Home   Open-Bar   Trollagem   Bolão   Mercado da Bola   Copa do Brasil   Seleção   NFL   Contato  

Submarino.com.br

Envie 'Volte a ser zagueiro, Thiago Silva' Para um Amigo

Envie uma cópia de 'Volte a ser zagueiro, Thiago Silva' para um amigo

* Required Field






Separate multiple entries with a comma. Maximum 20 entries.



Separate multiple entries with a comma. Maximum 20 entries.


E-Mail Image Verification

Loading ... Loading ...

188 Comentários para “Volte a ser zagueiro, Thiago Silva”

  1. Andre
    30/06/14 - 22:46

    O capitão do capitão, é Felipão.

    Embora o escrete brasileiro apresente um show de horror nessa copa, com uma fraqueza tática histórica, tb nao vou detonar Felipão.

    Parece que ele foi surpreendido com tudo isso. E os próprios jogadores também. Elevaram a expectativa antes da competição (nisso, Felipão e Parreira colaboraram) e agora, diante do quadro, não resta muito a fazer.

    Me parece também que a folga dada foi errada. Uma vez identificado o desastre e a fraqueza, reunir o grupo IMEDIATAMENTE e tratar a situação de frente, me parecia ser o mais acertado. Ao invés de tapar com a peneira, expor internamente. E feito isso, seria mais simples atacar as causas e corrigir.

    Me parece que a carência de liderança, nesse difícil momento, também não veio de onde deveria ter vindo.

    O escrete brasileiro me parece lançado a própria sorte. O trauma (virou isso!) das oitavas pode ser insuperável. Não simplesmente por um resultado de jogo, mas pela forma como a coisa me parece estar sendo conduzida.

    Proteger os filhos do mundo os torna frágeis. Não precisa queimá-los, mas uma dura e franca conversa, e a clara disposição de mudar a porra toda se for necessário, além de uma lavação de roupa suja rasgada, entre o próprio grupo, é algo que nao parece ter ocorrido…

    E assim, seguiremos…

    Responda a este comentário

    Andre

    Certamente os brasileirinhos pensavam que passeariam do primeiro ao ultimo instante.

    Pararam no bom Ochoa, que não parou a Holanda. Quase pararam no Pinilla, que também não parou a Holanda.

    Veio a realidade. E a coisa se complicou. Ochoa já tá fora. Pinilla também. Quem será o próximo eliminado?

    James Rodriguez é um baixa jogador. Gols em todos os jogos. Mais gols que Neymar. Mais passes certos que Neymar. Mais participação. E ele tem um parceiro Oscar que não é irregular: Cuadrado.

    Além disso enfrentarão uma equipe que manteve-se, em TODOS OS JOGOS em seu esquema. Definido. Treinado. Entrosado.

    Começo a fletar com os prêmios das casas de apostas pela vitória Colombiana.

    Responda a este comentário

    Victor

    Comentou como isportitevê e respondeu como iessepiêni.

    Responda a este comentário

    Andre

    Que coincidência. A tv nao sai da BAND aqui.

    Responda a este comentário

    Yuri

    E tem um técnico foda, que é o José Pekerman.

    Colombia é o melhor futebol da Copa até aqui, sem dúvida. Apenas a Argentina pode igualar isso, se passar com FACILIDADE e controle total sobre a Suíça, coisa que a Colombia fez com o Uruguay.

    Tem potencial prá ser campeã do mundo. É fácil falar que não vai, pela camisa, mas pelo que demonstra é foda. Assim como a Croácia em 1998.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    A Colômbia é só a Colômbia, não jogou contra ninguém até agora, e vai ser eliminada sexta-feira.

    Responda a este comentário

    Andre

    A Colombia não jogou contra ninguém. Concordo. A própria Colombia não é ninguém.

    O duro é que o Brasil também nao jogou contra ninguem. Nem contra um ninguém bi-campeão do mundo, e passou mais dificuldades que o Brasil.

    A lógica de que o Brasil passará pela Colombia na sexta, HOJE, está amparada tão somente no que fez o Brasil em 2002, em 94, em 1970, em 62 e 58.

    Ou seja: R-10, R-9 e Rivaldo são os que podem fazer o Brasil ganhar sexta, além de Romário, Pelé e vários outros.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Sabe Saulo, o Uruguai, sem o Suarez, tomou um vareio da Costa Rica. Vareio da Costa Rica! Uma seleção que toma um vareio da Costa Rica, não é referência nenhuma.

    Sabe Saulo, TODAS as seleções, exceto a Colômbia que não jogou contra ninguém, passaram dificuldades. TODAS.

    Sabe Saulo, o único jogador da Colômbia que teria vaga na Seleção Brasileira é o James, o resto, nem na reserva ficaria. Nem o CUadrado. E essa é lógica de que o Brasil passará. Não vou nem citar o mando de campo, e a camisa.

    Responda a este comentário

    Andre

    Sabe Saulette (filho de saulo), o Brasil jogou contra quem?

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Contra ninguém. Assim como fará na sexta-feira.

    Responda a este comentário

    Andre

    Certo, então se ambos jogaram contra ninguém, quem, jogando contra ninguém, olhando o que passou nessa copa (desconsidere prognosticos futuros), QUEM APRESENTOU MELHOR FUTEBOL?

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    O Brasil.

    Responda a este comentário

    Andre

    Orgulho mata.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Não Saulo, é que se o Madureira goleia o Bonsucesso, isso não quer dizer que o futebol dela é melhor que o do Barcelona, que ganhou apertado do Málaga.

    Responda a este comentário

    Andre

    Entendi Saulete. Pela sua lógica La Coruña nunca venceria um campeonato espanhol.

    Barça/Real nunca perderiam um título para o Atletico de Madrid.

    E nem o Nápoli teria sido campeão italiano.

    E muito menos o Vasco jogaria a segunda divisão. Claro. Entendi sim sua lógica.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    E mais, a Colômbia que entre em campo achando que é alguma coisa, para ver a piaba que vai tomar.

    Responda a este comentário

    Andre

    Sim. Esse é um risco. Mas nao estou falando disso. Estou falando do que passou nessa copa.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Peidou.

    Responda a este comentário

    Andre

    Nao, vc que é burro. Nao entendeu PORRA NENHUMA até agora.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Hahaha…já vai até começar a me chamar de xucro.

    Responda a este comentário

    Andre

    Nao, nao é o caso. Esse seria o caso de um ataque pessoal.

    Minha crítica é à sua “leitura” e não a você.

    Lembre-se de dois casos: Galo-MG na liberta ano passado e Furacão.

    Neste caso, a questão é cognitiva.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Peidou de novo. Me chama de burro, e vem com papo de “sua leitura e não a você”. André Peidão.

    Colômbia = Bosta.

    Responda a este comentário

    Andre

    Atletico de Madrid = bosta
    La Coruna = bosta
    Napoli = bosta
    Once Caldas = bosta
    Juventude = bosta
    Santo André = bosta
    Paulista = bosta

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Nada a ver uma coisa com outra, e nada a ver até entre uns times citados e outros. Argumento tosco.

    Responda a este comentário

    Andre

    O argumento é de que um time tosco pode copar quando joga bem. E esses aí são provas.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Copar uma Copa do Mundo? Jamais.

    Responda a este comentário

    Andre

    Espanha. E França até o dia em que venceu. Inglaterra? Uruguai?

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Eram timaços.

    Responda a este comentário

    Andre

    Veja a campanha de França e Espanha em suas copas.

    Responda a este comentário

    Andre

    Uruguai, foi vc que chamou de merda. Merda e bosta não são sinonimos?

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Saulo, o Uruguai de 1950 era um timaço. O de 2014 é uma merda de bosta.

    Responda a este comentário

    saulo

    Uruguai atual é um time razoável. Chegou longe demais em um grupo bem forte.

    Responda a este comentário

    Andre

    Saulo, pro seu filho aí, o grupo do Brasil era foda, o da Colombia era uma merda e qq outro era uma merda.

    E o do Brasil era fortásso e além disso o Brasil jogou melhor que todo mundo.

    É sério isso?

    E ele acha que o Brasil é forte e vai ganhar tudo porque já ganhou em 2002, 94, 70, 62 e 58.

    E nunca, ninguém vencerá o BRasil, porque Neymar pe foda, Messi é outra bosta e tal…

    Cuide melhor do seu filho. Ele me parece revoltado.

    Responda a este comentário

    saulo

    O grupo do Brasil era razoável. A seleção mais arrumada era a mexicana e mesmo assim jogou inteiramente na defesa. Isso não era desculpa, mostrou o pouco poder de criação da seleção brasileira~.

    Responda a este comentário

    saulo

    Até concordo em parte sobre a Colômbia não ter enfrentado “ninguém”. A questão é essa, a seleção brasileira não consegue jogar bem sequer contra adversários muito inferiores tecnicamente.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Ganhamos com facilidade da Croácia e de Camarões, empatamos com o México porque o goleiro deles fechou o gol.

    Contra o Chile dominamos o primeiro tempo completamente, no segundo, com Neymar sentindo, Felipão mexeu muito mal no time e complicou demais a partida, sendo que o Hulk ainda teve o seu gol anulado.

    A Copa está equilibrada e todo mundo joga no ferrolho contra os melhores times. TODOS estão tendo dificuldades para avançar.

    Só veremos o Brasil mais solto nas semi-finais.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    A Copa está equilibrada e todo mundo joga no ferrolho contra os melhores times.

    Pra reiterar: Tem até seleção que faz parte do grupo das melhores que vem jogando no ferrolho. Louis Van Gaal vem sendo ferozmente criticado pela imprensa holandesa por fazer a seleção jogar fechada na defesa e aproveitando contra-ataques.

    http://www.otempo.com.br/cmlink/hotsites/copa-do-mundo-2014/van-gaal-critica-comportamento-da-imprensa-holandesa-1.869583

    Responda a este comentário

    saulo

    A facilidade contra Croácia se deveu a penalidade equivocada. O penalti no Hulk não existiu e o gol foi muito bem anulado.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Foi pênalti. E mesmo que não fosse, era questão de tempo a vitória brasileira.

    O gol do Hulk foi mal anulado.

    Responda a este comentário

    saulo

    Essa foi a versão da Globo. Envergonha sua cobertura, a orientação é pachequista e nenhum jornalismo.

    Responda a este comentário

    Andre

    era questão de tempo a vitória brasileira.

    Realmente isso é verdade. Coisa de minutos. 100 mil minutos, 200 mil minutos.

    Responda a este comentário

    saulo

    O gol iria sair hoje.

    Responda a este comentário

    Andre

    Isso, o gol sairia hoje. No jogo contra o México sairia no próximo mês.

    Responda a este comentário

    João Deiró

    Jackson Martinez e Téo Gutierrez jogariam fácil na seleção brasileira.

    MUITO superiores a Fred, Jõ e que tais.

    Ainda tem o bom Bacca.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Não pegam nem banco.

    Responda a este comentário

    Andre

    Sabe Saulo, o único jogador da Colômbia que teria vaga na Seleção Brasileira é o James, o resto, nem na reserva ficaria.

    Serginho, só um detalhe: o James É reserva na Colombia. Entrou APENAS com a ausência do Falcão Garcia.

    Responda a este comentário

    Andre

    Sacanagem era banco nao.

    Melhores momentos Brasil X Colombia 2012.

    Cuadrado meteu o primeiro com passe de James (VIRANDO A CARA NO PASSE). Neymar empatou e perdeu penalti.

    O Brasil jogou muito melhor com… Kaká!

    Responda a este comentário

  2. Alexandre N.
    30/06/14 - 22:57

    Trocar de capitão em uma Copa não é tão ruim. Parreira que o diga, e Felipão também.

    E justiça seja feita a um certo cone que a grande maioria diz que é o problema do time, vejam só quem é que estava dando apoio ao grupo no momento anterior às cobranças de pênaltis:

    https://twitter.com/helena_flu/status/483438301433454593/photo/1

    Responda a este comentário

    Andre

    Por isso convocaram-no para a função errada. Se deixasse na comissão técnica, daria pra chamar um atacante.

    Responda a este comentário

  3. Andre
    30/06/14 - 23:01

    Mais um detalhe sobre o jogo de sexta:

    Colombia, 6 dias atrás, depois de confirmar sua classificação com 100%, tornara-se virtualmente líder do ranking da Fifa.

    Tudo bem que 6 dias atrás é muita coisa. Mas depois dessa matéria a Colombia ainda comeu o fígado da celeste, que era a SEGUNDA do ranking no momento. Ou seja: Colombia disparando na liderança… Upa lelê…

    http://placar.abril.com.br/blogs/futebol-em-numeros/2014/06/24/hoje-selecao-colombiana-seria-lider-do-ranking-da-fifa/

    Veja como ficaria o ranking da Fifa se fosse atualizado hoje, dia 24 de junho de 2014:

    Posição Seleção Junho 2014 Julho 2014
    1º Colômbia 1137 (8º) 1449
    2º Uruguai 1147 (7º) 1393
    3º Argentina 1175 (5º) 1363
    4º Holanda 981 (15º) 1310
    5º Alemanha 1300 (2º) 1306
    6º Bélgica 1074 (11º) 1300
    7º Espanha 1485 (1º) 1229
    8º França 913 (17º) 1193
    9º Suíça 1149 (6º) 1179
    10º Brasil 1242 (3º) 1174
    11º Chile 1026 (14º) 1090
    12º Itália 1104 (9º) 1056
    13º Portugal 1189 (4º) 1054
    14º EUA 1035 (13º) 1050
    15º Grécia 1064 (12º) 976
    16º México 882 (20º) 956
    17º Croácia 903 (18º) 955
    18º Inglaterra 1090 (10º) 911
    19º Ucrânia 915 (16º) 898
    20º Rússia 893 (19º) 876

    Responda a este comentário

  4. saulo
    1/07/14 - 0:05

    Essa conversa de abalo emocional não passa de estratégia media training, desviar o assunto da questão central: o péssimo futebol praticado pela seleção brasileira. Felipão e a sua comissão técnica se iludiram diante da conquista das Copa das Confederações e não procuram novas alternativas de jogadas. Não houve melhora ou evolução no decorrer dos quatro jogos, o time parece jogar o superbowl americano: David Luiz é o quarterback e o Neymar precisa de virar praticamente sozinho na frente diante de três ou quatro marcadores.

    Responda a este comentário

  5. Victor
    1/07/14 - 1:54

    Aliás, Thiago Silva refletiu como capitão de sua Seleção a postura da Presidente do País dele que afinou de fazer discurso de abertura da Copa que propagandeia.

    Responda a este comentário

  6. Andre
    1/07/14 - 2:41

    A fraqueza de cabeça é mais abrangente do que se imagina (vou clippar!).

    Diretor de comunicação da CBF é suspenso por 1 jogo por ter dado soco em Pinilla

    http://globoesporte.globo.com/futebol/selecao-brasileira/noticia/2014/06/diretor-de-comunicacao-da-cbf-rodrigo-paiva-e-suspenso-por-um-jogo.html

    Quem viu na tv vai lembrar que quem soltou um tapa na orelha do adversário na saída pro vestiário foi justamente o elogiado por ter assumido a pseudo-liderança das cobranças de penaltis.

    QUE FASE, amigo!

    Responda a este comentário

    Victor

    Texto sobre Thiago Silva e Julio Cesar.

    Amigo, a tensão da Copa está te deixando um tanto quanto à beira de um ataque de nervos. Acho que pela sua saúde, eu nem iria lamentar uma saída prematura do Brasil nas quartas, poupando-lhe de prolongar toda ansiedade que estás vivendo.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    A corneta Bonnistica está desenfreada como um estouro de uma manada de rinocerontes correndo pela savana.

    Mas tenho uma desconfiança sobre a motivação. Como este período de Copa monopoliza os meios de comunicação, fica difícil dele encontrar material para a sua cornetagem primordial: Roberto Dinamite. E então, pra não surtar, ele resolveu investir na cornetagem à seleção brasileira.

    Responda a este comentário

    Andre

    Roberto Dinamite é passado. As eleições já estão marcadas.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Não importa. Ele ainda vai continuar alimentando suas lamúrias sobre a situação do clube por muito tempo.

    Responda a este comentário

    Andre

    Vai nada. O foco no Vasco agora é a reconstrução. Não vai dar pra ficar lembrando dele não.

    Quem fez isso foi a turma dele. E sem motivo.

    Dia 6 vamos às urnas! Tudo resolvido já!

    Responda a este comentário

    Bender

    Estou me divertindo com a corneta bonnistica. Diz que Holanda e Alemanha passaram tranquilos nas oitavas, que o Brasil só pegou baba e sofreu, que a Colombia é fodona num grupo com japas e gregos… consigo rir bastante!

    Responda a este comentário

    Andre

    Colombia é fodona num grupo de japas e gregos.

    Brasil NAO É FODAO num grupo de Croácias, Camarôes, Mexicanos e nem em confronto contra CHILENOS.

    ====================

    Me espanta como vcs até agora não entenderam meus pontos. Nem tentarei explicar. Ficaram emotivos igual jogadores brasileiros.

    Responda a este comentário

    Andre

    Dos favoritos até agora, só o brasil derrotou a sua venezuela nos penais.

    Responda a este comentário

    Bender

    Dos favoritos até agora, uma foi eliminada na primeira fase. Os outros dois seguem apertados, mas seguem.

    Responda a este comentário

    Andre

    ôw, meu Deus… dos favoritos nas oitavas, pateta, em seus jogos.

    Só um que passou foi pros penais. E só um que passou chorou.

    Responda a este comentário

    Andre

    Bender, abre aê o post das quartas de final.

    Responda a este comentário

    Bender

    To saindo correndo aqui pra ver USA x RBélgica. Já devo perder os primeiros 30 minutos. Fui…

    Responda a este comentário

    Andre

    a tensão da Copa

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

    Tensos devem estar: vocês, minha mãe e Dilma.

    Responda a este comentário

  7. Yuri
    1/07/14 - 9:36

    Pediu prá bater DEPOIS DE JULIO CESAR. Grande zagueiro, mas merece um VAI TOMAR NO CU com força depois dessa. Cagão da porra.

    Lembrou BEBETO no Deportivo La Coruña, na última rodada do Espanholão-1994, que não bateu, deixou para Djukic, esse perdeu (aos 45 do segundo tempo) e o título ficou com o Barcelona.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Mas o Bebeto sempre foi chorão. Esse caso aí nem foi surpresa.

    Responda a este comentário

  8. Gaburah
    1/07/14 - 9:58

    Porradaria LINDA ao vivo na ESPN ontem sobre esse tema. Tô curtindo a emissora porque nego quase bota dedo na cara quando discorda.

    O mediador teve que cortar pra 18, rsrsrsrs.

    Acho que tem muito dos dois: mascaramento da deficiência técnica e fracasso emocional mesmo, mas isso é uma coisa intrínseca do esportista brasileiro (via de regra). Se é pra mudar isso, o buraco é muito mais embaixo e já tem que ser feito desde a base.

    Chato que sou, achei preocupante a postura da seleção nos hinos desde o início. Diferente dos chilenos, por exemplo, onde a emoção é tangível porém não se vê ninguém abalado.

    Responda a este comentário

    Victor

    Situação de grande estresse. Se não é normal (e entre aspas, porque o normal deve ser não transparecer, pois o mais raro deve ser acontecer em eventos públicos), é natural.
    Foi assim com Ronaldo na final de 98 e foi assim com Luizito Suarez na fase de grupos.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Ambos dignos de acompanhamento psicológico também. Se é que o do Ronaldinho não foi teatro (existe essa tese também, rsrsrsrs…).

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Bender falou dos alemães no jogo de ontem. Características culturais à parte, acho o melhor exemplo. Assim como o impressionante poder de reação holandês e o banho-maria francês.

    Brasileiro é diferente. É outra coisa.

    Responda a este comentário

    Victor

    O maior exemplo histórico de descontrole é alemão. Os caras eram os mais avançados do Mundo em tudo: cultura, tecnologia, engenharia. Daí deram a liderança do povo a um débil mental e provocaram um atraso estupendo na humanidade.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Mas parece que aprenderam com isso, né… pelo menos no esporte. Galera ae que curte o Schummy tem mais um exemplo.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Discordo veementemente. Depois do Tratado de Versalhes a Alemanha virou pó. Foi massacrada na primeira guerra mundial após vencer a guerra franco-prussiana, último grande triunfo germânico em guerras.

    Tu nunca viu as imagens deles comprando pão com MONTANHAS de dinheiro, tamanha a inflação?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Verdade. A Alemanha foi vilipendiada nos acordos feitos após o fim da Primeira Guerra Mundial. E o povo passou tanto tempo comendo o pão que o Diabo amassou que, quando chegou o primeiro maluco chutando a porta e dizendo “Vamos chutar o balde e mandar todo o resto da Europa pra casa do caralho, galere!” o povo alemão comprou facilmente o discurso.

    O problema é que quem chegou fazendo isso foi o Hittler…

    Responda a este comentário

    Victor

    Thiagosilvou.
    Ótimo administrador que foi alçado ao papel de Líder/General onde esbarrou em seu nível de incompetência.

    Chega a dar tristeza quando chega um equipamento americano no laboratório e comparamos com os alemães.

    Quem dera o cara tivesse ficado chorando em um canto ao invés de fazer cagada.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Tem uma porrada de outras variáveis na avaliação da incompetência do Hittler. Uma delas, por exemplo, foi o fato de que ele precisou tirar seus melhores generais da campanha europeia e mandá-los pra África, já que os italianos que estavam incumbidos de conquistar as colônias europeias na África falharam miseravelmente. E os tais generais alemães não puderam reverter por que a cagada feita pelos italianos na África foi muito grande.

    Responda a este comentário

    Victor

    Bastava ele ter lido “O Príncipe” para saber como pode contar com tropas de outros Estados para atribuições que lhe interessassem.

    Irônico que o livro disponível há 500 anos, fora escrito justamente por um italiano.

    Responda a este comentário

    Andre

    Errar na liderança é uma coisa. Errar lá na rabeira, ninguem vê.

    Responda a este comentário

    Bender

    Holandeses também, mas a Alemanha impressiona. Acho que está mais para essa porra européia fria mesmo.

    Quando vi o capitão da SELEÇA sentado com o cu na bola e chorando achei que a parada estava perdida mesmo. Mas esqueci que do outro lado eram outros sulamericaninhos. Mesmo depois de todo o descontrole emocional brazuca, chilenos peidaram e não levaram.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Impressionante como foi perdida a Antiga Arte de Bater Pênaltis… achei que era mal só da Escola Brazuca, mas tô chegando à conclusão que é mal geral mesmo.

    Responda a este comentário

    Bender

    Bona disse que disputa de penaltis é cara ou coroa!

    Responda a este comentário

    saulo

    Bater penalidades depende muito da condição física, emocional e técnica. Treinamento é muito fácil, não tem o desgaste de uma partida e prorrogação. Se levarmos em conta o horário e a temperatura, as condições são mais precárias.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Bater penalidades depende muito da condição física

    Balela. Aranguiz caiu no segundo tempo da prorrogação reclamando de muitas cãibras. Depois quando foi bater a sua penalidade, fez a bola se materializar no ângulo do Júlio Cesar.

    Responda a este comentário

    Andre

    Nardoni, não defina uma regra por exceções amigo. Talvez o Aranguiz estivesse mal fisicamente mas perfeitamente preparado nos demais quesitos que o cabeleira mencionou. Nao pode ser?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Contestei o fato dele ter dito que o estado físico do jogador é um dos componentes que podem atrapalhar este jogador no momento de bater um pênalti. Aranguiz foi lá e provou que sim. Agora, se eu não contestei os outros, fica meio implícito que eu concordo com ele quanto a estes quesitos, ou não?

    Responda a este comentário

    Andre

    Sim, fica sim. Eu que interpretei errado. Mas eu discordo de você. Certamente acho que o estado físico é um dos fatores sim. Mas o jogador não precisa estar perfeito nos 3 fatores elencados para converter.

    Acho que não dá pra isolar. Um cara tecnicamente ruim, também pode converter. Acho que o mais difícil é superar o psicológico.

    Responda a este comentário

    Andre

    Bona disse que disputa de penaltis é cara ou coroa!

    Quando o sujeito escreve isso vê-se claramente a cortina de fumaça ninja.

    Sim, eu disse, não no aspecto técnico. Disse que a disputa de penaltis é usada para DESEMPATAR uma situação que NÂO SE RESOLVEU com a bola rolando.

    Em algumas competições, o critério de desempate poderia ser a campanha da primeira fase. Em outras o número de cartões amarelos. Em outras os gols fora de casa. E nessa, os penaltis.

    Digo isso pra afirmar que o Brasil não SUPEROU EM CAMPO o Chile. NO final acabou empatado. E como ninguém venceu, o critério de desempate foi usado para decidir quem seguiria. E assim o Brasil passou.

    Mas certamente, pelo jogo do Brasil na prorrogação, vê-se que era essa mesmo a esperança brasileira. Já que se em condições físicas normais um grupo superior tende a se fazer superior a outro, ACREDITO que em condições físicas extenuantes, a diferença técnica DEVESSE PREVALECER AINDA MAIS.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Antigamente os pênaltis eram muito mal batidos e os goleiros nem pulavam direito na bola. Era mó ridículo. Hoje os goleiros evoluíram muito.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Sem dúvida alguma. E os batedores involuíram também.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Sem falar que o gol AUMENTOU de tamanho… rsrs

    Responda a este comentário

    saulo

    Evoluíram tecnicamente e a altura influencia bastante. Basta ver o Dida, sempre foi péssimo nas saídas de bola. Em compensação sua grande envergadura ajudava nas suas defesas nas penalidades.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Mas esqueci que do outro lado eram outros sulamericaninhos. Mesmo depois de todo o descontrole emocional brazuca, chilenos peidaram e não levaram.

    Do outro lado eram CHILENOS. Pois platinos colocam os brazucas na roda quando o assunto é controle emocional. Não vê na Libertadores até hoje os caras conseguindo enervar os brasileiros?

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Isso não tem a mínima discussão. Brasil tá ganhando na cagada, jogador chora, capitão senta na bola, treinador pede pra imprensa parar de bater porque jogadores estão ficando tristinhos… não tem nem comparação.

    Responda a este comentário

    Bender

    Viagem.

    Brasil tá ganhando pois tem um puta jogadoraço craque de bola e uma boa defesa. Meio campo deixa a desejar e, também por isso, a SELEÇA encontra dificuldades.

    E sim, a imprensa é escrota. Bateram forte no penal sofrido pelo Fred no primeiro jogo e cagam para outros lances. Mas isso também deve ser trabalhado por Felipão e comissão técnica.

    Responda a este comentário

    Andre

    O Brasil tá ganhando? Nem sabia disso. 2 vitorias e 2 empates.

    Sim, a imprensa é escrota. Como sempre foi e sempre será. Onde está a novidade? E porque isso, que não é novidade, hoje atrapalha?

    Responda a este comentário

    Victor

    Digo que Brasil está ganhando apesar de estar jogando somente com seu 3º melhor centroavante.

    O melhor virou vida loka e o segundo melhor está escalado no meio-campo, ponta-esquerda, sei lá qual a posição dele.

    ****
    Neymar era o mau porque era cai-cai. Fred vilão porque cava pênalti na área. Fernandinho escroto porque bate sem levar amarelo.
    Evoluído mesmo é o Robben que junta as três características.

    Responda a este comentário

    Andre

    Esqueceu de um detalhe sobre Robben: ele tem as três caractéristicas e ainda tem bola. E ainda decide.

    Então ele é o melhor e o pior da soma dos 3.

    Responda a este comentário

    Yuri

    Não quero nem imaginar a Colômbia abrindo o placar.

    Responda a este comentário

    Andre

    Se Colombia abrir o placar, veremos R9 no vestiário em 98 com 60% do time, ao vivo, no gramado.

    Responda a este comentário

    Bender

    Tudo sulamericaninho comparado aos europeus.

    Responda a este comentário

    Andre

    Bender deu a dica. Não foi o Brasil que venceu (empatou). Foi o Chile que perdeu (empatou).

    Responda a este comentário

    Bender

    Pra um perder o outro tem que ganhar. Vc já deveria saber disso.

    Responda a este comentário

    Andre

    E o que tem a ver mongol?

    Repetindo, vc disse:

    Quando vi o capitão da SELEÇA sentado com o cu na bola e chorando achei que a parada estava perdida mesmo. Mas esqueci que do outro lado eram outros sulamericaninhos. Mesmo depois de todo o descontrole emocional brazuca, chilenos peidaram e não levaram.

    Bobão…

    Vc mesmo creditou a vitoria brasileira a fraqueza Chilena. Se os chilenos não tivessem peidado, como vc disse, teriam levado. Brasil à deriva.

    Responda a este comentário

    Bender

    Depois eu que espalho brasa…

    Eu disse que os chilenos não souberam aproveitar o descontrole emocional dos brasileiros. Nada mais que isso.

    Aliás, Colombia também é sulamericaninho.

    Responda a este comentário

    Andre

    Eu disse que os chilenos não souberam aproveitar o descontrole emocional dos brasileiros.

    Sim. Vc declarou sua percepção de que o poder de matar o confronto esteve nas mãos da seleção Chilena, nesse confronto.

    Brasil à deriva [2].

    Responda a este comentário

    Andre

    Ou seja, a vitória ou derrota seria estabelecida unicamente dependendo do adversário.

    Brasil a deriva [3].

    Responda a este comentário

    Bender

    “Vc declarou sua percepção de que o poder de matar o confronto esteve nas mãos da seleção Chilena”

    Porra! De novo, eu disse que os chilenos não souberam aproveitar o descontrole emocional dos brasileiros. Nada mais que isso. O resto é elucubração sua.

    O poder de matar o jogo estava com a SELEÇA que foi melhor em toda a prorrogação. O único momento que o Chile foi melhor foi no segundo tempo, quando Neymar sentia a porrada que levou e foi bem marcado. E MESMO ASSIM, anularam um gol legal da SELEÇA que evitaria inclusive a prorrogação.

    “a vitória ou derrota seria estabelecida unicamente dependendo do adversário”

    Falou merda de novo.

    Responda a este comentário

    Andre

    Bender, vc é burrinho hein?

    Se o Chile tivesse aproveitado o descontrole emocional dos brasileiros teria vencido?

    Responda a este comentário

    Bender

    Talvez sim.

    Finalmente vc entendeu que o Chile perdeu. Demorou mas foi!

    Responda a este comentário

    Andre

    O Chile perdeu. O Brasil venceu por consequencia disso.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Holanda 2010. Catimba sulamericana destiladíssima. E o Brasil caindo no desequilíbrio, como sempre.

    Responda a este comentário

    Andre

    O mais foda, Gaburah, é que o Chile nem catimbou porra nenhuma.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Catimbou sim. Fazer rodízio de falta em um único jogador é uma forma de catimbar no jogo.

    Responda a este comentário

    Andre

    Mas Nardoni, Neymar tb catimbou então e Fernandinho então… nem se fala…

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Sim, alguém disse que não? O descontrole da seleção brasileira veio quando a jogadinha padrão (mandar o bola pro Neymar resolver) não estava funcionando por causa da entrada que ele levou no joelho. Entrada esta que foi o ponto crucial da catimba chilena.

    Responda a este comentário

    Andre

    Nao funcionou com mexico. Na verdade, só funcionou com Croacia e com Camarão amador.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    O problema em relação ao México é outro: Freguesia.

    Responda a este comentário

    Andre

    E o problema contra a Croácia qual era?

    Ou com a Croácia foi passeio e eu que estou entendendo mal?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Não foi passeio. Mas será que a atuação ruim não poderia ter sido causada somente pelo nervosismo da estréia? Afinal de contas, apesar da média de idade da seleção ser um pouco alta (27,7 anos – ao menos para o meio do futebol), dos 23 jogadores escolhidos apenas 6 já tiveram alguma experiência em vivenciar a experiência de uma Copa do Mundo (Fred, Júlio Cesar, D. Alves, Maicon e Thiago Silva).

    Agora vem outra pergunta: Será que este problema (nervoso da estréia) ocorreu somente com a seleção brasileira? Será que as seleções da tua classificação de top’s também não passaram por isso?

    Responda a este comentário

    Andre

    Nardoni,

    1) Sim, pode ter sido nervosismo da estréia. E na estréia achei isso. Porém, com o jogo do México, vi que poderia não ser. Já que empatou e o jogo foi outra merda. No terceiro jogo contra os amadores, ficou claro que o Brasil tava era mal mesmo. Minha corneta assoprou forte a partir do jogo contra Camarões. E o 4º jogo, como todos dizem e eu concordo, era o Chile, UMA BOSTA. E foi demasiadamente trabalhoso.

    Não dá mais pra chamar de nervosismo de estréia, dá?

    2) Certamente esse problema nao ocorreu só com o Brasil não. Mas Não aconteceu, pelo que vi no campo (nao da mesma forma) com esses que citei.

    3) Eles nao são meus TOPs. Os TOPs são: Brasil, Alemanha e Itália. Esses que menciono aí, foram os que JOGARAM O MELHOR FUTEBOL em seus jogos.

    Nao to considerando nervosismo de estréia, se adversários eram bosta, merda ou o que quer que seja. Estou dizendo que pelo futebol JOGADO, esses aí foram os que se apresentaram melhor. SÓ ISSO.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Segue a resposta:

    http://www.blablagol.com.br/volte-a-ser-zagueiro-thiago-silva-21579#comment-178095

    Responda a este comentário

    Andre

    Analise agora com riqueza de detalhes os 4 jogos da Holanda, por favor. Depois os da Costa Rica. Depois os do Uruguai e, por fim, os da Colombia e Alemanha.

    Responda a este comentário

    Andre

    Situação de grande estresse.

    Maia Gabeira quase morreu afogada e já tá lá surfando BIG WAVES de novo. O estresse é diferente de acordo com o nível de confiança de cada um numa situação.

    Todos já vivenciamos isso em um assalto, no trabalho ou mesmo numa pelada.

    MEnos preparados, tem tolerância 1. Mais preparados, tem tolerancia 20 ou 30.

    Responda a este comentário

  9. Bender
    1/07/14 - 11:43

    Ainda sobre fatos desse jogo

    Que militância chata da porra com a vaia ao hino a capela do Chile.

    A vaia é um direito de quem paga ingresso. BRASILEIROS mandaram a Presidente da nossa República tomar no cu em uníssono. E brasileirinhos ficam de mimimi pedindo desculpa pela nossa “falta de educação”.

    Nenhum brasileirinho argumenta que chilenos deveriam pedir desculpas pelo tumulto e quebra quebra que fizeram dentro e fora do Maraca.

    Responda a este comentário

  10. Yuri
    1/07/14 - 11:46

    Deem a braçadeira ao Garoto de Diadema.

    Responda a este comentário

  11. Alexandre N.
    1/07/14 - 11:53

    Sobre o Chile, esquece-se um fato importantíssimo: O Chile não tem nem um título sequer de Copa América. Dos países da Conmebol, além do Chile, a Venezuela também não tem título da Copa América.

    Não sei pra vocês, mas isso diz muita coisa pra mim.

    Responda a este comentário

    Andre

    Por isso Nardoni, dizer que o Brasil penta campeão histórico é fodão na copa de 2014 é hilário.

    Fizeram uma bagunça num assunto besta que me impressionei. Fora a hostilidade babaca.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Você também faz uso desta mesma hostilidade babaca. E você mesmo não é um dos que concordam com a metáfora de que o BBG é o Clube da Luta? Então por quê o mimimi?

    Responda a este comentário

    Andre

    Nao, nao é mimimi.

    Achei geral sensivel demais. Nao esperava. Me pareceu que a essencia critica meio que se perdeu. Senti isso no jogo de Camarões, no começo de um hangout que nao foi ao ar e nem acabou.

    Nego tava feliz!

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Nego tava feliz!

    Direito deles. Mesmo direito que você tem de ser essa flor de pessoa, as vezes. hehehehe… (Essa foi só pra zoar, não leve a sério)

    Ou então, você é que não sacou a parada: Que vocês já estão começando a funcionar como mesarredonditas e eles estão agindo assim pra servir de contraponto à sua corneta.

    Responda a este comentário

    Andre

    Pode ficar feliz, claro.

    Mas achei escroto o ar de “finalmente a seleção jogou bem” que foi o que pareceu pra mim.

    Responda a este comentário

    Bender

    Não lembro de ninguém dizer que a SELEÇA jogou bem.

    Mas sim, pelo menos eu, estava feliz e bêbado.

    Responda a este comentário

    Andre

    Aquele inicio de video existe ainda?

    Responda a este comentário

  12. Gaburah
    1/07/14 - 15:19

    [saulo mode] Felipão se reúne com jornalistas em bate-papo informal e revela que faria mudança em lista de convocados
    http://radioglobo.globoradio.globo.com/copa-do-mundo/copa-do-mundo-2014/materia/2014/07/01/FELIPAO-SE-REUNE-COM-JORNALISTAS-EM-BATE-PAPO-INFORMAL-E-REVELA-QUE-FARIA-MUDANCA-EM-LI.htm

    Responda a este comentário

  13. saulo
    1/07/14 - 16:24

    Complemento, o erro maior foi a escolha do Felipão. Não teve o menor cabimento um treinador recém rebaixado e sem um trabalho significativo desde 2006 voltar a seleção. Fora seus conceitos defasados, não me surpreende esse futebol medíocre e sem imaginação. A CBF preferiu fazer demagogia e angariar a popularidade dos ex-campeões mundiais em detrimento do momento. Seria uma grandeza ter procurado o Guardiola, seria uma grande contribuição ao futebol brasileiro.

    Responda a este comentário

    Andre

    Tb acho que deveria ter procurado o Mourinho ou outro. Mas estou falando só agora depois que o caldo entornou.

    Responda a este comentário

    saulo

    Já tinha criticado a escolha na época e não me iludiu o título da Copa das Confederações. A seleção jogou muito bem apenas na final, no resto teve muitas dificuldades e não convenceu.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    A seleção jogou muito bem apenas na final, no resto teve muitas dificuldades e não convenceu.

    Impressionante. O cara fica mudo por um tempo e o discurso equivocado não muda…

    Responda a este comentário

    saulo

    Não tem nada de equivocado. O que ocorre atualmente é o discurso da maior parte da imprensa em colocar toda a culpa das más atuações pela falta de equilíbrio emocional. A falta de um padrão de jogo, ausência de meio campo, variações táticas… são deixadas de lado em caso de fracasso. São raras as críticas ao trabalho do Felipão, fazer depois é fácil.

    Responda a este comentário

    Andre

    Saulo, como a imprensa e os galvãozinhos histéricos do BBG discursam, é irrelevante.

    O fato é que a falta de equilibrio veio por conta, certamente, de uma falta de qualidade técnica.

    Essa instabilidade aí, na minha ótica, é consequencia. Qdo se deu conta da própria fragilidade, bateu a insegurança.

    Diferente do cara do taekwondo que NUNCA tem apoio de porra nenhuma, chega numa olimpíada, vai pra final e perde. Esse sim, a instabilidade pode ser uma causa.

    ==================================

    Duas revelações nessa copa:

    1) A percepção da fragilidade antes impercetível da seleção canarinho (talvez devessem mudar para seleção tubarão, falcão ou algum prepador)

    2) A constatação de alguns brasileirinhos sempre críticos que se tornam gazelas na hora do vamo ver.

    ==================================

    Sim, eu estou considerando agora, suas observações do ano passado.

    O altismo consegue perceber coisas realmente ocultas. Caso não tenha sido uma mera obra do acaso, parece que esse foi o caminho mesmo que te fez perceber algo realmente impercetível pra 199.999.999 brasileiros.

    Responda a este comentário

  14. RB
    1/07/14 - 20:13

    Essa seleção que finalizou quase 40 vezes hoje é a que tem a melhor defesa da copa…

    Temam os diabos, leigos!

    Responda a este comentário

    Andre

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

    Ganhou fácil dos EUA né…

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk…

    Mas tudo bem. Ta aí, nas quartas. Vamos em frente, já que sua Espanha, Inglaterra e Uruguai já rodaram, vc segue de RBelgica. Tá vivo! ISso que importa!

    VAI COLOMBIA!

    Responda a este comentário

    saulo

    Bélgica vai colocar na roda a Argentina.

    Responda a este comentário

    Andre

    Acho que a Bélgica será a Dinamáquina de 86 na partida contra a Espanha.

    Responda a este comentário

    saulo

    Bélgica superou a Dinamáquina.

    Responda a este comentário

    RB

    RB
    12/06/14 – 0:25
    Não tenho mais motivo pra torcer por eles. Minha segunda camisa é a vermelha dos Red Devils!

    http://www.blablagol.com.br/despertemoslamistica-21442

    Sou Brasil e Bélgica desde o começo. Só torci pro Uruguai pra tirar a bosta da favorita (sic) Itália.

    Acreditava que a Bélgica chegaria nas quartas e cairia pra Argentina, até postei por aí. Mas, analisando as duas equipes fica claro que a Bélgica é MUITO melhor. Só que a Argentina tem camisa e Messi. Isso vai ser interessante nessas quartas: a Colômbia tá melhor que o Brasil, mas é o Brasil. A Bélgica tá melhor que a Argentina, mas é a Argentina com Messi decidindo jogos em uma bola.

    Vamos ver se camisa ganha jogo. Não prevejo nada. Só torcerei pras duas supracitadas.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Vai ser um combate de defesas ridículas. Vantagem da Bélgica se fizer o mínimo que a retardada Suíça devia ter feito quando viu o quanto o goleiro argentino é ruim: chutar de tudo quanto é canto em gol.

    Fica minha dica ae, RB. Manda pros teus Red Devils.

    Responda a este comentário

    Andre

    RBélgica segue viva.

    A pergunta que deveria ser lançada pelo BBG é:

    Quem irá mais adiante: Brasil ou RBélgica?

    Eu acho que ambos perdem agora, nas quartas.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Tirar a Argentina é ridiculamente fácil. A Suíça ficou de palhaçadinha e não conseguiu, por mais ÉPICO que tenha sido o esporro do Oompa-Loompa Caucasiano no juiz.

    Responda a este comentário

    Gaburah

    Se o Brasil eventualmente fosse pra uma final com a Argentina, ATROPELARIA. Seria resultado pro Felipão usar contra tudo e todos pro resto da vida, dizendo como a campanha e a preparação foram perfeitas e tal.

    O negócio é que nenhum dos dois, Brasil ou Argentina, tem time ou atual cacife pra chegar na final desta Copa.

    Responda a este comentário

    Andre

    Eu tb acho que numa final o Brasil pode atropelar. Acho que o caminho do Brasil é mais árduo do que a partida final. Não falo pelos adversários.

    O medo de perder congela.

    Responda a este comentário

  15. Serginho Valente
    2/07/14 - 10:30

    Acho tudo isso uma grande bobagem.

    Vide: http://globoesporte.globo.com/futebol/selecao-brasileira/noticia/2014/07/abalo-emocional-choroes-sao-os-melhores-do-brasil-na-copa-do-mundo.html

    E tem mais, Gérson e Rivelino odiavam bater penais. Qual problema o Thiago Silva não gostar também?

    Querem impor uma troca de capitão, sem terem a menor ideia do que o grupo pensa.

    Por fim, prefiro que os caras chorem do que caguem e andem para seleção. Como faziam em 2006 e 1990, por exemplo.

    Responda a este comentário

    Bender

    Alias, quando comentei acima dizendo que o Brasil avança na Copa por ter um puta craque de bola e uma boa defesa, falava exatamente desses 4 jogadores que estão no subtítulo desse link. Não incluí o Dani Alves, claro.

    Responda a este comentário

  16. Andre
    2/07/14 - 18:53

    Ilustrações maneiras da copa: http://www.newrepublic.com/article/118084/world-cup-2014-simon-prades-illustrations

    Responda a este comentário

  17. Andre
    2/07/14 - 19:14

    To pensando em já fazer um post sobre a vitoria Colombiana…

    Na verdade, to a fim de fazer e até já publicar logo.

    Responda a este comentário

  18. Alexandre N.
    2/07/14 - 21:18

    1)

    Porém, com o jogo do México, vi que poderia não ser. Já que empatou e o jogo foi outra merda.

    Velho, você está reclamando de um jogo que não dá pra reclamar. A seleção até criou ótimas chances de gol APESAR daretranca mexicana. E a seleção não marcou por que o goleiro mexicano ainda fez milagres pra segurar o resultado. Pra fazer um paralelo: Situação parecidíssima com aquele jogo do Figueirense no Brasileiro de 2005 em que a arbitragem tentou fazer o possível e o inimaginável pra arranjar o resultado do jogo mas o Edmundo os impediu fazendo o diabo no jogo.

    No terceiro jogo contra os amadores, ficou claro que o Brasil tava era mal mesmo.

    Neste jogo a seleção até apresentou uma melhora significativa em relação aos dois jogos anteriores. E pra antecipar a sua corneta, uma melhor, mesmo que ínfima, é uma melhora, concorda? Os poucos erros que a seleção cometeu foram todos no setor mais problemático: A lateral direita (maldito Barcelona do Messi. Não fosse por ele, Daniel Alves estaria enganando em algum campeonato fraco da Europa).

    E o 4º jogo, como todos dizem e eu concordo, era o Chile, UMA BOSTA. E foi demasiadamente trabalhoso.

    Sim. E muito disto graças ao rodízio de faltas no Neymar perpetrado pela seleção chilena onde ele acabou machucado. Isto quebrou sim o ritmo da seleção, ainda mais por que o Scolari não quis mudar a forma de jogo do time, não tirando o Neymar de campo e invertendo a posição dele com o Fred. Dá até pra entender o por quê do técnico ter pensado nisto. Fazendo outro paralelo: Você é o técnico daquele Vasco de 1997 e em um jogo da fase de mata-mata, o Edmundo se machuca, mas não o suficiente para que ele tenha que ser substituído. Você o tiraria de campo, sabendo que mesmo machucado ele poderia tirar algum coelho da cartola pra ajudar o time?

    2)

    Sobre as tais seleções que você disse jogar melhor do que a seleção brasileira: Jogar despreocupado realmente ajuda. Usando um argumento seu de uma outra conversa, é muito mais fácil não sentir tanta cobrança quando sabemos que não temos a obrigação de sermos os protagonistas, concorda? Afinal de contas, o que elas têm a perder, já que elas não eram as favoritas?

    3)

    Sobre as suas seleções Top, certamente você percebeu que das três somente uma vem apresentando um futebol consistente (apesar de mesmo assim sofrer algumas críticas). As outras duas vêm apresentando um futebol menos consistente por estarem passando pelo mesmo motivo: Estão passando por um período de renovação. Brasil e Itália convocaram poucos jogadores com experiência de disputa do torneio, problema que não ocorre com a Alemanha devido ao fato desta ser a segunda Copa que a maior parte dos jogadores do elenco disputam. E isto, por mais que você tenha o direito de achar que é balela ou mimimi, faz uma diferença gigante.

    Responda a este comentário

    Andre

    Debilóide, eu não estou dizendo os MOTIVOS pelo qual o Brasil fez isso ou aquilo.

    Eu estou dizendo APENAS que as que citei JOGARAM MELHOR. SE APRESETNARAM MELHOR. Ou o que quer que seja.

    Se vc individualizar as questões do Brasil, perde o sentido, porque outras seleções também montaram ferroulho. Outras também fizeram faltas em vários desses adversário… Cada uma teve o seu caminho e, AINDA ASSIM, APRESENTARAM um futebol melhor.

    Contra Camarões o BRasil nao apresentou EVOLUÇÃO ALGUMA. FOI o adversário que piorou.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Se vc individualizar as questões do Brasil, perde o sentido

    Pode definir melhor este “perde o sentido”. Afinal, perde o sentido da discussão ou faz a sua corneta perder o sentido?

    Cada uma teve o seu caminho

    Correto. Umas com um caminho mais fácil, outras com caminho mais complicado que o das outras. E então voltamos ao argumento benderiano: Cada jogo é um jogo. Cada um contendo o seu universo de particularidades que os tornam únicos em relação aos outros, que atrapalham o máximo possível a comparação entre eles.

    Responda a este comentário

    Andre

    Ai meu saco… esse revezamento de faltas enche o saco…

    Vc viu quantos jogos da copa?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    O único jogo que não assisti foi Nigéria x Irã.

    Responda a este comentário

    Andre

    Entao me diga: eu nao estou perguntando as circunstancias que levaram a isso ou aquilo.

    Estou perguntando: quem APRESENTOU MELHOR JOGO? Me diga? Em todos os jogos que vc viu?

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Alemanha e França. Com possibilidade de crescimento: Brasil. Se os jogadores da seleção brasileira se movimentarem mais em campo, não fica atrás destas duas que eu disse.

    Responda a este comentário

  19. Alexandre N.
    2/07/14 - 22:59

    Momento alimente o troll:

    Holanda:

    Nos seus quatro jogos, a Holanda jogou um futebol onde quem propõe o jogo é o adversário. Preferiu sempre se defender e jogar nos contra-ataques, jogando em um 5-3-2. Sofrem com o desfalque por lesão de alguns jogadores (Bruno Martins, Fer e De Jong) e uma vez por suspensão (Van Persie no jogo contra o Chile).

    – No primeiro jogo usaram a fórmula utilizada pela seleção brasileira na Copa das Confederações: Pressionando a saída de bola no campo de defesa espanhol;

    – No segundo jogo, deixou mais uma vez o adversário propor o jogo e ficou na defesa aguardando o momento de dar o bote. Conseguiram marcar o primeiro gol numa jogada de contra-ataque, porém cochilaram e levaram dois gols. Conseguiram a virada graças a fraqueza australiana, que resolveu ficar na retranca pra manter o resultado;

    – No terceiro jogo, voltaram a proposta defensiva, aguardando as chances que poderiam ser criadas em contra-ataques. Porém a defesa do Chile conseguiu se defender muito bem, anulando a proposta holandesa. Só conseguiram os dois gols praticamente no fim do jogo, fazendo uso da fraqueza chilena: As jogadas aéreas, já que a defesa chilena era baixa;

    -No quarto jogo, ocorreu uma mistura do que ocorreu nos dois jogos anteriores: Proposta defensiva, entretanto o México conseguia anular as jogadas de contra-ataque (como ocorreu no jogo contra o Chile). Levaram o primeiro gol (um belíssimo gol, por sinal) em jogada de Giovanni dos Santos e mudaram a proposta passando ao ataque (como no jogo contra a Austrália). Conseguiram a virada no fim do jogo graças a erros capitais cometidos pela seleção mexicana.

    Amanhã continuo o restante das análises solicitadas.

    Responda a este comentário

    Andre

    Obrigado [2].

    Vc realmente tem uma leitura de que a Holanda tem um esquema montado e quais são suas variações de acordo com a necessidade/oportunidade.

    O Brasil tem?

    Aliás, o Brasil não sabe nem se vai ter centro-avanta, 3 zagueiros, etc…

    Espero que coloque os 3 zagueiros. Ao menos é uma coisa nova e dá pra ter alguma expectativa diferente.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Sim, a seleção brasileira tem um esquema de jogo. A proposta de jogo deste esquema é ruim e pouco funcional, na minha opinião. Mas o tal esquema existe.

    Responda a este comentário

    Andre

    Obrigado 3. Nao precisa mais analisar nada.

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    É ruim, porém não impede que seja melhorado. Que fique claro.

    Responda a este comentário

    Andre

    Isso é óbvio e está mais do que claro. Sempre esteve e eu nunca disse o contrário.

    Responda a este comentário

  20. Victor
    3/07/14 - 10:24

    HuaheuaheauhUAhE UAheauE AUEhauehauehauahuhaueaueauehauheua huaheuaheau UAHeauhaueaueaea uHEAUehaue aeauehau eHUAEh uhaeuaheauehaeuaheua HAUehauehaueHuaheuaheauhUAhE UAheauE AUEhauehauehauahuhaueaueauehauheua huaheuaheau UAHeauhaue ehauahuhaueaueauehauheua huaheuaheau UAHeau AHeauhaueaueaea uHEAUehaue aeaAheauE AUEhauehauehauahuhaueaueauehauheua huaheuah

    (estou rindo só pela do Thiago Silva. A do William eu teria de pagar um plano maior de hospedagem para caber toda a risada)

    Responda a este comentário

    Alexandre N.

    Realmente Zico é o Pelé branco. E como diz a máxima que o Pelé calado é um gênio, Zico vai confirmando a mesma teoria…

    Responda a este comentário

Deixe seu comentário