pessoas eram convocadas e não mais convocadas sem sequer entrar em campo. Não havia nenhum projeto de formação de uma equipe.

    Era um bando reunido sem qualquer critério.

    Responda a este comentário

    Bender

    no geral, acho que dá pra ver um processo de formação de time [2]

    É isso. Via algo semelhante com Dunga. Com Mano não consegui visualizar. Seleção não se resume à convocação (dos ditos melhores).

    Foda é que Felipão tem bem menos tempo.

    Responda a este comentário

    André

    Compra fundamentalista. To comprando Felipão.

    Responda a este comentário

  18. Yuri
    22/03/13 - 17:13

    SOBRE BRASIL X ITÁLIA, O MESTRE COMO SEMPRE MATOU:

    https://twitter.com/JOAQUINTEIXEIR1/status/314848497146933248

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Não pense que ninguém viu aquele seu tweet que o Joaquin Teixeira botou pra rolo… hehehehe

    Responda a este comentário

    Yuri

    Não me importo. Foi um trocadilho saudável e na verdade até gostei que ele tenha dado RT (ganhei 10).

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Não foi uma crítica. Acho que ganhar um retuíte do Joaquin conta pontos a favor da pessoa em um possível campeonato de seres humanos.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Ô se conta. E ele já me deu alguns, o que é lisonjeante pois ele dá a poucos esta primazia.

    Responda a este comentário

  19. Serginho Valente
    22/03/13 - 21:12

    Já fechei minha seleção:

    Cássio

    Dedé, David Luiz e Thiago Silva

    Ramires, Hernanes, Kaká e Oscar

    Nem, Fred e Neymar.

    Responda a este comentário

    André

    Sei querer empacotar sua seleção, o que mais me agradou nela foi a forma como vc a escalou, lembrando um 3-4-3.

    Responda a este comentário

    saulo

    Não dá para “fechar” hoje uma seleção, no momento seria essa: Diego Cavalieri, Rafael, Dante, Thiago Silva, Marcelo, Ramires, Paulinho, Oscar, Diego, Neymar e Fred.

    Responda a este comentário

  20. saulo
    26/03/13 - 1:20

    Seleção e sua fraca regularidade:http://espn.estadao.com.br/noticia/318706_mediocre-brasil-de-felipao-sofre-para-empatar-com-a-russia-e-segue-sem-ganhar
    Daniel Alves é o jogador mais regular da seleção, joga mal todas as partidas e segue firme e absoluto sem nenhuma razão. E o Marcelo na reserva contra Itália??? Deveria mandar um chupa ao Felipão e selar de vez sua vaga. Inexplicável é o fraco Felipe Luís no grupo.
    Outro ponto é o meio campo, caso mesmo continue esse marasmo de todos jogarem estáticos e sem troca de posição, serão facilmente marcados na forte marcação das seleções mais expressivas.

    Responda a este comentário

  21. Victor
    26/03/13 - 16:22

    Saulo, ninguém aqui quer saber de Marin. Quer repercutir a luta do teu macho, faz pelo menos no post do Ricardo Teixeira.

    Deixa esse aqui limpinho para os adultos falarem de futebol, deixa.

    Responda a este comentário

    saulo

    A crise do futebol brasileiro vem de cima, a desorganização e a crise da seleção é resultado dos desmandos. A própria indicação do Felipão não foi balizada na competência e nos seus últimos anos. Tudo se valeu da politicagem e da aceitação popular capitalizada pela conquista em 2002. Deixaram de lado a evolução tática e a defasagem do treinador.

    Responda a este comentário

    Victor

    Foda-se. Se postar aqui vai ser apagado.

    Responda a este comentário

    André

    A crise é do conflito de interesse geral.

    Responda a este comentário

    André

    Inclusive com participação da TV, que manda em tudo.

    A crise é de gafanhotismo.

    Responda a este comentário

    saulo

    Realmente, só falta dizer que a crise do futebol brasileiro é culpa da Globo. Nem os mais brizolistas são tão fanáticos.

    Responda a este comentário

    André

    Claro que nao é da globo. Ela apenas faz o papel dela: literalmente explorar.

    A culpa é dos vendidos.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    A crise nada tem a ver com Marin, que é infinitamente menos competente do que seu antecessor, mas que não está lá a tempo hábil de estragar o futebol brasileiro.

    A crise também não tem nada a ver com a Globo, que é uma parceira importante do futebol brasileiro, e só agrega valor ao mesmo.

    A crise tem a ver com a imbecilidade da Lei Zico/Pelé, que destruiu a cadeia produtiva do futebol brasileira.

    Mas pode ser também apenas reflexo de uma entressafra normal no futebol.

    De qualquer jeito, a seleção ainda pode ser melhor escalada.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Tava pensando nisso e devo dizer que nem os pontos-corridos são muito culpados. Pois surgiu em 2003 e as consequências de grandes mudanças só se vê décadas depois (fora que TODOS os jogadores nasceram antes de 2003 e a maioria virou profissional antes disso).

    Usando tuas palavras, o ponto-corridismo não está há tempo hábil para mudar nada. A Lei Pelé está.

    Responda a este comentário

    André

    Insisto que trata-se do conflito de interesses. Que pode estar na lei, na relação comercial e nos proprios dirigentes. mas é ele, o conflito de interesses, que precisa ser trabalhado.

    Onde ele existir, devem-se criar regras de conduta.

    Responda a este comentário

    Victor

    Já eu não vejo crise nenhuma no tocante a Seleção Brasileira, somente a imbecilidade de desmontar abruptamente um time montado por caprichos.

    A Seleção Brasileira estava em altíssimo nível em 2009 e bom nível em 2010 quando deveria pelo que fez em campo ter alcançado ao menos a semifinal da Copa do Mundo e bem possivelmente a final.

    Começou a Copa 2010 com:
    Julio Cesar
    Maicon – Lúcio – Juan – Michel Bastos
    Gilberto Silva – Felipe Melo – Elano – Kaka
    Robinho – Luis Fabiano

    Jogaram contra Rússia:
    Julio César
    Daniel Alves – Thiago Silva – David Luis – Marcelo
    Fernando – Hernanes – Kaka – Oscar
    Neymar – Fred

    Goleiro: mesma merda
    Zaga: lateral direito pior em 2013, esquerdo INFINITAMENTE melhor em 2013, zagueiros respeitáveis em ambos
    Meio campo de 2013 só não é melhor porque Kaká tem ainda de pegar o time para ele e ainda tem gente melhor para entrar como Ramirez.
    Qual ataque você prefere no seu time? (E quem quiser ainda pode voltar com os caras de 2010. Tão aí)

    A burrice foi não ter a calma suficiente para ver que 4 anos daria tempo suficiente para expurgar quem quer que fosse caindo de produção e trazendo a turma nova.

    Não seria tão mais simples começar por quem estava pronto, como Thiago Silva, Ramirez e, que fosse, Daniel Alves. Depois vir com Neymar e Ganso, e quem mais tivesse para ser testado.
    Agora vive-se o absurdo da situação que KAKÁ precisa se entrosar e se encontrar no time.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Altíssimo nível mesmo tava em 2005. Puta que pariu. Aquele 4 x 1 na Argentina acho que foi a melhor atuação dos últimos 10 anos.

    O 3 x 0 na Argentina em 2007 também foi sinistro. Aliás foram dois 3 x 0 na Era Dunga, um amistoso e esse.

    Responda a este comentário

    André

    O 4 x 1 foi na minha avaliação um dos melhores jogos que eu vi da seleção na vida.

    Eu matei o trabalho, pra tomar cerveja num posto de gasolina, vendo o jogo com um amigo, de boné (disfarce) e valeu muito a pena.

    Gostei muito também, do jogo contra a Argentina na copa de 90, que o BRasil jogou muito bem, mas perdeu. E do primeiro tempo contra a holanda na copa de 2010.

    Foram, que eu me lembre de cara, as melhores apresentações da seleção.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Esse primeiro tempo contra a Holanda um pessoal fala mas eu não faço a menor ideia de como foi, haha. Vi o jogo, mas o Lúcio fazendo cagada (e Juan consertando) no segundo tempo suplantou qualquer outra lembrança.

    Será que além de cineamnésia, eu tenho jogo-amnésia?

    Responda a este comentário

    Victor

    É obrigatório assistir ao 1º tempo desse jogo. DEVER DE CASA.
    Uma das raras ocasiões registradas de roubo contra a Seleção Brasileira, especialmente em Copa do Mundo. Que eu tenha visto, a única.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Tenho um resquício de memória do árbitro sendo meio tendencioso, mas no segundo tempo, não no primeiro. Aliás, o primeiro tempo desse jogo para mim NÃO EXISTIU.

    Responda a este comentário

    Victor

    No 2º tempo, o estrago já estava feito. O roubo descarado foi no 1º em que o Brasil ganhou por 1×0.
    Depois restou apenas aos holandeses irem para o ataque sabedores que não perderiam a partida.

    Parabenizo Felipe Melo por ter feito a única coisa digna a ser feita na partida.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Holanda que foi beneficiada na final. Vibrei muito com o Gol de Iniesta™ (essa imagem sim, jamais esquecerei).

    Mas nem torci por isso, torci porque gosto mais da Espanha mesmo, haha.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Responda a este comentário

    Yuri

    Buscar por imagens de Felipe Melo no Google é sensacional. Impossível colocar só uma. O cara vive intensamente o futebol.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Achei o jogo completo no Youtube, mas em holandês. Porra, aí não dá. Penso em ver no mudo.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Brasil x Holanda de 2010 foi um assalto. E tem muito brasileiro que agradece isso, só pelo gostinho de não ver o que fatalmente aconteceria. Dunga dicampeão do mundo com a seleção. E entrando no seleto grupo de Zagallo e Beckenbauer.

    Responda a este comentário

    André

    O primeiro tempo da Holanda foi o mais avassalador. VEja-o. Foi um massacre completo. Nao sei como o BRasil nao virou com 10 x 0.

    Responda a este comentário

    Victor

    Nem quis falar do pré-2006 (oba-oba do Quadrado Mágico) porque não foi preciso voltar tanto no tempo.

    Curioso que 2005 voava como 1989 quando Mazinho, Bebeto e Romário destruíram e colocaram ordem na casa, mas na Copa foram preteridos em função de Careca, MÜLLER e Jorginho.

    Cara, odeio mais o Müller que Saulo odeia o Joel e Julio Baptista, Gaburah o Oswaldo, Serginho o Carlos Aberto e Bona o Senna e Dinamite todos juntos.

    Responda a este comentário

    André

    MAs em 90, lembre-se que Romario quebrou a perna 3 meses antes… ou algo parecido.

    Lembro-me como se fosse hoje de ver a noticia no JN.

    Responda a este comentário

    Victor

    Sim, eu me lembro. Também lembro que o Filé o recuperou e que ele entrou em campo já na fase de grupos contra a Escócia. E que Bebeto amargou um banquinho porque Careca puxou a bosta do Muller para o time titular.

    Bebeto no banco para Muller. É muito desgosto.

    Responda a este comentário

    André

    Esses detalhes eu nao me lembrava. Sim, da dupla Muller e Careca sim. E Careca era atacante do Napoli, no maior Napoli de todos os tempos e talvez no melhor escrete que eu já vi na vida, junto com o Milan de Van Basten e com o Vasco de 2000 (hauhuahuhau).

    Responda a este comentário

    Bender

    Muito escroto 2006 justamente pelo pré-2006 ter sido bom demais. Porra, o time tava voando. Ganhou Copa América 2004, Copa Confederações 2005, jogava bem.
    A impressão que passa é que cagaram pra a Copa ou foram completamente desleixados. Geral chegou gordo na Alemanha! Porra! Negligência total.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    O problema é que no pré-2006, a seleção ia muito bem por que alguns medalhões estavam de fora. Em 2006, colocaram os medalhões de volta. Deu no que deu…

    Responda a este comentário

  22. Victor
    27/03/13 - 0:22

    Acho essa foto aí legal. Desde a publicação desse post até ontem foi meu papel de parede.

    Responda a este comentário

    Victor

    Troquei pela foto do flamenguista vibrando com o gol do Fred.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Papel de parede doido é esse aqui:

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Mineirão depois da reforma?

    Responda a este comentário

    Matheus

    Sim.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Nunca que isso é o Mineirão. Mineirão que é Mineirão sempre terá um pessoal andando em sentido horário (lado direito da TV) e sentido anti-horário (lado esquerdo) e sairá pulando e correndo quando sair um gol.

    Responda a este comentário

    rafael botafoguense

    haha, pode crer!

    Responda a este comentário

    Matheus

    Acabou a Geral.

    : /

    Responda a este comentário

  23. saulo
    31/03/13 - 16:59

    E o Diego não é lembrado:http://a.espn.com.br/noticia/319855_diego-faz-gol-relampago-mas-wolfsburg-cede-empate-em-cinco-minutos-no-alemao

    Responda a este comentário

    Sancho

    Joga em que time do Brasil, mesmo?

    Responda a este comentário

  24. Gaburah
    2/04/13 - 17:05

    Dória convocado. Justíssimo. #Botafogo

    Responda a este comentário

    saulo

    Parece mais um arranjo da CBF e seu empresário. Dória esteve em pauta na lista da Juventus e uma convocação valorizaria muito uma possível transferência. Além disso, esse amistoso é absolutamente inútil em termos de preparação. Sem os jogadores fora do Brasil, será pura perda de tempo.

    Responda a este comentário

  25. Victor
    2/04/13 - 21:40

    O técnico Felipão convocou 18 jogadores para o amistoso do Brasil contra a Bolívia, que será disputado sábado, no Estádio Ramón Aguillera, em Santa Cruz de la Sierra, às 16h30 de Brasília.

    Na organização do Globoesporte:

    Goleiros
    Matheus Vidotto (Corinthians)
    Jefferson (Botafogo)

    Laterais
    Douglas Santos (Náutico)
    André Santos (Grêmio)

    Zagueiros
    Rever (Atlético-MG)
    Dória (Botafogo)
    Dedé (Vasco)

    Meio-campistas
    Jean (Fluminense)
    Arouca (Santos)
    Ralf (Corinthians)
    Paulinho (Corinthians)
    Jadson (São Paulo)

    Atacantes
    Neymar (Santos)
    Ronaldinho (Atlético-MG)
    Alexandre Pato (Corinthians)
    Leandro Damião (Internacional)
    Osvaldo (São Paulo)
    Leandro (Palmeiras)

    Responda a este comentário

    Victor

    Dessa turma, eu titularia assim:

    Jefferson; Douglas Santos, Dória, Dedé e André Santos; Arouca, Paulinho, Jean e Ronaldinho; Neymar e Alexandre Pato.

    Responda a este comentário

    Sancho

    Alguns sérios, outros parecem cota de empresário…

    Responda a este comentário

  26. saulo
    6/04/13 - 22:58

    Um joguinho sem vergonha, totalmente sem propósito e nenhuma utilidade. A Globo deve pensar que o telespectador é bobo e o Felipão vai tirar algum proveito de um adversário frágil e sem mostrar nenhuma resistência. Era melhor colocar um sub 20.

    Responda a este comentário

  27. saulo
    8/04/13 - 0:15

    Olho tático:http://www.espn.com.br/post/321319_ronaldinho-e-neymar-as-observacoes-possiveis-na-quase-inutil-goleada-da-selecao
    Uma explicação bem interessante sobre Neymar:”Mais uma vez, Neymar se jogou em alguns lances e prendeu demais a bola em outros. Mas cabe uma reflexão: não será cruel cobrar do craque santista um futebol mais solidário se o time de Muricy Ramalho há dois anos não preza o trabalho coletivo e transfere toda a responsabilidade de criar,decidir e cavar faltas, recurso comum nos times do treinador, para o seu camisa onze?”

    Responda a este comentário

  28. saulo
    12/04/13 - 23:55

    Esculhambação total, até os dirigentes da Coréia do Norte devem rir na nossa cara:http://www.tribunadaimprensa.com.br/?p=63922

    Responda a este comentário

    Yuri

    Eu acho incrível como essas compras para além de terem os valores escondidos são feitas rapidamente, você vai ler a notícia já compraram ou já tá acertado.

    Incrível, não sabia dessa exigência e JORNAS nunca disseram nada.

    Responda a este comentário

    saulo

    O mais incrível não foi o governo abrir mão da soberânia sobre as obras e construções dos elefantes brancos, foi ter se submetido até seus sistemas de defesa as exigências da FIFA. Invejo Rafael Correa, expulsou a base aérea americana do Equador e a mídia zomba da inteligência das pessoas quando o chama de “ditador”.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Da forma como você fala, parece até que temos um arsenal de defesa de última geração.

    Responda a este comentário

    saulo

    Não é questão de ser o pior ou melhor arsenal de defesa, o problema é a total submissão a ponto do país abrir mão do sua soberania militar.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    E onde que a sugestão de aquisição de um equipamento fere a soberania militar do país?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Mas já discutimos aqui em relação a estas exigências sobre armamentos que a FIFA fez. Segue a reportagem da época:

    http://g1.globo.com/politica/noticia/2013/02/dilma-recebe-medvedev-e-tenta-fechar-compra-de-artilharia-antiaerea.html

    Responda a este comentário

  29. Victor
    16/04/13 - 17:26

    O técnico Felipão convocou nesta terça-feira 18 jogadores para o amistoso contra o Chile. O jogo contra chilenos será realizado no dia 24 de abril, às 22 horas, no Mineirão, em Belo Horizonte.

    Na organização do Globoesporte:

    Goleiros
    Jefferson (Botafogo)
    Diego Cavalieri (Fluminense)

    Laterais
    Marcos Rocha (Atlético-MG)
    André Santos (Grêmio)

    Zagueiros
    Dedé (Vasco)
    Henrique (Palmeiras)
    Réver (Atlético-MG)

    Meias
    Paulinho (Corinthians)
    Ralf (Corinthians)
    Fernando (Grêmio)
    Jean (Fluminense)
    Jadson (São Paulo)
    Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG)

    Atacantes
    Alexandre Pato (Corinthians)
    Leandro (Palmeiras)
    Neymar (Santos)
    Leandro Damião (Internacional)
    Osvaldo (São Paulo)

    Responda a este comentário

    Victor

    Dessa turma, eu titularia assim:

    Diego Cavalieri; Marcos Rocha, Dedé, ________ e André Santos; Ralf, Paulinho, Jean e Ronaldinho; Neymar e Alexandre Pato.

    Responda a este comentário

    saulo

    Felipão começa a inventar novamente, coloca Jean na lateral e tira a oportunidade de testar o especialista Marcos Rocha na função. Apesar do amistoso não servir a nada, sem os jogadores do exterior vira um mero espetáculo de politicagem.

    Responda a este comentário

    saulo

    Amistoso sem nenhum propósito, Felipão não poderá testar força máxima e muitos sequer estarão presentes na Copa das Confederações. Alguns jogadores dessa lista poderiam ter sido convocados nos amistosos anteriores(Itália e Rússia), casos do Marcos Rocha e André Santos. O momento é ruim do Daniel Alves e virou titular absoluto pelos serviços prestados no passado. E na esquerda, o Marcelo é a única opção. O Felipe Luís é uma verdadeira piada.

    Responda a este comentário

  30. André
    24/04/13 - 22:07

    Inicio da transmissão:

    Detalhes negativos:

    1- Cheio de mineiro
    2- Galvão Bueno
    3- Cesar, Menoti e Fabiano (sempre pensei que fossem 3 caras: o Cesar, o Menoti e o Fabiano. Mas são 2) cantando hino! Nao fode.Hino é com banda do corpo de bombeiros ou exército e exatamente a risca.

    Torcendo agora para a torcida cantar “ei galvão vai tomar no cu” como é bonito de ver no mineirão.

    Responda a este comentário

    Victor

    As mineiras da arquibancada deram show.

    Responda a este comentário

  31. Serginho Valente
    24/04/13 - 22:21

    Que bola escrota …

    Responda a este comentário

  32. Matheus
    24/04/13 - 22:30

    Juiz ta de tênis?

    Responda a este comentário

  33. Serginho Valente
    25/04/13 - 15:51

    Acho que a Copa foi pro buraco de vez…Felipão tão perdido quanto o Mano, mas nem é isso o pior. O pior é que a geração é fraca.

    Foda, não vi o Vasco ser Campeão do Mundo em casa. E não verei o Brasil. Só falta a Argentina ganhar para eu desistir de vez do futebol.

    Responda a este comentário

  34. saulo
    25/04/13 - 16:37

    O maior erro da atual direção da CBF foi tirar Mano Menezes na hora errada. Era justamente a melhor fase e a evolução do conjunto. Entrou Felipão e uma filosofia completamente diferente e defasada do futebol praticado pelas grandes seleções e clubes top’s de linha. Marin preferiu ganhar popularidade da conquista do penta em 2002 e deixou de lado o currículo de fiascos recentes do atual treinador.
    A desculpa do Felipão e dos jogadores é sempre a mesma, não tem tempo de treinar. Concordo, todas as seleções convivem com este mesmo problema. A primeira medida a ser tomada era acabar com essa conversa de jogadores “cascudos” e “experientes”. Deveriam ser convocados sempre os melhores, independente do tempo de serviços prestados. A Alemanha começou uma renovação radical em 2006 e fez uma boa campanha em casa. É claro que não tinha um treinador afeito ao futebol brucutu e defasado, precisou fazer uma renovação dos conceitos. E dentro do Brasil, poucos estão atualizados. Posso citar alguns: Autuori, Tite, Gilson Kleina e Ney Franco.

    Responda a este comentário

    André

    Resumindo: MAno ficou quase 3 anos e nao deixou porra nenhuma.

    Responda a este comentário

    saulo

    Deixou um padrão tático definido e um bom jogo no final do seu trabalho. Felipão chegou e estragou tudo. A culpa não é dele, quem o contratou foi o demagogo e incompetênte Marin.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Fico imaginando que se fosse possível (e não é) alguém estragar “estragar o trabalho do Mano” na seleção, teríamos levado uma goleada da Bolívia.

    Por pior que o Felipão esteja, se ele piorar ainda mais, ele ainda será 15 vezes melhor que o Mano.

    Responda a este comentário

    André

    Estragar o trabalho de Mano seria algo bom, na minha opinião.;

    Responda a este comentário

    saulo

    Felipão conseguiu estragar justamente o trabalho do qual o Mano vinha dando certo. A seleção perdeu a mobilidade e a rotação de posicionamento adaptada a realidade das grandes seleções européias. Virou novamente aquela pasmaceira dos clubes daqui, time estático e marcação distânte. O segundo gol do Chile aconteceu justamente por isso, faltou aproximação no combate e o Vargas chutou praticamente sozinho.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Felipão conseguiu estragar justamente o trabalho do qual o Mano vinha dando certo.

    Que trabalho que vinha dando certo? Ganhar de seleções tecnicamente mais fracas e perder para seleções mais fortes? Pelo que vemos hoje em dia, nada mudou. A seleção brasileira com o Scollari continua ganhando de seleções fracas e perdendo para as mais fortes.

    Você fala em mobilidade. Mas a jogada da seleção brasileira desde a época em que Mano Menezes era o treinador continua a mesma: Quem pega a bola passa para o Neymar para que ele tente resolver tudo.

    Responda a este comentário

    saulo

    Felipão teve sucesso contra seleções muito fracas. Podemos classificar o Chile no máximo razoável e a seleção brasileira foi ajudada pela arbitragem extremamente caseira do Amarilla.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Da mesma forma que Mano Menezes.

    Responda a este comentário

    Frank

    O Alexandre está totalmente correto, na minha opinião… o Mano não ganhou de ninguém de expressão enquanto esteve na seleção… duvido muito que se ele ainda estivesse à frente da Seleção, estaria fazendo algo diferente do Felipão…

    Responda a este comentário

    Victor

    Deveriam ser convocados sempre os melhores, independente do tempo de serviços prestados. A Alemanha começou uma renovação radical em 2006 e fez uma boa campanha em casa.

    Deveriam ser convocados sempre os melhores x A Alemanha começou uma renovação radical em 2006

    Responda a este comentário

  35. Victor
    14/05/13 - 10:53

    Joguemos para esse post a convocatória para a Copa das Confederações.

    Responda a este comentário

  36. saulo
    27/05/13 - 1:47

    Por linhas tortas, Carlinhos pode ser lembrado:http://www.lancenet.com.br/selecao/Filipe-Luis-traumatismo-craniano-observacao_0_926307535.html

    Responda a este comentário

  37. saulo
    30/05/13 - 18:26

    Vexame internacional: http://www.lancenet.com.br/selecao/Brasil-Inglaterra-supenso-Justica-Rio_0_928707271.html

    Responda a este comentário

    saulo

    Cassada:http://www.espn.com.br/noticia/333205_liminar-e-cassada-e-amistoso-entre-brasil-e-inglaterra-e-confirmado-para-domingo

    Responda a este comentário

    alexandre

    não removeram o material de construção pq, após a CC, o pseudo-maracanã vai ser (novamente) fechado para “ajustes finais” para a copa do mundo.
    esse estádio virou uma vergonha.
    de resto:
    http://www.totalprosports.com/2011/10/27/11-most-expensive-stadiums-in-the-world/

    Responda a este comentário

  38. saulo
    6/06/13 - 18:33

    Galo sofre mais um desfalque:http://br.esporteinterativo.yahoo.com/noticias/j%C3%B4-%C3%A9-convocado-para-lugar-de-leandro-dami%C3%A3o–lesionado-204120545.html

    Responda a este comentário

    Andre

    Acho que o santos se deu melhor cedendo neymar e colocando 100 milha no bolso do que o prejuizo de nao escala-lo em varzea.

    Responda a este comentário

  39. Saulo
    9/06/13 - 18:10

    Ilusão seria a melhor definição da vitória brasileira, placar mentiroso contra uma França desfigurada e desinteressada. Hulk é o caso mais incrível de titularidade dos últimos tempos, um jogador comum e esforçado. Dá pena ver Oscar sozinho na criação sem ninguém para dividir essas tarefas. O único típico armador é o Jadson, sequer utilizado em nenhum dos amistosos.

    Responda a este comentário

    alexandre

    A França tava muito desfigurada. Será q o time deles pra CC é esse aí mesmo?

    Responda a este comentário

    Andre

    Dormi no jogo, depois que cagaram para a f1.

    Mas 3×0 é mesmo ilusão? Acho que ilusão seria se tivesse sido 1×0.

    Responda a este comentário

    Andre

    Falar nisso saulete, resolvi particioar de uma pelada maneira na grama sexta a tarde. Porra, fiquei no gol e tom com as pernas doendo demais! Muito puxado!

    Responda a este comentário

    Saulo

    Deveria tentar o Playstation.

    Responda a este comentário

    André

    É verdade. O playstation dá câimbra nos dedos.

    Responda a este comentário

    Victor

    Eu fiquei acordado e vi que Hulk é um baita jogador. Na direita fez o papel dele e do Daniel Alves no ataque e na esquerda melhor ainda, porque faz o dele e coloca o craque Marcelo para jogo.
    O Daniel Alvez finalmente não fez uma má partida.
    Neymar finalmente me irritou (mas relevem, pois minha torcida é para o Fred fazer os gols e me emputece além do normal Neymar não passar a bola para tanto).

    Não foi nenhum vareio de bola, mas os 3×0 foram bem encaixados e compatível com o jogo.
    Ilusão é um player mundial como o Brasil, mesmo com Mano, renovação, time universitário ficar uma geração sem ganhar amistoso de outro campeão do Mundo. Ilusão é achar que uma Seleção desse naipe não tem “risco” de ganhar um torneio.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Hulk não é um jogador habilidoso, mas cumpre função tática solicitada muito bem. Ataca e defende muito bem (ainda mais para um jogador acostumado a jogar no ataque). Não seria a minha opção de jogador para a posição. Mas não posso reclamar dele que vem desempenhando muito bem a função.

    Responda a este comentário

    Victor

    Eu acho que ele é habilidoso. Dribla bem no ataque, passa bem e sabe chutar de fora.

    No time do Mano achava ele burro, mas com Felipão foi um dos primeiros a se acertar. Mudei minha impressão, portanto.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Pior é Saulo: “Hulk é horroroso. sabe correr, chutar e cabecear. (!!!)”

    Responda a este comentário

    Saulo

    O Hulk é um jogador útil a qualquer clube, na seleção precisa levar sempre os melhores jogadores do país e tem vários das mesmas características. Qualquer defesa bem postada vai anular suas jogadas em velocidade e manjada. Dentro do elenco convocado pelo Felipão, gostaria de ver o Jadson ao lado do Oscar na armação. Falta um outro meia de toque de bola e passe mais qualificado.

    Responda a este comentário

    Saulo

    Talvez a titularidade do Hulk se explique pelos valores financeiros:http://blogdoperrone.blogosfera.uol.com.br/2013/06/mais-caro-que-neymar-hulk-ja-tem-saida-da-russia-negociada-por-agentes/

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Talvez exista gente que pague esse valor porque ele rende alguma coisa dentro de campo. Se cobrassem isso pelo Jadson, será que pagariam?

    Responda a este comentário

    Saulo

    Hulk é atacante de força física e criatividade nunca foi seu forte. Se o Felipão realmente quer alguém para recompor a marcação e melhorar o passe, o jogador mais indicado é o Jadson. A questão principal é a coincidência do fato de um jogador comum estar sendo negociado durante um torneio de grande visibilidade.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Realmente. É estranhíssimo um jogador titular da seleção brasileira ser negociado. Acho que nunca aconteceu antes. Ainda mais um jogador que frequenta a seleção há 4 anos.

    Responda a este comentário

    Victor

    Bem como um jogador brasileiro negociado e/ou pretendido por esses valores e clubes ser convocado para sua Seleção.

    Responda a este comentário

    Saulo

    Estranhíssimo é um jogador jogar sempre mal e ser titular absoluto, próximo a ser negociado a valores exorbitante. A mesma situação da sua escolha entre os três acima de 23 na olimpíada, convocado no momento da sua saída do Porto.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Estranhíssimo é um jogador jogar sempre mal e ser titular absoluto

    Esta é a sua opinião. Pro que o Felipão pede, Hulk cumpre muito bem a função. Impressionante é ver como o Hulk vem jogando melhor na seleção neste período com o Felipão do que no período do Mano.

    Responda a este comentário

    Saulo

    Cumprir função tática é um papel que qualquer jogador poder fazer, na seleção precisa fazer isso e ter talento. Não é o caso do Hulk, o futebol brasileiro possui melhores opções.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Cumprir função tática é um papel que qualquer jogador poder fazer

    Não. Se o jogador for burro, não vai conseguir cumprir função tática alguma.

    na seleção precisa fazer isso e ter talento

    Também não. Já vimos vários exemplos de jogadores sem talento algum que já participaram da seleção.

    Responda a este comentário

    Saulo

    Quando o técnico é atualizado e capacitado, consegue até o jogador talentoso e indisciplinado taticamente a jogar pelo time. O problema é ensinar um jogador cheio de limitações a criar jogadas e situações de gol, não é o caso do Hulk contra adversários mais qualificados da seleção brasileira.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    No momento da sua saída do Porto, clube em que foi eleito melhor jogador do campeonato português e artilheiro da competição? Tem razão, muito estranho!

    “Estranhíssimo é um jogador jogar sempre mal e ser titular absoluto”

    Tá falando de quem? Júlio César? Daniel Alves? Neymar? Oscar?

    Responda a este comentário

    Saulo

    Campeonato português deve ser sensacional e extremamente competitivo. Até o Jardel conseguiu ser ídolo a ponto dos portugueses pediram sua naturalização e jogar na seleção do país.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    O Flamengo trouxe uma das soluções para o seu meio de campo de lá do futebol português…

    Responda a este comentário

    Saulo

    E por acaso alguma vez disse que o Elias é jogador de seleção??? O Hulk poderia ser uma boa solução em qualquer clube, dependendo da carência do elenco.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Ô Zebra, ou ele é uma boa solução em qualquer clube, ou ele é uma boa solução dependendo da carência do elenco.

    Responda a este comentário

    Andre

    Ele se baseia no Flamengo, onde sempre há carência no elenco e também se enquadra no quesito “qualquer clube”.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    E o Jadson? Foi eleito melhor jogador de que campeonato?

    Responda a este comentário

    Victor

    Julio Cesar
    Fagner,Argelim (sic) e Carlinhos
    Daniel Alves, Jadson, Alex, Diego, Ganso e Lucas
    Neymar

    Essa é a Seleção do Saulo.

    Responda a este comentário

    Saulo

    Diego Cavalieri, Fagner, Thiago Silva, David Luiz, Marcelo, Hernanes, Paulinho, Oscar, Diego, Neymar e Fred. Seria um 4-3-1-2, Fagner ficaria mais preso, Diego mais centralizado e Oscar pela meia esquerda.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    FAGNER? Huahauhauha…Marcando? HUhauhauhauhauha…

    Responda a este comentário

    Saulo

    Serginho não viu o Fagner no futebol alemão, os treinadores alemães conhecem profundamente futebol e ajudaram a corrigir esse defeito na cobertura. Aliás, os profissionais daqui afirmam sempre a necessidade do jogador brasileiro evoluir taticamente, mas torcem o nariz quando contratam um estrangeiro para dirigir uma seleção ou clube no Brasil.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    HUahuhauahuahuahuaha…

    Responda a este comentário

    Saulo

    Não disse isso, o Jadson é armador. Hulk não passa de um atacante esforçado que cumpre as funções táticas determinadas pelo Felipão, mas falta criatividade e melhor passe.

    Responda a este comentário

    Saulo

    Jadson não seria meu titular, preferia Diego ou Philipe Coutinho na armação ao lado do Oscar. Como o Felipão não os convocou, o Jadson é o único jogador dessa característica no grupo da seleção.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Ainda bem que não é você que convoca ou escala.

    Responda a este comentário

    saulo

    Infelizmente, certamente Daniel Alves e Felipe Luís estaria fora da minha seleção.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Pelo visto o português também…

    Responda a este comentário

    Victor

    Hulk não passa de um atacante esforçado que cumpre as funções táticas determinadas pelo Felipão, mas falta criatividade e melhor passe.

    Responda a este comentário

    saulo

    Realmente, o Hulk sempre joga melhor quando entra nos quinze minutos finais e os outros jogadores estão mais desgastados. Fica muito mais fácil encontrar um espaço neste tipo de situação. E mais uma coisa, não é habitué dele dar um passe desse com certa frequência. Se fosse assim, o Williams seria um craque:https://www.youtube.com/watch?v=To8vAsvCk6E

    Responda a este comentário

    Victor

    Hulk não tem habilidade, Fred atrapalha o ataque e Felipão não sabe instruir seus jogadores à beira do campo…

    Responda a este comentário

    Douglas

    Fred, mesmo com companheiros de ataque incapazes de municiá—lo decentemente, segue com aproveitamento impressionante. Ora, se com a bola chegando tão pouco o cara já faz esse estrago, imagine com companheiros menos egoístas e mais inteligentes. Que Neymar esquente o banco. Desde Bebeto e Romário não existe DUPLA de ataque na Seleção.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Rivaldo e Ronaldo era uma senhora dupla de ataque.

    Responda a este comentário

    Douglas

    Para mim, nunca funcionou como dupla. Eram dois grandes jogadores, mas jamais se completaram como Bebeto e Romário. O baiano, aliás, sofreu quando teve de formar dupla com Ronaldo, que sempre foi individualista, vide os jogos olímpicos de 1996 e a Copa de 1998.

    Responda a este comentário

    Victor

    Também faço essa divisão didática.
    Ronaldo e Romário também foram ótimos juntos. Bebeto aquela altura era o reserva, mas ficou titular na Copa pelo corte desnecessário do Romário.

    Interessante que justamente nessa Copa Zidane ficou de fora, suspenso, em algumas partidas da França. Coisa que Romário poderia ter ficado à espera de uma semifinal ou final.

    Responda a este comentário

    Andre

    Eu acho que, em parte, um dos motivos de limarem Romário foi que Ronaldo OBRIGATORIAMENTE seria banco.

    Responda a este comentário

    Saulo

    A comissão técnica se embasou na opinião dos médicos e viu que a recuperação do Romário não teria tempo suficiente. Era previsto voltar apenas nas oitavas e fora de forma em uma fase eliminatória. Um fato, o Flamengo fez um amistoso contra o Internacional no dia seguinte da partida Brasil x Chile. Romário jogou setenta minutos e sofreu um novo estiramento.

    Responda a este comentário

    Andre

    Se foderam. Perderam a copa tomando vareio.

    Responda a este comentário

    Saulo

    Iria perder de qualquer jeito, os volantes eram lentos e fracos, Leonardo era uma piada e Roberto Carlos mascarou e errou um lençol no lance de escanteio da final.

    Responda a este comentário

    Andre

    Poderiam até perder… mas não teria ninguém amarelando em final.

    Responda a este comentário

    Victor

    Claro, claro… um Brasil precisa de 23 jogadores voando em um rodízio milimetricamente calculado para passar das oitavas de uma Copa do Mundo…

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Alguém lembra quem foi convocado no lugar do Romário? E quanto tempo esse ser jogou na Copa?

    Responda a este comentário

    Victor

    Até que jogou. Foi o Emerson.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Bebeto já não tinha o mesmo rendimento.

    Responda a este comentário

    Matheus Caldas

    Ronaldo em 98 não pregava banco de ninguém. Talvez nem do Romário, que foi o melhor jogador que vi jogar.

    Responda a este comentário

    Andre

    Ronaldo seria secundário a Romário em 98, 2002 ou até mesmo 2006, se fosse o caso.

    Ronaldo não serve pra engraxar a chuteira do Romário.

    Responda a este comentário

    Andre

    Como um imbecil que não sabe cabecear uma bola poderia ser comparado em QUALQUER FASE a Romário?

    Responda a este comentário

    Andre

    Aliás, só olhando os gols:

    Romário (1998 a 1999 – Flamengo – 2 anos) – 87 gols
    Ronaldo (1997 a 2002 – Inter – 5 anos) – 59 gols

    Romário (2005 a 2006 – 1 ano) – 73 gols
    Ronaldo (2002 a 2007 – 5 anos) – 104 gols

    Responda a este comentário

    Matheus

    André, que comparação superficial. Desconta o tempo de cada um parado por contusão.

    Romário foi melhor que Ronaldo. Mas em 97/98 o Gordo tava incrível. Pra mim, foi a melhor fase dele. Não pegava banco nem do Romário, que dirá do Bebeto.

    Responda a este comentário

    Andre

    Matheus, não tiro a bolinha do Ronaldo não.

    Mas se na comparação superficial, Romário já dá um pau, pra que ir além disso?

    Mas pode até ser que Ronaldo estivesse em grande fase. Mas a final mostra que a cabeça, que é de suma importância, não era compatível com sua bola. Ainda.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Pergunte ao Pelé.

    Responda a este comentário

    Andre

    Pelé, o poeta?

    Responda a este comentário

    Matheus

    Pelé, o segundo melhor da história.

    Responda a este comentário

    Andre

    Pois é. Só que Romário meteu mais gols em jogos oficiais. Prefiro a opinião do baixinho. Entende mais.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Se analisarmos bem a atual seleção, o jogador que realmente destoa é o Neymar. Destoa por que tem pouca visão de jogo (ou então por que quer jogar pra ele), prendendo a bola o máximo que puder ao invés de tocá-la para um companheiro em melhor posição.

    Espera-se que ele aprenda alguma coisa neste período no Barcelona.

    Responda a este comentário

    alexandre

    é vero. engraçado é q os comentaristas de tv vivem falando q ele tem q partir pra cima mais e mais e blablabla… ao menos foi isso o q os babacas da grobo ficavam falando durante a partida. acho q deve ser pq o neymar é o atual abre-alas/carro chefe/porta-bandeira do mais novo sucesso do marketing esportivo.

    Responda a este comentário

    Douglas

    Fred, mesmo com companheiros de ataque incapazes de municiá—lo decentemente, segue com aproveitamento impressionante. Ora, se com a bola chegando tão pouco o cara já faz esse estrago, imagine com companheiros menos egoístas e mais inteligentes. Que Neymar esquente o banco. Desde Bebeto e Romário não existe DUPLA de ataque na Seleção.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Se analisarmos bem a atual seleção, o time era uma bosta. Continua uma bosta. Mas começa a melhorar.

    Responda a este comentário

    alexandre

    eu acho o hulk um lixo. mas eu estou mal acostumado… sabe como é… cresci assistindo o Romario, Ronaldo e Adriano detonando no ataque da amarelinha.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Qual Adriano?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Ele deve estar se referindo ao Adriano Ex-Imperador.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Eu imaginei. Só me neguei a acreditar.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Pô neto, durante um tempo o Adriano foi muito bem…

    Responda a este comentário

    Douglas

    Eu também apostei minhas fichas no Adriano. O problema é que ele nunca quis ser jogador de futebol, mas sim seguir a profissão dos seus amigos de comunidade.

    Responda a este comentário

    Andre

    Eu achava inclusive ele melhor que Ronaldo, já que sabia cabecear, coisa que Ronaldo passou a carreira inteira sem saber fazer.

    Uma pena sua perna direita ser tão cega.

    Sem dúvida, ninguém desses bate Romário. Nem em sonho.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Foi bem, mas longe de sequer ter chegado perto de Romário, Bebeto e Ronaldo.

    Acima de Hulk, sim. Claro. Mas se o Hulk me deita numa Copa América próxima aí, já coloco no mesmo patamar.

    Responda a este comentário

    Andre

    Na boa Matheus, eu acho um acinte vc criar um grupo onde estariam Romário, Bebeto e Ronaldo.

    Ronaldo, na minha ótica, não faz parte do mesmo grupo, NEM FODENDO.

    É o mesmo erro de colocar Schumacker e Senna no mesmo grupo.

    Responda a este comentário

    Bender

    Adriano é um fdp! Não quer porra nenhuma. Aposentado do futebol hoje aos 30 anos. Estaria voando quisesse algo.

    Duplas no ataque:
    Romário-Bebeto fodástico demais
    Ronaldo-Rivaldo show
    Romário-Ronaldo irado. Faltou jogarem uma copa
    Ronaldo-Bebeto foram bem na medida do possível

    Tudo muito melhor pra quem começou com Careca-Muller.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Careca-Muller se torna exponencialmente pior porque impedia Bebeto-Romário.

    Responda a este comentário

    Andre

    Mas Careca, era atacante daquele time do Napoli… Difícil tb não ter o cara.

    Responda a este comentário

  40. Saulo
    15/06/13 - 16:01

    Esclarecedora a entrevista do Mano Menezes no programa Bola da Vez. Perguntado sobre a opção dos treinadores brasileiros colocarem volantes para marcarem exclusivamente as subidas dos laterais, foi bem claro: quando os volantes cobrem os lados, deixam espaços no meio. Foi exatamente os últimos gols tomados contra a Itália e Inglaterra, adversários fortes. E na hora de atacar, mostra a falta de armadores na hora de saber dar um passe mais difícil e uma virada de jogo contra defesas melhores postadas.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Falou o cara que treinou o Brasil três anos sem nenhuma vitória decente.

    Responda a este comentário

  41. Saulo
    15/06/13 - 18:15

    PQP!!! O “incrível” Hulk errou tudo, matou os contra-ataques…e se limitou UM CHUTE pela rede do lado de fora. E o Daniel Alves foi bastante solidário, não acertou NENHUM CRUZAMENTO, participou pouco e continua sendo titular absoluto.
    Por outro lado, Oscar e Marcelo fizeram ótimas ultrapassagens pelo lado esquerdo e criaram muitas jogadas. Tempos atrás já chamava a atenção do jogador do Chelsea antes mesmo da primeira convocação, alguns aqui desprezaram e agora conseguem perceber o grande jogador. Talvez mudem de ideia quando o Felipão algum dia resolver dar alguma chance ao Philipe Coutinho.

    Responda a este comentário

  42. saulo
    14/08/13 - 11:41

    Felipão e a imprensa chapa branca deveriam cobrar coerência deles mesmos, acho válido não garantir vaga no grupo a jogadores sem atividade em seus respectivos clubes(Júlio César e Luiz Gustavo). Porém, o Luiz Gustavo jogava muito pouco no Bayer e era reserva cativo do Javi Martinez na última temporada.

    Responda a este comentário

  43. saulo
    21/08/13 - 13:31

    Felipão convoca:
    CONVOCADOS:
    GOLEIROS:
    Jefferson (Botafogo)
    Julio Cesar (QPR)
    LATERAIS
    Daniel Alves (Barcelona)
    Marcelo (Real Madrid)
    Maicon (Roma)
    Maxwell (PSG)
    ZAGUEIROS
    Thiago Silva (PSG)
    Dante (Bayern de Munique)
    David Luiz (Chelsea)
    Henrique (Palmeiras)
    MEIAS
    Luiz Gustavo (Wolfsburg)
    Paulinho (Tottenham)
    Hernanes (Lazio)
    Ramires (Chelsea)
    Fernando (Shakhtar)
    Oscar (Chelsea)
    ATACANTES
    Neymar (Barcelona)
    Fred (Fluminense)
    Lucas (PSG)
    Jô (Atlético-MG)
    Bernard (Shakhtar)
    Hulk (Zenit)

    Fora as bizarrices em deixar de fora Philipe Coutinho e o Rafael ou Mário Fernandes, Felipão convoca o “novato” Maicon de apenas 33 anos. Não sei realmente o critério “técnico” levado em conta, porque se trata de um jogador em má fase física e técnica desde a Copa América de 2011. Por outro lado, parece que as picuinhas sobre o Ramires foram dissipadas e finalmente voltou. Talvez seja uma boa alternativa no lugar dos brucutus Luiz Gustavo e Fernando.

    Responda a este comentário

  44. saulo
    2/09/13 - 17:55

    Fred é cortado e o Felipão convoca Pato. A escolha foi acertada, o ataque ganha mais movimentação e menos chuveirinhos na área. Corinthians perde seu melhor jogador por causa do calendário, vai entender.

    Responda a este comentário

  45. saulo
    3/09/13 - 13:52

    Seleção brasileira ganha dois reforços, Daniel Alves e Hulk foram cortados por contusão. Questionável é a comissão técnica saber dos problemas físicos de ambos os atletas e não ter prevenido convocando outros jogadores no lugar. Seria bom testar Bernard e Oscar no setor de armação, vai mudar completamente as características do meio campo e dar melhor qualidade na criação e toque de bola. E o decadente Maicon será o titular, provavelmente o Felipão irá se arrepender ter chamado.

    Responda a este comentário

    saulo

    Finalmente Marcos Rocha é lembrado, deveria ter sido testado na Copa das Confederações. Tomara que o Felipão dê oportunidade e esqueça de vez o Maicon e Daniel Alves.

    Responda a este comentário

  46. saulo
    6/09/13 - 14:50

    O possível desfalque do Oscar pode causar um sério problema, Felipão não convocou nenhum jogador de características parecidas e deverá deslocar o Paulinho mais a frente e o Ramires mais recuado. Seria uma boa oportunidade de testar o Evérton Ribeiro nesta função, joga muito parecido e o próprio treinador não fechou o grupo.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Não. Éverton Ribeiro não merece seleção.

    Responda a este comentário

    Andre

    Diante o quadro atual do futebol brasileiro, pretendo assistir ao jogo da seleção, que normalmente acho uma merda. Mas tem felipão lá… sei lá…

    Se o ibope me pegasse HOJE: “pra que time vc torce?” eu diria: Brasil.

    Responda a este comentário

    Victor

    Cara, para um sujeito acha que o Fagner, que não tem nem mesmo a capacidade de deixar uma bola sair pela lateral, deveria ser o titular na Seleção, Everton Ribeiro deve ser deus.

    Responda a este comentário

    saulo

    Os critérios do Matheus são bastante questionáveis. Recentemente pediu Dedé e Egídio na seleção, sem esquecer na sua defesa veemente da pífia passagem do Júlio Baptista na reserva do Kaká. Éverton Ribeiro seria uma boa opção na reserva do Oscar, não temos no futebol brasileiro um meia do qual jogue pelos dois lados do campo e se movimente o tempo todo. Seria uma opção na divisão ao lado de um meia típico de ligação como Bernard ou Philipe Coutinho.
    E o Fagner fez uma boa temporada na Alemanha, chegou no Vasco nas suas férias e ainda não teve tempo suficiente a voltar a sua forma física ideal. A lateral direita é um problema tanto na titularidade quanto na reserva. Daniel Alves e Maicon são jogadores decadentes e sérios candidatos a Cafu de 2006. Felipão não fechou o grupo e deveria dar chances ao Rafael e ao Mário Fernandes. Esses outros já tiveram milhares de oportunidades e já mostraram que os ciclos já deveriam ter sido encerrado há tempos.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Não tentarei explicar meus motivos.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Você gosta de um meia de ligação que jogue nos dois lados e se movimente o tempo todo??

    Responda a este comentário

    saulo

    Uma meia de ligação joga mais centralizado e próximo aos atacantes. O Philipe Coutinho fez esse papel no Liverpool. E o terceiro homem, joga se movimentando pelos lados e busca jogadas com os laterais e volantes. Quem faz esse jogador mais adiantado no Chelsea é o Mata ou Hazard. Essa é a diferença de posicionamento tático.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    E você acha que o terceiro homem deve vir de trás, fazendo o vai e vem?

    Responda a este comentário

    saulo

    Depende das características, no futebol brasileiro o Oscar é o único que faz perfeitamente a função. Geralmente se movimenta mais pelos lados.

    Responda a este comentário

  47. saulo
    7/09/13 - 23:26

    Constrangedor, a melhor definição da seleção australiana. Tamanha a fragilidade a ponto de afirmar sobre a importância do amistoso: não se aproveitou praticamente nada e sequer serviu em dar algum balizamento sobre a evolução dos jogadores. Noventa reais era caro demais, dez reais estava de bom tamanho a mediocridade do adversário.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Achei ótimo. Se o Brasil massacra, como tem que fazer, começam essa babaquice de amistoso sem utilidade. Mas estivesse o Mano por lá, seria jogo duro. Enfim, Felipão mostra novamente estar no caminho certo.

    Responda a este comentário

    saulo

    Seria a mesma coisa, a seleção da Austrália é muito fraca como os seus adversários das eliminatórias asiáticas. Bateu em bêbado. Agora a CBF planeja um espetacular confronto contra a poderosa seleção de Zâmbia em outubro.

    Responda a este comentário

  48. Andre
    8/09/13 - 11:43

    Saulo, só que vc tá esquecendo que a Relapso acabou de voar as confederações, em cima de grandes seleções.

    Responda a este comentário

    Andre

    Relapso = seleção.

    Voar = copar

    Celular fdp.

    Responda a este comentário

    saulo

    Ganhou e depois perdeu em seguida para a razoável e bem defensiva Suíça.

    Responda a este comentário

    Andre

    Mesma seleção que derrotou a Espanha anos atrás…

    Todos os times ou seleções, por maior que seja seu nível, eventualmente perderão partidas.

    Vc está sendo muito rigoroso com um time que já tem forma em tão pouco tempo de trabalho, já venceu um torneio vencendo Itália, Uruguai e Espanha (sacolando impiedosamente esta última, inclusive).

    Responda a este comentário

  49. Matheus
    8/09/13 - 23:30

    Saulo é engraçado. Pede que os times tenham mais datas para fazer excursões pela Europa e Ásia, onde irão enfrentar times muito fracos, e depois reclama do Brasil fazer a mesma coisa.

    Và entender.

    Responda a este comentário

    Sancho

    Só é fraco depois do resultado. Antes, silêncio.

    Responda a este comentário

    saulo

    Seleção brasileira é diferente, tem um nome a zelar e muitas outras grandes seleções querem enfrentá-las.

    Responda a este comentário

    saulo

    Faltou um grande detalhe: a seleção joga em casa a próxima casa e tem a obrigação de fazer uma preparação decente. Enfrentar seleções fracas não ajuda em nada, apenas prejudica os times brasileiros e esconde os defeitos.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Saulo, mas não foi você quem disse que a Seleção Australiana era muito superior às da Oceania, passando a jogar as Eliminatórias da Ásia, na qual se classificou para a Copa de 2014 e que, só por isso, o Taiti estava na Copa das Confederações, o que era uma vergonha?

    Saulo, a Austrália está na Copa de 2014. Outros países da Ásia não estão. A Copa do Mundo de 2014 será uma vergonha pela presença dessa seleção?

    Responda a este comentário

    Victor

    Austrália teve futebol na moral em 2006 e 2010.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    A Copa do Mundo pra “eles” é o campeão da América do Sul x Campeão da Europa.

    Responda a este comentário

    saulo

    A Austrália é muito superior a qualquer seleção de jogadores sim-amadores da poderosa Oceania. O Taiti é um exemplo: apenas um jogador se dedica inteiramente ao futebol profissional e joga em um clube pequeno na sensacional liga da Grécia. E além disso, a seleção se enfraqueceu muito depois das Copas de 2006 e 2010. Nem sempre se formam jogadores de bom nível na mesma geração.
    E a Ásia teve apenas um bom resultado em 2002, porque a arbitragem foi a pior de todas as copas. Coréia do Sul e Japão foram muito beneficiadas, principalmente a primeira. As eliminações da Itália e Espanha foram casos de polícia.

    Responda a este comentário

    Andre

    Saulo,

    A Australia é fraca. E o Brasil foi lá e goleou a Austrália.

    Espanha é forte, o Brasil sacolou.

    Itália, ganhou.

    Uruguai, ganhou.

    Ganhou do campeão mundial-copa das confederações-europeu, do campeão da américa, do vice campeão europeu.

    Uma coisa, é uma seleção obter bons resultados e eventualmente não vencer. Foda-se. Isso não elimina o trabalho. Se o Cruzeiro perder um jogo essa semana, ele não virou uma merda. Ainda estará na ponta, com folgas.

    Outra coisa, é jogar mal toda hora.

    É diferente, não tem porque cornetar.

    Tchau.

    Responda a este comentário

    saulo

    Itália jogou muito desfalcada e o Uruguai é apenas uma seleção razoável. E o Brasil jogou bem apenas uma vez, o título das Copa das Confederações mascarou muitos defeitos e não é a primeira impressão errada. Basta ver os últimos resultados em 2005 e 2009.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Você não respondeu a pergunta.

    Responda a este comentário

  50. saulo
    26/09/13 - 17:04

    Felipão convocou e mais uma vez o zagueiro Henrique parece cada vez mais forte candidato a sua família. Tão inexplicável quanto deixar Gil e Miranda como verdadeiros concorrentes a quarta vaga. Dedé foi uma lembrança justa, voltou a jogar bem. E o Pato é uma escolha bem estranha, reserva no Corinthians e se mostra apático quando entra em campo e não marca gols. A lateral direita continua a ser o maior problema, nenhum novato foi chamado e continua a mesma velharia de 2010. A desculpa do Mário Fernandes não estar na lista não cola, está no mesmo barco dos outros jogadores do leste europeu.

    Responda a este comentário

  51. saulo
    12/10/13 - 19:25

    Desde quando foi convocado pela primeira vez o Hulk conseguiu a incrível façanha de fazer a pior atuação na seleção. Mesmo sendo uma Coréia do Sul cheia de limitações e sem a marcação rígida dos grandes times europeus. Chega a irritar os seus companheiros ao ver seu repertório de passes errados e contra-ataques desperdiçados. Culpado é o Felipão, nunca foi do seu feitio utilizar dois armadores e seu desenho tático corre o risco de ficar previsível aos grandes adversários. Dá pena ver o Oscar jogar praticamente sozinho na criação e totalmente fora da sua posição, nunca foi um meia centralizado e rende melhor se movimentando pelos lados do campos. E o Bernard incrivelmente segue no banco, mesmo apresentando melhores atuações do titular Pavoroso Hulk.
    Felipão não deve assistir as partidas do Chelsea, desde os tempos do Di Matteo o Ramires não é armador pelo lado direito. Costuma ser o primeiro ou segundo volante. Mais a frente fica sem muito espaço nas suas arrancadas e o fator surpresa vai por água abaixo.
    Daniel Alves é o caso típico da preguiça e da falta de ousadia do Felipão em buscar novas opções na lateral direita. Ao ponto de ressuscitar o veterano e frequentador assíduo do departamento médico, Maicon. Desde quando Guardiola deslocou Lahm, o Rafinha passou a fazer grandes atuações e mostrou muita regularidade. Deveria ser melhor observado.

    Responda a este comentário

  52. saulo
    15/10/13 - 17:13

    Rica Perrone resumiu bem o momento da seleção:http://www.ricaperrone.com.br/definicoes/

    Responda a este comentário

  53. saulo
    16/10/13 - 17:19

    Menos pior, desta vez a seleção enfrenta a forte Rússia e a fraca Honduras.

    Responda a este comentário

  54. saulo
    24/10/13 - 0:25

    Felipão cai no trote e confirma Diego Costa:http://www.lancenet.com.br/futebol-internacional/Felipao-Diego-Costa-amistosos-Brasil_0_1016298546.html
    Em péssimo portunhol.

    Responda a este comentário

  55. saulo
    16/11/13 - 23:50

    Pura perda de tempo e um grande risco, foram essas sensações sobre a partida contra a super esquadra de Honduras. Os hondurenhos não jogaram futebol, seus jogadores pareciam lutadores de UFC e poderia contundir gravemente o Neymar e outras importantes peças do Brasil. A CBF literalmente se lixa do aspecto técnico e a integridade física dos seus atletas, prefere se concentrar exclusivamente nos milhões arrecadados nos seus cofres. Foi a pior arbitragem deste ano e incrivelmente ninguém foi expulso.
    Definitivamente Jô não é opção do centroavante tão almejado pelo Felipão, simplesmente conseguiu desaparecer do jogo contra um adversário tecnicamente muito inferior. Não é a toa o Fred ser figura carimbada na copa, porém não existe nenhuma garantia de ficar livre de lesões comuns ao longo da sua carreira. Se realmente não abre mão de alguém dessas característica, seria melhor pensar no gordinho Walter ou usar o Neymar como falso nove. Mano já tinha feito antes, porque já sabia da safra ruim de goleadores.

    Responda a este comentário

  56. Sancho
    17/11/13 - 3:15

    Amistosos em 2013

    UEFA: Inglaterra (2), Itália, Rússia, França, Suiça e Portugal;
    AFC: Coréia e Austrália;
    CAF: Zâmbia;
    Concacaf: Honduras;
    Conmebol: Chile (2).

    Jogos Oficiais em 2013

    Copa das Confederações: Itália, Espanha, Japão, México e Uruguai.

    Responda a este comentário

  57. Victor
    19/11/13 - 22:03

    Brasil x Chile

    Véspera de feriadinho mandrake + joguinho da Seleção + Prezunas presenteadas por amigos no aniversário = apagar bonito no sofá em meia-hora.

    Responda a este comentário

    saulo

    A seleção fez sua melhor partida desde a final da Copa das Confederações, ainda vejo alguns problemas e acertos. Maicon fez uma boa partida e parece ter ligado o sinal de alerta ao Daniel Alves. Mesmo assim o Felipão deveria procurar outra alternativa, ambos são veteranos e propensos a contusões. O Rafinha do Bayer está em ótima fase e deveria ser lembrado.
    E o Hulk apesar do gol, errou muito passes e se limitou apenas aos chutes. Muito pouco a quem é encarregado a ser o armador, característica da qual não possui atribuída pelo Felipão. Infelizmente perdeu-se uma grande oportunidade em testar William e Oscar juntos.

    Responda a este comentário

    saulo

    Outro problema, seleção segue a falta de um centroavante confiável. O Jô mais uma vez teve uma atuação apagada e não mostrou ser um jogador a altura. A vaga garantida do Fred se justifica, mas ninguém garante condições físicas ideias até a copa. Gostaria de ver o Diego Tardelli como falso nove, já fez essa função no Galo e sua fase é muito boa.

    Responda a este comentário

  58. Victor
    6/06/14 - 18:13

    Brasil 1×0 Servia

    Fred. Típico centroavante do Fluminense. CAIU, mas fez o gol.

    Responda a este comentário

Deixe seu comentário