Home   Open-Bar   Trollagem   Bolão   Mercado da Bola   Copa do Brasil   Seleção   NFL   Contato  

Conheça o Engenhão

December 27th, 2010 por | Categorias: Estrutura, Patrocinado.

Durante os próximos anos, que podem se estender até as Olimpíadas quem sabe, o Engenhão que já é a casa botafoguense servirá de moradia também a Fluminense e Flamengo, além de receber o Vasco nos clássicos.

Como é comum em discussões em massa, o estádio desde antes de sua inauguração bipolariza opiniões entre os que acham que seria a Oitava Maravilha do Mundo e aqueles que o tiravam como o cocô do cavalo do bandido.

Neste primeiro momento sem muito conhecimento de causa, as críticas giravam em torno da beleza arquitetônica do estádio, localização e acessos. Os mesmos pilares estão presentes nas discussões atuais, com o adendo das instalações já conhecidas e testadas pelo público.

Por parte de detratores, há enorme frescura ao tocar no assunto localização e acessos. Diz-se que Engenho de Dentro é longe. Mas ora bolas? Longe de onde? Fica próximo ao Maracanã que ninguém reclamou que é longe.

O entorno do estádio é composto por inúmeras ruas singelas que naturalmente nas horas de pico geram um tráfego ligeiramente devagar, ainda assim, mais ligeiro que a vagarosidade no entorno do Maracanã com suas largas avenidas e problemas crônicos de estacionamento.

Arredores do Engenhão

Por falar em estacionamento, há um muito bom no estádio, e a região é servida por inúmeros estacionamento nas residências e terrenos de populares facilitando a capilaridade das ruas singelas de Engenho de Dentro. Por R$10,00 (mesmo em dia de clássico)  seu carro fica dentro ou próximo do João Havelange.

A arquitetura externa não costuma ser alvo de debates acalorados. É tida como linda e ponto. Já dentro dele a coisa muda um pouco de figura pela questão da acústica. Construído com uma ampliação prevista, o estádio deixa que o som escape não gerando um eco magnânimo como o Maracanã. Ademais, o estádio não prevê em suas setorizações uma área mista, espaços consagrados no Maracanã. Eu presenciei em um Botafogo x Fluminense, o namorado alvinegro ter de tirar sua camisa para a namorada tricolor vestir e assistir ao jogo na torcida do Botafogo. Malefícios de ter sido importada uma arquitetura concebida para a Europa, continente com questões étnicas e nacionalistas exacerbadas que são refletidas nas arquibancadas de arenas esportivas ao contrário da realidade do carioca que tem problemas a enfrentar nos estádios, mas outros.

O Estádio Olímpico possui 6 setores equivalentes em sentidos opostos:

  • Leste Inferior e Superior
  • Oeste Inferior e Superior
  • Norte
  • Sul

Se for feita uma ampliação, muito provavelmente, Norte e Sul terão as denominações Inferior e Superior.

Não há consenso sobre qual o melhor lugar, mas a Mão Fria do Mercado já definiu grandezas monetárias e assim ficou consagrada a seguinte relação:

  • Leste/Oeste Inferior > Leste/Oeste Superior > Norte/Sul

A Física não permite

Eu já experimentei as 3 situações entendo que para assistir as pelejas descartando a variável custo, a melhor visibilidade é Leste/Oeste Superior, seguida de Leste/Oeste Inferior e por fim Norte/Sul, embora a ergonomia no setor Superior para quem tem mais de 1,8m vá para a casa do chapéu. O espaço à frente das cadeiras neste setor devem ter sido dimensionados para amputados. Aliás, a única forma de você se locomover passando por uma cadeira com qualquer pessoa (excluindo-se os amputados) é praguejando contra Newton (não vou dizer que isso é de todo ruim porque o Maracanã parece uma sala de aula de faculdade. Um vai-e-vem dos infernos durante a partida)

Os preços tem variado entre R$20,00 e R$80,00 dependendo do setor, partida e time que esteja utilizando o estádio.

Esta diferenciação de preços e capacidades tem dado problemas na entrada de jogos com mais de 25.000 pessoas. As entradas Norte/Sul tem rápida fluidez. Contudo,o mal dimensionamento do número de catracas das entradas Leste/Oeste costumam gerar looooooooongos atrasos para os torcedores das arquibancadas superiores (com o desagravo de ver fila zero ao lado nas catracas para os setores inferiores). Não foi uma nem duas vezes que torcedores chegando com bastante antecedência acompanharam o 1º tempo pelo radinho.

Uma vez instalado dentro do João Havelange, o torcedor tem fácil acesso às instalações sanitárias e alimentícias nos largos corredores atrás das arquibancadas. Corredores esses que projetam o escoamento rápido da massa ao fim do jogo.

Mulas mancas e demais deficientes trafegam facilmente DENTRO do João Havelange

Comparando com o Maracanã, podemos sintetizar da seguinte forma:

  1. Capacidade: Engenhão << Maracanã
  2. Visão do Campo: Engenhão >>> Maracanã
  3. Visão do Campo para deficientes físicos: Engenhão Maracanã
  4. Acústica: Engenhão <<< Maracanã
  5. Segurança: Engenhão >>>>>>>>>>> Maracanã
  6. Saída do estádio: Engenhão >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> Maracanã
  7. Entrada no estádio: Engenhão <<<<<< Maracanã
  8. Distância da arquibancada para o gramado: Engenhão = Maracanã
  9. Conforto: Engenhão >>> Maracanã
  10. Localização: Engenhão < Maracanã
  11. Acessos: Engenhão << Maracanã
  12. Estacionamentos: Engenhão >>> Maracanã
  13. Escoamento de carros: Engenhão > Maracanã
  14. Instalações para cadeirantes: Engenhão >>> Maracanã
  15. Camarotes: Engenhão >>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>>> Maracanã
  16. Telão: Engenhão <<<<<<<< Maracanã
  17. Sistema de Áudio: Engenhão >>>>>>>>>>> Maracanã (pfiu)
  18. Placar Eletrônico: Engenhão (pfiu) <<<<<<<<<< Maracanã <<<<<<<<<<<<<<<<<<< Antigo Maracanã

    De patrão no Camarote BBG

    Este é um convite para que o carioca e visitantes frequentem o estádio e habituem-se a ele pois com seus pormenores é sim um bom estádio merecedor de receber os clubes da cidade. À partir daí, alinhe-se as reais críticas pelas dificuldades do uso do blábláblá proselitista infundado.

    Para mais dicas imperdíveis como essa, acesse o Blog Vivo On.

    Inscreva seu e-mail e confirme pelo link eviado para receber novos artigos do Blá blá Gol.

    122 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

    122 Comentários para “Conheça o Engenhão”

    1. Julio Cesar
      27/12/10 - 14:27

      Nunca fui no Engenhão mas pelos relatos dos nobres comentaristas blablagolianos, o estádio atende de maneira correta os usuários de suas dependências.
      O único fator que compromete o Engenhão é o arrendamento por parte de um time sem expressão nacional, como é o caso desse Botafogo. Muitos podem começar um #mimimi achando que meu comentário é de uma violência gratuita contra o time alvinegro, mas a verdade é que, se o Madureira fosse o concessionário do Engenhão, o estádio estaria em tão boas mãos quanto está nas do Botafogo.

      Lembrem-se! O ano não acabou… hehehehehehehe

      Abs

      Responda a este comentário

      Julio Cesar

      De Julio Cesar para o outro acima. Gostaria de saber o porque de um flamenguista fazer comentário sobre o estádio do Botafogo??? Ah já sei é porque eles não tem um para comentar!!! kakakakaka !!!

      Responda a este comentário

      André Bona

      kkkkkkkk

      boa…

      Responda a este comentário

      Japa

      Otario nos temos o Maracana Mil vezes melhor que o Engenhao UouoUou Otario

      Responda a este comentário

      Lorota

      Vcs tem o Maracana? Fala sério. Maracana é dominio público, até o Madureira joga lá. Noob! E se o Maracana é estádio de vcs porque não jogaram esse ano nele e nem ano que vem e nem no outro…

      Responda a este comentário

      marcelo souza

      Não esquenta, assim que acabarem as reformas, emprestamos para vocês. Ah! existe um detalhe…ele irá ser vermelho e preto…hohohoho!!!!

      Responda a este comentário

      marco

      O estádio de vocês é a FLAVELA!!!!!1

      Responda a este comentário

      marco

      Vocês tem a FLAVELA….O RIO é cheio delas seu COMPLEXADO!!!!

      Responda a este comentário

      Mario

      E quem te falou que o Engenhão é do botafaixa? Sem falar que choraram tanto que deram a concessão do estadio, não temos estadio temos torcida e temos títulos seus comédia e o bostafogo nada…

      Responda a este comentário

      marco

      Chora Love….chora felipe CHORA A FLAVELA TODA…QUEM É DA FLAVELA sempre será um grande COMPLEXADO!!!!!

      Responda a este comentário

      jorge anderson

      e vcs bando de urubu. tem oque.quem disse q o maracanã é d vcs. nem a gavea é de vcs, é alugado. oque aconteceu com o fla barra não pagaram o aluguel.foram despejados. só sobrou o tal ninho do urubu srsrsrsrsr. ai vamos ajudar vcs a fazer um ct.vamos doar pra vcs tijolinhosr rsrsrsrs. timeco.

      Responda a este comentário

      jorge anderson

      e vcs tem o que . só a praia ainda bem até o madureira tem estadio, ai urubuzada tá na hora de fzer um hemm

      Responda a este comentário

      Hilton Silva

      Você é um Imbecil

      Responda a este comentário

      Abraão BMS

      Preconceito……. Se ser julio cesar, e ser homesesual nos botafoguense não temos não, faça da sua vida tudo que quera der a quera nos recuzamos .

      Responda a este comentário

      Jorge

      Pelo que vejo vc deve ser um viado Flamenguista sem estádio,quem foi que lhe falou que o Botafogo é time sem expressão nacional,agora se vc quer dar o cú é problema seu.

      Responda a este comentário

    2. Bender
      27/12/10 - 14:28

      Fui apenas em 2 jogos no Estádio – Fla 3 x 3 Flu e Fla 1 x 1 Vasco. O que me impressionou foi a boa frequência do Engenhão. Talvez pela maior dificuldade em se chegar ao estádio, alguns arruaceiros (ainda) não o frequentam. A infinita inferioridade de transportes públicos quando comparado ao Maracanã, deve fazer com que a proporção de torcedores que vão de carro seja bem maior.
      Daí vem uma boa (se não a maior) vantagem do estádio Municipal: estacionamento. Não existe no Mario Filho, que é um estádio de 1950 e deve ter sido projetado lá na década de 1940, onde carro não era popular como hoje. O prédio no qual eu moro é da década de 1950. Ele não tem garagem. A realidade era diferente.

      Por outro lado, o pior do Engenhão é mesmo a não área mista. Um estádio moderno, construído há pouco e no Rio de Janeiro, deveria ter em espaço reservado para tal. Dois camaradas, um com a camisa do Fla e outro com a camisa do Flu, só conseguem assistir juntos o maior clássico do país se estiverem no camarote Blá Blá Gol.
      Camarotes que são irados. No Maraca não tem. Aliás, tem, mas entra na conta do “ser antigo”. Acabaram com as saídas superiores das arquibancadas do Mário Filho para colocar tais camarotes. Não preciso falar que ambos ficaram ruins.

      A vantagem eterna do Maracanã é sua localização e facilidade de acesso até os seus entornos. Mais central impossível.

      Não estive em todos os setores do Engenhão, mas assistir o jogo dos Norte/Sul deve ser ruim. Outras faces que não utilizei ou não percebi não comentarei.

      Segurança é um tema exógeno ao estádio.

      Agora, os pormenores

      – Capacidade: Engenhão < <<<<<<<<<<< Maracanã - Visão do Campo: Engenhão > Maracanã
      – Acústica: Engenhão < <<<<<<<<<< Maracanã - Escoamento de carros: Engenhão = Maracanã - Telão: Engenhão <<<<<<<< Maracanã - Sistema de Áudio: Engenhão >>>>>>>>>>> Maracanã
      – Placar Eletrônico: Engenhão <<<<<<<<< Maracanã <<<<<< Antigo Maracanã

      Responda a este comentário

      Julio Bastos

      Porra Bender! Tu é o maior pé-frio hein! ggggggggggggggggg
      #fogoamigo

      Responda a este comentário

      Carlos

      É, depois que as UPP’s instalaram computadores de graça nas favelas nossos somos obrigados a ter que aturar os “framenguistas” na internet…

      Responda a este comentário

    3. Alexandre N.
      27/12/10 - 15:07

      Bom, na minha opinião, levando em consideração o dinheiro gasto no estádio, o estádio é uma boa porcaria.

      Há exemplos no exterior (principalmente na Alemanha) onde foi gasto um valor parecido e o estádio ficou muito melhor do que o Engenhão.

      P.S.: O Engenhão é um estádio “padrão Fifa” e o seu uso durante a Copa curiosamente não foi sequer considerado por ela.

      Responda a este comentário

    4. Gaburah
      27/12/10 - 15:26

      Achei a comparação-resumo-da-rapadura extremamente feliz em seus resultados.

      Fui ao Engenhão algumas vezes e ao Maraca algumas outras. A questão da facilidade de encontrar estacionamento e o escoamento do trânsito na saída são infinitamente superiores ao Mário Filho. Cansei de estacionar pelas ruas de Vila Isabel e voltar andando até o Maracanã por falta de qualquer possibilidade de estacionamento off-UERJ.

      O que me incomodou enquanto niteroiense foi a distância aliada ao trânsito caótico que se precisa enfrentar nas horríveis quartas de jogo às 19:30h. Encarar Av. Brasil e Linha Amarela por volta das 18h é de foder a paciência de qualquer Cristo. Nos finais de semana, o acesso foi tranquilaço.

      Ainda toco no assunto dos banheiros. Não lembro de ter visto qualquer um dos banheiros do Engenhão (que utilizei) minimamente sujo antes, durante ou após os jogos.

      Outra queixa que tenho do estádio (que também tinha do Maraca e não sei se já foi resolvida) é a falta de opções para alimentação. Comer salgadinho (tubaína) de padaria é dose pra mamute. Nem Elma Chips era…

      Parabéns ao Victor pelo levantamento. Concordo com tudo.

      *****

      Julio? Psssssss…

      Responda a este comentário

      Julio Cesar

      Gustavo, faltam só 4 dias! hehehehehehehe

      Responda a este comentário

    5. Zobaran
      27/12/10 - 16:38

      Se eu falar que já tive essa ideia e NÃO FIZ esse post, você vai achar que eu estou mentindo. De fato, não estou. Acho que foi coerente e muito feliz, mas puxou demasiadamente (Top 10 palavras mais maneiras da humanidade) para o lado do Engenhão nas comparações com o Maracanã. O principal problema do Engenhão é que ele é no Rio, onde está consagrado o Maraca, o melhor estádio do Brasil em localização, tamanho, tradição, setorização (Top 10 palavras mais escrotas da humanidade) e blablagol.

      Se você comparar com o Morumbi, por exemplo, o Engenhão não perde nada. Nada mesmo.

      Responda a este comentário

      RB

      Top 10 palavras mais maneiras da humanidade

      – Macabro
      – Deveras
      – Catapulta
      – Estratosfera
      – Lepra
      – Giroscópio
      – Bolinho
      – Muralha
      – Barômetro
      – Mamona

      Top 10 palavras mais escrotas da humanidade

      – Esguio
      – Enguia
      – Íngua
      – Moréia
      – Coréia
      – Claudicante
      – Beringela
      – Usucapião
      – Clorofila
      – Dengue

      Responda a este comentário

      Zobaran

      Você não sabe nada.

      Estrogonofe é a mais maneira, cara.

      Responda a este comentário

      Yuri

      hahahaha, o RB velha guarda nonsense

      Responda a este comentário

      Victor

      Senta pirão.
      Acho OBRIGAÇÃO de todo heavy user de estádios fazer essa comparação.

      Responda a este comentário

    6. Daniel
      27/12/10 - 17:03

      Como falaram ai, a comparacao eh complicada. O Maraca tem mais de 50 anos de desvantagem. Vamos esperar 2014 com a tal reforma. Talvez melhore.

      Responda a este comentário

      Bender

      Como falaram ai” – Presente.

      Não sei qual é a patologia (PIMENTEL, Paulo), mas meus comentários bem abalizados e irrefutáveis são PEREMPTÓRIOS (BASTOS, Yuri). Sem a utilização de subterfúgios (PIMENTEL, Victor) engrandeço os posts nos quais comento, mesmo quando o ÍDOLO (GABURAH, Gustavo) é de outrem. Os meus próprios posts causam comoções mesmo quando não sou o autor, quando não têm nenhum trauma ou quando é na lingua inglesa. Joel Retranqueiro que só Gosta de Cabeça-De-Área (PAIXÃO, Saulo) teria orgulho. Nem todas as desgraças do mundo “são por culpa do inhááááá Flamengo” (VALENTE, Serginho), mas Zico é fodão e eu, Bender, não “mudo de opinião” (BONA, André).

      Rá! (CALDAS, Matheus)

      Responda a este comentário

      Alexandre N.

      BWAHAHAHAHAHAHAHAHAAHAHAHAHAHAHAHAHAHA…

      Boa essa, viu… hahahahahahahahahahaha

      Responda a este comentário

      Mari

      Em todos esses anos nesse blog vital, essa é a primeira vez que eu vejo o Bender fazer um comentário maneiro.

      Responda a este comentário

      Bender

      Foda-se.

      Já pode anotar o 2º

      Responda a este comentário

      Alexandre N.

      Que êsso, sêo Bender. Vai devagar com a guria… hehehehehehehehe

      Responda a este comentário

      Bender

      Hahaha… não podia perder a chance. Mari entende a zuada. hehehe

      Responda a este comentário

      Mari

      esse nem foi maneiro.
      Foi mais uma das suas chatices
      hehehe

      Responda a este comentário

      Bender

      Foi sim. Eu ri muito. Hahaha

      Responda a este comentário

    7. Paulo Pimentel
      27/12/10 - 18:09

      Excelente post, que serve para desmistificar o Engenhão, no qual tive o prazer duplo de assistir tanto a inauguração, quanto a entrega do primeiro troféu disputado, com uma fácil e previsível vitória alvinegra contra um rival menor.
      Mais alguns pontos interessantes:
      O primeiro é a invejável coleção de ídolos logo na entrada (oeste, se não me engano). É de arrepiar ver as dimensões titânicas as quais são elevados os gênios Garrincha, Jairzinho e Nilton Santos.
      Sei que parece ranço botafoguense, e é mesmo. Mas seria bonito, e há espaço para isso, também colocar o Pelé, o Romário, o Ronaldo, o Rivaldo, o Tostão, Carlos Alberto, Didi e outros deuses (e messias) do futebol brasileiro que tanto contribuiram para o reconhecimento esportivo e cultural do país.
      No Maraca há um museu, mas está meio escondido e poucos mortais sabem da sua existência (eu nunca fui).
      Outra vantagem é a possibilidade de se deixar a mulher e o carro no Norte Shopping enquanto se assiste a pelada. É perto e dá para ir andando. E se o carro não pegar dá para dormir enquanto se espera o conserto, rs.
      Dizer que o Engenhão é longe é ridículo, pois se eu morasse na Barra, ou em Madureira, ia preferir sua localização ao Maraca.
      Indo de trem também é uma boa, pois salta-se quase dentro do estádio, podendo deixar o carro até em Copacabana.
      Como no Maraca fugimos das cadeiras brancas em fins de tarde ensolarados, fuja do setor leste superior, ou então leve filtro 140, uma piscina toni e um sombreiro.
      Os melhores setores para se ver o jogo são em ordem decrescente: Oeste/leste superior, oeste/leste inferior, norte/sul. Nos últimos, principalmente nos níveis inferiores, se vê muito mal o jogo, a semelhança das antigas gerais do Maraca.
      No mais é ir, curtir, torcer, se possível ganhar e voltar para casa inteiro, o que parece ser um futuro bem possível depois do “Tropa de elite 3”.
      Uma última vantagem do Engenhão é a inclinação e disposição das arquibancadas, que dificultam aqueles penetras que ficam em pé atrapalhando a visão do jogo de quem chegou cedo.

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Dizer que o Engenhão é longe é ridículo, pois se eu morasse na Barra, ou em Madureira, ia preferir sua localização ao Maraca.

      Cara, perfeito. E com isso entende-se porque a opinião dos frequentadores deste blog é tão parcial (ainda que involuntariamente, vejam bem) quanto a este ponto, já que a imensa maioria aqui é residente em Niterói ou São Gonçalo.

      Pra mim, a distância é a mesma. Vou ter que pegar avião de qualquer jeito. RÁ!

      O grande e IMPERDOÁVEL defeito do Engenhão é não ter área mista. Isso é muito lamentável mesmo.

      Responda a este comentário

      Andre Bona

      Engenhão é mal falado por um único motivo: recalque de urubus e tricoletes que nao tem estádio. Aí desdenham dos demais. E a imprensa, claramente, se posiciona fomentando esse sentimento recalcado.

      Sempre fizeram isso com S.Januário. Desdenhar de um estádio de 80 anos, que, antes da era Dinamite, sempre foi muito bem conservado. Ai falavam mal do entorno, como se um bairro da zona norte nao tivesse o direito de ter um estádio. Mas aí falam que nao tem estacionamento e tal… conversa fiada. Tudo recalque.

      Eu sempre fui a S.J. nas poucas vezes que fui (umas 10 ao todo) de carro. Sempre estacionei e fiquei muito bem acomodado.

      Enfim, falar mal do engenhao ou de S.januario, é ridiculo. recalque puro. Uma pena que a diretoria alvi-negra, algumas vezes tenha maldito s.januario da mesma forma, pegando o barco. E que a diretoria atual cruzmaltina, ela mesmo se envergonhe de S.j. Lógico, não possuem raizes cruzmaltinas.

      Responda a este comentário

      Paulo Pimentel

      Meu grande Mestre,
      Acho que a questão da area mista é relativa.
      Para nós que somos minoria, acho muito bom.
      Jogos entre o Urubu e nós causam repulsa pois já sabemos que perderemos as áreas branca e quiçá algumas verdes.
      Sabendo-se de antemão que isso não vai acontecer, há um estímulo a menos para não sairmos de nosso conforto, e em uma proporção de 40 mil vagas podemos até dividir o estádio.
      (*) o comentário vale também para Vasco e Flu, mas em menor intensidade.

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Pode ser, pode ser… Não tenho como testemunhar isso, pois nunca tive coragem de encarar um Botafogo X framengo no Maraca – principalmente em jogo decisivo.

      Mas sempre gostei da área mista. Só vi um princípio de confusão uma vez, numa partida contra o Fluminense. Coisa de playboy otário.

      Ainda acho que o problema do número de assentos é de quem vende os ingressos. No caso do Engenhão, seria injustificável destinar uma carga maior de ingressos ao urubu, por exemplo, deixando assim de exercer o direito de mandante (ou de arrendatário) do estádio. Dá lá a carga de 20-25 mil pra mulambada e respeite-se o lugar dos outros.

      Enfim, acredito que deste mal o Engenhão não sofreria. Seria muita burrice da diretoria, que vem mostrando diariamente que de burra mesmo não tem nada.

      Responda a este comentário

    8. Victor
      27/12/10 - 19:52

      Para o Julio não ficar reclamando que fiz review sem ser conclusivo, digo que o Maracanã é melhor (com Serginho de férias é mais tranquilo escrever isso) mas nos pontos que perde para o Engenhão, perde de goleada.

      Na reforma de 2000 roubaram duas rampas do público da arquibancada para distribui-los para os camarotes. Não precisa de maiores conhecimentos de arquitetura para entender que dá merda colocar 2y para passar por onde deveria passar y (por isso, AFIRMO sem medo que o Engenhão é muuuuuuito mais seguro que o Maracanã. Se desse merda dentro do Maraca, a merda seria catastrófica).

      A outra é justamente que a liberdade de trafegar e ficar onde bem entende, faz com que os atrasildos e qualquer meia dúzia que queira ver um jogo em pé, fodam com qualquer um que deseje ver o jogo sentado. O que seria um ponto desfavorável ao Engenhão, que é seu desconforto para se locomover acaba trazendo esse bônus, onde a engenharia se sobrepos à má-utilização.

      Engenhão é um estádio maneiro e como em todo local que junte 40.000 pessoas, é preciso uma ambientação (coisa que o Maracanã estava obrigando a acontecer a cada jogo).
      O Rio está bem servido com esses estádios (sou muito pouco familiarizado com São Januário para falar qualquer coisa sobre), e estará melhor se devolverem o Maracanã com premissas de projeto similares ao que era antes da reforma de 2000.

      Responda a este comentário

      Bender

      Pensei que estivesse falando no post da segurança que o Estado deve promover.
      Nesse caso tem razão. Corrijo meu comentário nesse tema.

      Responda a este comentário

    9. Paulo Pimentel
      28/12/10 - 16:56

      Quanto será que o Botafogo irá lucrar, com o Legado de Bebeto de Freitas, nos próximos anos?
      Melhor que ter um bom presidente é ter 2, e em seguida.

      Responda a este comentário

      Andre Bona

      Nao sei. Mas o botafogo continua freguesásso do Vasco… E creio que nessa minha vida toda, nao me depararei com outra realidade.

      Responda a este comentário

      Paulo Pimentel

      No botequim que eu frequento, do S. Mário, todos são fregueses dos bolinhos de bacalhau e outros acepipes.
      Salve D. Sebastião!!!

      Responda a este comentário

      Gaburah

      uahUHAUHuahuHUAHUhauhUAHUhuahUAHUhuahuHA
      UhauhUHAUhauhuHAUHauhuAHUHauhUAHUhauhAUH
      UhauhAUHUhauhUAHUhauHAUHuahuHAUhuahUAHUh
      hAUHuhauHAUHuahuHAUHuahuAHUhauhAUHUahuAH
      UahuHAUHuahuHAUHauhUAHUhauHAUHuahUHAUhau
      uHAUhauhUAHUahuHAUHuahuAHUhauhAUHauhUAHU

      Responda a este comentário

      RB

      demos uma comida em vcs na final da GB e ainda tá de marra?

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Entre outras.
      A freguesia do passado recente mudou de lado. Nem tem como questionar isso.

      Responda a este comentário

      Fernando

      Pôôô, freguesia eu acho exagero, hein, Gaburah…

      Responda a este comentário

      RB

      na era cuca o botafogo ganhava do vasco com frequência. teve duas goleadas e aqueles jogos do gol mil, que deram impressão de que a sorte no cássico havia mudado de lado.

      teve também um jejum de 7 anos sem vitórias do vasco em cariocas.

      só que com esse 6a0 meio que esqueceram isso.

      Responda a este comentário

    10. Andre Bona
      28/12/10 - 21:35

      E aquela história de problemas na estrutura do Engenhão? Nao é verdade?

      Responda a este comentário

      Paulo Pimentel

      A conservação estrutural é responsabilidade da prefeitura.
      Algumas queixas foram feitas sobre infiltrações, rachaduras e problemas com elevadores.
      Após avaliação técnica foram minimizados e parece que não há mais estes dilemas.
      O que me parece é que a diretoria do Bota, tem tido um comportamento exemplar, desde a tentativa de resolução do problema da entrada, acompanhamento das vistorias técnicas e questionamentos à prefeitura e, o que acho principal, o bom trato com os demais clubes que serão parceiros na utilização do estádio.
      Um problema ainda, que deverá ser solucionado para o próximo ano, é a questão da grama. Não sei qual foi o responsável, mas pisaram na bola em 2010 (com trocadilho).

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Deu um bafafá na época, a Prefeitura queria empurrar algumas responsabilidades para o Botafogo. Claro que o clube aceitou o que lhe dizia respeito até o momento em que se comprovava que o problema tinha origem na construção do estádio. Nesse caso, a Prefeitura acionou a construtora responsável que fez a vistoria e corrigiu o que tinha que ser corrigido.

      Resumo da rapadura: much ado about nothing [Shakespeare, William. 1598/1599]

      Responda a este comentário

      Andre Bona

      Vê-se claramente o esforço botafoguense em ser um bom anfitrião. Isso é louvável!

      Botafogo, o anfitrião.

      =============================================

      Na mitologia grega, Anfitrião era marido de Alcmena, mãe de Hércules. Enquanto Anfitrião estava na guerra de Tebas, Zeus tomou a sua forma para deitar-se com Alcmena e Hermes tomou a forma de seu escravo, Sósia, para montar guarda no portão. Uma grande confusão foi criada, pois Anfitrião duvidou da fidelidade da esposa. No fim, tudo foi esclarecido por Zeus, e Anfitrião ficou contente por ser marido de uma escolhida do deus. Daquela noite de amor nasceu o semideus Hércules. A partir daí, o termo anfitrião passou a ter o sentido de “aquele que recebe em casa”. O mesmo ocorreu com sósia — “cópia humana”.

      =============================================

      Viva o Botafogo!

      Responda a este comentário

      Andre Bona

      Gaburah, a noticia a que eu me referia nao era na época. Mas sim neste ano, em 2010:

      [ 19/09/2010 | 23 COMENTÁRIOS | IMPRIMIR ]
      Construído para o Pan-Americano de 2007 e principal sede das Olimpíadas de 2016, o Engenhão terá que passar por obras para corrigir falhas no projeto de sua cobertura. O prefeito Eduardo Paes não descarta a possibilidade de fechamento temporário do estádio. Acha, porém, que a medida não deverá ser necessária.

      Para reforçar a sustentação da cobertura, um cabo de aço, que passará por cima das arquibancadas, ligará as estruturas que ficam atrás dos gols, nas extremidades norte e sul. Segundo o prefeito, a construtora do Estádio Olímpico João Havelange já instalou macacos-hidráulicos para reforçar a estrutura do teto e evitar maiores problemas. Ele diz que não há, no momento, qualquer risco para os torcedores.

      Com o fechamento do Maracanã — que está sendo reformado para a Copa de 2014 — o Engenhão passou a ser o principal estádio do Rio. Construído pela prefeitura e arrendado pelo Botafogo, sediará hoje o jogo entre Flamengo e Fluminense pelo Campeonato Brasileiro.

      No fim da semana passada, Paes recebeu um relatório preparado pela construtora do estádio e dois consultores. De acordo com o laudo, vigas da cobertura estão se flexionando mais do que o previsto. O erro estaria no modelo matemático utilizado para calcular a estrutura do teto, um projeto inédito no mundo. No jargão utilizado no documento, “o modelo matemático não se cumpre”.

      A falha fez com que houvesse uma diminuição na capacidade de a cobertura resistir a rajadas de vento. Pelo projeto, seriam suportadas as que atingissem a velocidade de 150 km/h. Esta previsão baixou para de 115 km/h. De acordo com a construtora do estádio, ventos com esta velocidade podem atingir o estádio até duas vezes por ano. Paes determinou a instalação, no Engenhão, de anemômetros — aparelhos que medem a velocidade do vento.”

      Fonte: O Dia – exceto o título.

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Nesse caso, claramente o problema é da Prefeitura e da construtora.

      Em caso de eventual necessidade de fechamento, acredito que caberia ao Botafogo inclusive pedir indenização.

      Responda a este comentário

      Andre Bona

      Com certeza, nao to falando de quem é a culpa. Sem duvida nao é do botafogo. O Botafogo com certeza é vítima.

      Responda a este comentário

      Paulo Pimentel

      O Bota e a população, que se acontecer, fica só com o Caio Martins e São Januário pra ver jogo, heheheh.
      Mas a obra está na garantia. A construtora não vai dar esse mole.

      Responda a este comentário

    11. Rafael
      23/02/11 - 9:25

      Olá!
      Sobre o “conhecendo o Engenhão”, gostaria de saber se o lado das cabines de TV são do lado leste ou oeste por favor.
      Obrigado

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Oeste.

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Ops… coloquei a resposta enquanto procurava um mapa pra ilustrar. Foi a resposta atrasada.

      Responda a este comentário

      Sancho

      Normalmente, as cabines de imprensa (assim como o setor mais nobre) ficam no lado oeste dos estádios por causa do sol. Como joga-se à tarde, e não de manhã, o sol fica atrás não atrapalhando a visão de quem fica no lado oeste do campo.

      Responda a este comentário

      Claudio

      Sancho, nem todo estádio tem a imprensa do lado oeste. Vai depender da posição do sol onde ele foi construído.

      Responda a este comentário

      Gasofiteracipto men

      Lado centro-oeste-sul a esquerda do meridiano de GRENU…..é é isso mesmo,proximo ao trópico de capricornio abaixo da linha do equador um pouco a esquerda da cabine de pipoca que fica lá fora (obs a pipoca dele é muito ruim, ponto referência mais correta morro do alemão (pacificado). entendeu gafanhoto.

      Responda a este comentário

    12. Gilmar
      26/04/11 - 18:07

      Encontrei isto e gostaria de publicar aqui:

      andrealag69
      ENGENHÃO DANDO LUCROS

      Em 26/10/2010
      04:10
      este comentário eu encontrei no BLOG DO BRAGA.

      EDUARDO M. diz:

      19 setembro de 2010

      -Quanto a gestão,passe a acompanhar de perto o botafogo.O clube cresce desde a gestão de Bebeto e o Engenhão começará finalmente a gerar um impulso financeiro ao clube. O fechamento do Maracanã até Maio de 2013 acabou sendo a melhor das notícias para o clube.

      -A diretoria foi inteligente,atraiu a dupla fla-flu oferecendo um aluguel simbólico de R$ 5 mil,mais os custos de abertura do estádio,por jogo. A principio,houve uma indignação de alguns alvinegros pelo baixo valor do aluguel,mas o foco do clube era outro. Garantindo os jogos da dupla fla-flu,mais os clássicos com o vasco no Engenhão,o Botafogo conseguiu atrair patrocinadores para o estádio,que irão reverter em milhares de reais por ano ao clube.

      -O primeiro lucro veio com os camarotes, Até o ano passado,apenas 27 dos 78 camarotes do Engenhão estavam alugados. Com o fechamnto do Maracanã,o número,em apenas um mês,já representa a marca dos 50 camarotes alugados.Como cada um custa R$30 mil mensais,já representa um acréscimo de R$700MIL nos cofres do clube. A expectativa é que até o final do ano ,100% dos camarotes do estádio já estejam alugados,gerando outros R$ 700 mil por mês ao clube.

      -O segundo lucro imediato veio no aluguel dos espaços de alimentação. Uma praça de alimentação,nos moldes de um shopping center,foi construido no estádio.O clube recebe R$180 mil líquidos por mês,ou 2,2 milhões por ano líquidos.

      -O próximo passo é a inauguração de 3 restaurantes panoramicos no estádio. O primeiro será agora em outubro e ,quando os 3 estiverem prontos, o clube irá receber R$ 2 milhões líquidos por ano, já que eles ficarão abertos todos os dias.

      -A Ambev fechou um acordo para ser fornecedora exclusiva de bebidas no estádio,além de patrocinar o banner do clube. O acordo,fechado semana passada,renderá R$4 milhões por ano ao clube.

      -Mesmo com esses R$ 10 milhões extras, o grande pulo ainda esta por vir. O clube está fechando dois acordos comerciais com a VIVO e o ITAU, que irão explorar o estádio inclusive em dias sem jogos. Os nomes das empresas estarão ligados ao estádio de forma direta. A escolha por essas duas empresas deu-se pelo motivo que ambas são patrocinadoras da GLOBO e da CBF.

      -De cada uma, o botafogo irá receber R$6,5 milhões por ano,ou seja,mais R$13 milhões por ano,dando um total de R$ 23 MILHÕES de novas receitas para o clube.

      E tem mais…

      O torcedor mais rico do Botafogo,o bilionário Eike Batita,está começando a se aproximar do clube…Não irá colocar um único tostão para comprar jogadores. O objetivo dele é o Engenhão…

      -Mas isso será apenas notícia em 2016,após as Olímpiadas,quando a prefeitura irá começar a aceitar propostas pelo estádio,que é da gestão do clube até setembro de 2027.

      EU NÃO SEI QUE É ESTE EDUARDO M.,MAS DEMONSTRA TER GRANDE CONHECIMENTO DOS ASSUNTOS INTERNOS DO CLUBE,POIS ALGUMAS DE SUAS PREVISÕES FEITAS NESTE COMENTÁRIO JÁ SE CONFIRMARAM.

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Grande Gilmar,
      Coloca nesse post aqui também:
      http://www.blablagol.com.br/low-profile-alvinegro-2969
      É um clipping da (vitoriosa) gestão de Maurício Assumpção, sucedendo à altura a igualmente vitoriosa gestão de Bebeto de Freitas no comando do Fogão.
      Acompanhamos de perto.

      Responda a este comentário

    13. senna889091
      2/06/11 - 11:34

      Esse post é de bom auxílio também para aquele que não tá muito ligado em ual setor do estádio ficar pra jogo é uma boa dica =D

      Favoritado!

      Responda a este comentário

    14. Victor
      7/09/11 - 8:50

      Yougol – É possível ter prazer no Engenhão

      Responda a este comentário

    15. Andre Bona
      7/09/11 - 12:10

      Conversando essa semana com um colega de trabalho, uma suspeita foi levantada:

      Poderia no contrato de concessão estar previsto a obrigatoriedade de ceder jogos à dupla fla-flu em períodos de obras na casa de praia do Vasco?

      Responda a este comentário

    16. Claudio
      26/09/11 - 12:54

      Qual o lado no estádio que a torcida do Botafogo escolheu para assistir aos seus jogos?

      Responda a este comentário

      Gasofiteracipto men

      Lado de fora, no quadrante alfa da estratosféra de spectra.

      Responda a este comentário

    17. Gaburah
      3/11/11 - 10:16

      [Via @FogoEterno]
      Aos que ainda acham longe o Engenhão: torcida do Galo, q briga pra ñ cair, esgotou ontem em 3 HORAS ingressos pra ver o time a 70km de BH.

      *****

      INDEED – [Via @anatelhado]
      Quem acha o Engenhão longe é FRESCO. Trem na porta, ótimo para estacionar… Tem que ter muita má vontade.

      Responda a este comentário

      Gasofiteracipto men

      Tá bom fofuxo,o Engenhão é perto , eu é que moro longe.

      Responda a este comentário

    18. John
      4/11/11 - 15:55

      upload for the claw

      Norwegian Wood

      Responda a este comentário

      John

      I once had a girl, or should I say, she once had me

      Responda a este comentário

      Gasofiteracipto men

      È ai Jonh, manda um abraço pro George dai. que eu mando pro Paul e Ringo daqui…

      Responda a este comentário

    19. Victor
      3/12/11 - 9:46

      Este é um post para a série “Posts para Sempre”. A Vivo se deu bemzão.

      Responda a este comentário

    20. rafael botafoguense
      31/01/12 - 18:23

      “20 anos não-prorrogáveis” O.o

      Todos documentos aí:

      http://www.thiagopinheiro.com.br/2012/01/engenhao-editais-e-outros-documentos.html

      Só registro.

      Responda a este comentário

    21. Rodrigo
      5/02/12 - 11:19

      pessoal, vou para o rio pela segunda vez…nunca vi nenhum jogo lah…e gostaria muito de ir no classico..vasco x fluminese….como que compro ingresso? vende na hora? no dia mais cendo ? como nao sou do estado do rio nao torço para nenhum time..gostaria de ver somente o jogo…tem perigo? como que faço para chegar lá? tem transporte publico? é melhor ir de carro? to meio com receio por conta de violencia…tem perigo?

      mande a resposta no meu email se possivel rodrigo_wr@yahoo.com.br

      muito obrigado..abracao

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Rodrigo:

      1. Você até consegue comprar o ingresso na hora, se chegar cedo. Mas seria mais seguro comprar antecipadamente em um dos pontos de venda que normalmente são divulgados na semana do jogo (até o Globoescroque costuma publicar a relação de pontos de venda);
      2. Se você puder ir com alguém que conheça o Rio, melhor. Mas se vai sozinho, a melhor opção é ir de metrô e fazer a integração com o trem que deixa praticamente na porta do Engenhão. Dependendo do bairro que tu vai sair, a malha metroviária é bem fértil;
      3. Não tem perigo, só não dê moles típicos de turista: evite camisa de time, evite sair em cima da hora, evite relógio e manipular dinheiro na frente dos outros, não fica com aquela cara de perdido procurando placa, etc, etc. Vasco X Flu costuma ser um jogo tranquilo, mas no entorno do estádio o policiamento é bem presente;
      4. Se for de carro, a dica é ir pela Linha Amarela e seguir as placas até o estádio. Chegue cedo pra garantir uma vaga no estacionamento do Engenhão, o que é excelente opção.

      Quem puder acrescentar mais detalhes agradeço. Quando eu vou, só costumo ir de carro. De Nikiti, zero ônibus, zero metrô.

      Responda a este comentário

    22. Rodrigo
      5/02/12 - 16:21

      legal, vou ficar na barra, na casa de um carioca…vou chegar na quinta que antecede o classico…da barra é facil de ir?

      muito obrigado pela ajuda…e muito bom o blog, parabens!!!

      Responda a este comentário

      Andre Bona

      Sim, vc segue pela Av. Ayrton senna – linha amarela e vai sair naturalmente, no engenhão.

      Responda a este comentário

    23. PATRICK LIMA
      27/04/12 - 19:23

      o fogão é o melhor foi o time que meis deu jogadores a seleção o time que não tem medo de perder e é o time da gloria então aos vascaínos,aos tricolores e aos flamenguistas…Podem chorar!!!!!!
      FOGOOOOOOOO!!!!!!

      Responda a este comentário

    24. Gasofiteracipto men
      17/05/12 - 10:10

      Gostaria de levar minha Vóvo centenário ao engenhão, vcs poderiam quebrar essa .enqunto eu fico com suas namoradinhas dando um traro, bjs gaso

      Responda a este comentário

    25. Gasofiteracipto men
      17/05/12 - 10:16

      Meu querido mancebo Patrick”olhaafaca”Lima, aaadddooorrreeeii os eu MEIS jogadores que lindo, em relação ao BOtafoguinho não ter medo de perder é o obvio filhote, ele só sabe PERDER. Um abraço e ve se muda e time ou melhor se torce pra um time…fui.

      Responda a este comentário

    26. SIDNEYBRITOGUSMAO
      26/05/12 - 17:55

      Fla tenta fazer dever de casa diante de um Inter desfigurado

      Responda a este comentário

    27. SIDNEYBRITOGUSMAO
      26/05/12 - 17:57

      Mulas mancas e demais deficientes trafegam facilmente DENTRO do João Havelange

      Responda a este comentário

    28. rafael botafoguense
      30/06/12 - 18:04

      http://www.fimdejogo.com.br/blog/wp-content/gallery/1568_Livro_Engenhao_5anos/

      Responda a este comentário

    29. Bender
      22/10/12 - 10:26

      Fla 1×0 Bambis chupetinhas – 32ª rodada do Brasileirão 2012

      Primeira vez que fui nos denominados “setores inferiores” do Estádio Municipal.

      vantagens com relação aos setores superiores:
      1 – Não precisar subir (e depois descer) aquela rampa caracol
      2 – Não tem aquelas merdas daquelas barras brancas entre as fileiras
      3 – Ver o jogo “mais de perto”

      desvantagens:
      1 – Aglomeração no centro do setor é maior que a aglomeração nas superiores
      2 – Ao ver “mais de perto”, perde-se campo visual quando a jogada está do outro lado (sim, assistir lá de cima é melhor)

      Pra mim tais desvantagens farão com que o Stadium Rio “nunca” fique lotado, mesmo com 40 mil lá. Sempre vão perceber aqueles espaços vazios lá nos cantos das inferiores, pois assistir de lá é uma merda. Paga-se o lugar mais caro do estádio e fica-se com visão do lugar mais barato (setores sul e norte).

      Serginho e Felipinho sentam no concreto da escada mesmo. O cadeirante também tem de ficar na aglomeração do setor inferior.

      Responda a este comentário

      Victor

      Advinha quem já subiu (e desceu) aquela rampa empurrando uma cadeira de rodas? (mas não reclamo, quem já empurrou aquela cadeira de rodas mágica sabe do que falo)

      Responda a este comentário

      Bender

      hehe… o melhor setor do estádio são os camarotes. Recomendo.

      Responda a este comentário

      Alexandre N.

      Isto não ocorre só nas inferiores. No jogo Fluminense x Grêmio da quarta-feia da semana passada, grande parte da torcida ficou embolada em pé no portal de acesso às cadeiras da arquibancada leste superior.

      Responda a este comentário

    30. Gaburah
      2/04/13 - 9:13

      Sumiu o post do Finais em Volta Redonda.

      Vai aqui mesmo a bomba: BOTAFOGO PLANEJA DEVOLVER ENGENHÃO À PREFEITURA QUINTA-FEIRA
      http://fogaonet.com/noticia.asp?n=35542&t=botafogo+planeja+devolver+engenhao+a+prefeitura+5

      O clube se exime de todos os problemas estruturais que o estádio apresenta desde o início da concessão, em 2007. De acordo com o alvinegro, a manutenção sempre foi feita, mas havia questões que só uma grande reforma resolveria. Em uma das reuniões na prefeitura, o presidente alvinegro apontou outros problemas, que raramente vinham a público. Assumpção afirma que o clube tentava resolver com paliativos e, depois, procurava quem deveria pagar pelos gastos. Desde falhas no sistema hidráulico ao sistema elétrico, que foram responsáveis pelos constantes apagões nos primeiros anos de uso e pela falta de água até hoje em alguns pontos do estádio em dias de jogo de maior público. Até o placar eletrônico, que não está funcionando há algum tempo, e os telões apresentam defeitos de fábrica.

      Porém, a interdição do estádio ocorreu por um motivo maior. Na última terça-feira, o prefeito Eduardo Paes anunciou o fechamento do Engenhão, por tempo indeterminado, devido ao deslocamento, além do previsto no projeto original, dos arcos de sustentação das coberturas dos setores Leste e Oeste. A empresa alemã SBP emitiu um laudo que dizia que ventos acima de 63km/h poderiam fazer as estruturas de concreto ruírem.

      Responda a este comentário

      Alexandre N.

      Acho justo. Tendo em vista toda a situação, o Botafogo não tinha outra opção. Uma coisa não se pode negar: O Botafogo não tem obrigação nenhuma de gastar um centavo que seja com estas reformas estruturais.

      Responda a este comentário

      saulo

      Uma verdadeira constatação: o Engenhão nunca pertenceu ao Botafogo.

      Responda a este comentário

      rafael botafoguense

      [O motivo: sem a possibilidade de realizar eventos de qualquer tipo no estádio, o clube não teria condições financeiras de arcar com a manutenção.]

      O objetivo é jogar um verde pra Prefeitura arcar, dar seu parecer sobre os prejuízos e tudo mais. Devolver o Engenhão é burrice das grandes. Ainda mais que tá dando grana, coisa que não rolaria no Maracanã, pelo contrário.

      Responda a este comentário

      André

      Problema estrutural realmente nao é problema do botafogo. E ainda caberia indenização ao clube…

      Mas.. creio que o melhor seja entrar na licitação do Maraca.

      Responda a este comentário

    31. saulo
      2/04/13 - 14:55

      Eterno fanfarrão aparece:http://www.espn.com.br/noticia/320237_ex-presidente-do-botafogo-garante-devolucao-do-engenhao-e-dispara-esta-podre

      Responda a este comentário

    32. saulo
      2/04/13 - 23:56

      Botafogo tem histórico de abandono:http://www.espn.com.br/post/320398_manutencao-nao-parece-ser-o-forte-do-botafogo-veja-como-esta-o-caio-martins-em-niteroi

      Responda a este comentário

      André

      Ô Saulo picareta… Manutenção é uma coisa. Estrutura é outra. Nao seja leviano.

      COmo está a manutenção da Gávea?

      Responda a este comentário

      saulo

      O incrível é o poder público deixar o Botafogo passar impune diante do abandono do Caio Martins.

      Responda a este comentário

    33. Sancho
      3/04/13 - 0:40

      Qual o legado do Pan, mesmo?!

      Responda a este comentário

      saulo

      O legado do Pan é enriquecer empreiteiras, financiar eleições(Cabral e Paes) e sempre arrumar novas reformas as novas competições. Agora o autódromo de Jacarepaguá foi destruído, será objeto de um empreendimento imobiliário, expulsaram moradores antigos e os pilotos ficaram a ver navios em meio a promessas sem garantias do prefeito Eduardo PilantrAES.

      Responda a este comentário

    34. saulo
      3/04/13 - 12:00

      Caio Martins parece ser mais adequado ao tamanho da torcida do Botafogo:http://www.lancenet.com.br/botafogo/Botafogo-contrata-condicoes-Caio-Martins_0_893910796.html

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Excelente notícia. Apóio incondicionalmente.

      Obrigado pelo feed, saulo.

      Responda a este comentário

      saulo

      Quem sabe a pequena arquibancada de General Severiano seja suficiente…

      Responda a este comentário

      Gaburah

      Mas o teu lugar no colo do Seedorf tá garantido. Fica tranquilo.

      Responda a este comentário

      saulo

      Pode ficar tranquilo, o Kid Bengala já é seu.

      Responda a este comentário

    35. saulo
      4/04/13 - 16:18

      Sai o Botafogo, entra o Fluminense:http://www.fogaonet.com/noticia.asp?n=35611&t=fluminense+avisa+ao+prefeito+quer+assumir+o+engenhao

      Responda a este comentário

    36. saulo
      9/04/13 - 3:05

      Prazo encurtado:http://www.lancenet.com.br/minuto/Dirigente-Botafogo-esperanca-voltar-Engenhao_0_897510415.html

      Responda a este comentário

    37. Marcos
      25/05/16 - 21:53

      Será que alguém poderia me informar se os assentos do bloco 128 ficam no setor Leste ou Oeste do estádio ???

      Responda a este comentário

    Deixe seu comentário