Home   Open-Bar   Trollagem   Bolão   Mercado da Bola   Copa do Brasil   Seleção   NFL   Contato  

Papeletas Amarelas

April 4th, 2008 por | Categorias: Flamengo, Futebol, Vídeo.

Chororô antigo:

1ª Versão:

2ª Versão:

Explicação SENSACIONAL do advogado rubro-negro:

Inscreva seu e-mail e confirme pelo link eviado para receber novos artigos do Blá blá Gol.

91 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

91 Comentários para “Papeletas Amarelas”

  1. Pablo Martinez
    4/04/08 - 15:33

    Um escandalo de proporções odiosas, que se fosse num país sério, rebaixariam a equipe do flamengo e o caramba.

    Realmente, o advogado rubro-negro é cômico, não fala uma frase com nexo. Não diz nada.
    Eu teria vergonha. Para falar isso, não fala nada.
    Diga algo como “só me pronunciarei em eventual processo judicial”. Pronto.
    Tentar explicar, mostrando que não tem o que explicar, fica ainda pior. Só de ver a entrevista eu já sei que foi uma verdadeira sacanagem…

    Responda a este comentário

  2. Rafael
    4/04/08 - 15:43

    Como todos sabem, não tenho a possibilidade de ver esses vídeos aqui no trabalho.

    Depois vejo e comento o chororô retrô vascaíno, que nunca vi sair em nenhuma mídia séria. Tá bem, tá bem… “o caso foi abafado”.

    Responda a este comentário

    Fabiano

    rsrs nao vi sair em nenhuma midia seria?? por acaso esse jovem reporter ai nao era o Tino Marcos? e por acaso ele nao trabalha na Globo? Ou ela nao e seria pra vc? rsrsrrs ai ai…

    Responda a este comentário

  3. Victor
    4/04/08 - 15:47

    Na 1ª versão, o melhor é:

    O que importa é o Flamengo ganhar

    Reflete bem como pensam.

    A 2ª versão então é sensacional. Sem ter como justificar, o presidente do Flamengo prefer assumir um “crime menor”
    HAuhUAhuAHu UAHuHAuhauhUAh uhauHA
    HAuhauh aUHauhauhau AuhauhAUhU Ah
    HAuhauhAU uah UAhUAhuah uAhu AHu A

    A explicação do advogado então… quase quebrei a cadeira de tanto rir.
    Eu sabia da história, mas não conhecia os vídeos.
    Eu achava o champanhe a vergonha maior do futebol no Brasil, mas estou vendo que é fichinha perto das papeletas.

    Depois disso, fica até complicado condenar o chororô dos botafoguenses. Para condenar, tem de procurar antes na Gávea para ver se não encontra uns post-it’s pelos escritórios.

    Responda a este comentário

  4. Victor
    4/04/08 - 15:51

    nunca vi sair em nenhuma mídia séria.

    Todos os vídeos são do Globo Esporte

    Responda a este comentário

  5. Zargarotinho
    4/04/08 - 17:55

    O maneiro é estourar champagne com virada de mesa.

    Responda a este comentário

  6. Serginho Valente
    4/04/08 - 18:51

    Típico.

    Responda a este comentário

  7. Rodrigo Ramos
    4/04/08 - 20:23

    Tá engraçado issoa qui… é o sujo falando do mal lavado! É papeleta, é virada de mesa com champagne e é o Eurico que coleciona tantas maracutaias que já ficou banalizado… Tipo, quando se ouve Eurico… todos já sabem que o vem besteira ou vem escândalo… é típico rsrsrsr

    Responda a este comentário

  8. Serginho Valente
    4/04/08 - 22:19

    É típico que quando se fale em champagne na virada de mesa os tricolores concordem que foi uma vergonha.

    É típico que nenhum vascaíno deste site alivie qualquer maracutaia do Eurico.

    E é típico que quando se mostra algo podre cometido pela diretoria do Flamengo, seus torcedores* ao invés de simplesmente repudiar e condenar o crime cometido, procurem algo que desabone outro clube, como se isso justificasse alguma coisa.

    Sim, é o sujo falando do mal lavado, com a diferença que uns repudiam a sujeira, outros não.

    * estão mais pra devotos radicais

    Responda a este comentário

    Maurilio Neto

    Foi citado fla flu e vasco e o Botafogo,não tem nada que desabone a sua conduta. Por isso, que é um time que tem menos titulos.

    Responda a este comentário

  9. Serginho Valente
    4/04/08 - 22:52

    Lopes falando sobre sua passagem pelo Vasco em 86:

    “O treinador deixou o Vasco irritado com a diretoria por causa do caso das “papeletas amarelas”, um esquema denunciado para favorecer o Flamengo na arbitragem do Campeonato Carioca já que o clube não vencia a competição desde 1981.

    - Ganhamos a Taça Guanabara de 86 com nosso time barato. No segundo turno aconteceu o negócio das papeletas amarelas e eu avisei ao Eurico que ia ter problema com arbitragem. Cheguei a receber telefonema anônimo avisando da armação. Só que Eurico não levou a sério e perdemos para o Flamengo. Me aborreci e saí do Vasco. Fui para o Fluminense – lembra Lopes em seu site oficial.”

    Responda a este comentário

  10. Victor
    5/04/08 - 2:22

    Eu tinha escrito um comentário enorme (muito maior que este que aqui está) mas apaguei.

    Basicamente ele explicava mais detalhadamente que o que eu escrevo aqui sobre o que eu acho ou deixo de achar, nada é influenciado diretamente* por eu ser tricolor. Quem não percebeu isso, e ler este comentário, fica bem explanado agora.

    É perda de tempo discutir comigo (tanto para quem discute, quanto para mim que infelizmente e sei lá porquê sinto-me impelido a responder e desviar o foco do que me interessa) focando no fato de eu torcer para o Fluminense.

    Tampouco acho que tenho de dar tratamentos iguais aos 4 times do Rio para tudo quanto é ocasião. Paradoxalmente eu já fui criticado aqui tanto por não querer celebrar vitória do Flamengo quanto por não querer celebrar vitória do Fluminense.

    quem ler este comentário, pode ter certeza então, que meus comentários não são clubísticos e muito menos anti-clubísticos. E eu mesmo policio-me para não me enveredar por este caminho mais fácil e trivial de discutir futebol.

    Ao invés de discutir um assunto por ele em si, busca-se os antagonismos do mesmo.

    *diretamente o que escrevo aqui não é influenciado por eu ser tricolor, mas indiretamente acabam sendo, pois afinal, por torcer pelo Fluminense, acabo acompanhando mais este time que a outro, logo, ele acaba entrando mais na minha pauta.

    Responda a este comentário

  11. paulo affonso
    5/04/08 - 22:56

    Eu vivi muito intensamente este periodo (tinha 20 em 86) e sei como foram os “aureos” tempos do Fla dos anos 80.
    Parecia, sinceramente, que haviam escolhido o Fla para simbolizar uma cacetada de frustrações que tinham q ser vencidas.
    Ditadura em queda.
    Perda de várias copas.
    Inexistencia de outro Pele.
    O Rio se dando conta de sua perda economica e política pra SP e DF.
    E mais especificamente pro Fla a morte do Claudio Coutinho e Geraldo.
    Havia uma exaltação gigantesca do Fla, Zico e suas conquistas.
    Era como se fosse o filho escolhido da família pobre pra ganhar o mundo.
    Pra quem viveu aquela época era difícil não se sentir envolvido. Mesmo quem não era Flamengo.
    Em 78 o Zico (não tinha ganho nada até aí) foi a Copa e Falcão (bicampeao brasileiro) ficou de fora pra se ter uma idéia.
    Olhando agora pra trás vemos como as coisas estão mudando.
    Por exemplo, há um cuidado maior por parte da midia em não mostrar preferencias clubisticas que não havia. Não que hoje não exista, mas é bem menor.
    Eu não sabia mas intuia sobre a atenção que a Globo dava ao Flamengo. Aquele video do Armando Nogueira onde ele conta da preferencia do Roberto Marinho diz muito.
    As campanhas políticas de então eram nojentas quando alguem de fora do status quo tentava aparecer. Brizola, Lula, Gabeira, Freire eram malditos e não havia nenhum pudor em colocá-los de lado no JN quando iam contra os Moreiras, Color e outros candidatos mais conservadores. Hoje tem regra de horario pra um e outro.
    Não digo que isso tudo tenha sido premeditado, mas uma conjunção de fatores ajudaram o Fla e isso pode ter subido a cabeça desses dirigentes pra cometer essas barbaridades.
    O chororo de hoje e ontem se completam.

    Responda a este comentário

  12. O mal do mundo
    6/04/08 - 7:00

    ..e o flamengo é grande mal do mundo.
    sadan(quando vivo), bin laden, bush…todos juntos no grande plano malefico pra fazer o flamengo grande e de la iradiar todo o mal do universo e destruir o mundo, espalhar a pobreza e a fome….etc etc etc
    e ah, o zico foi uma mutação genetica promovida pelos americanos que em negociação com o governo militar fizeram esse negocio unico. so deu certo uma vez. depois eles ficaram com medo do monstro que criaram e destruiram todos os arquivos.
    fome? a culpa é do flamengo
    furacão? tsuname? a culpa é do flamengo
    a menina é jogada do 10 andar pelo pai? a culpa é do flamengo e alias, o cara tinha que ser rubro-negro

    hahahahahha (risada gutural)

    o flamengo é mau, pega um pega geral…buuuuuuaaaa

    ****

    Author : O mal do mundo (IP: 201.17.62.155 , c9113e9b.virtua.com.br)

    Responda a este comentário

  13. Serginho Valente
    6/04/08 - 12:12

    Fazer piadinha com morte de criança é uma escrotidão inaceitável.

    Responda a este comentário

    Fabiano

    mas tipica de onde vem!!! liga nao!!

    Responda a este comentário

  14. paulo affonso
    6/04/08 - 12:24

    Grande Flamenquista esse.
    Sai da toca Candiru!!!
    Quanto a mutação genética do Zico, agradeça ao Francalacci. Agradece a ele tb o joelhinho de cristal do Galinho.

    Responda a este comentário

  15. paulo affonso
    6/04/08 - 12:33

    Pra terminar minha participação aqui nessa muvuca rubronegra, parabéns aos 4 atletas exemplares que dignificam o esporte brasileiro e carioca.
    Parabéns também ao time de procuradores rubronegros que mostraram toda a sua isenção e correção a serviço da justiça e do esporte.
    Temos uma situação que mostra o quanto é isento e justo o pagode futebolístico do Estado do Rio de Janeiro.
    E apelo ao CAM (Ibope). Cale-se pq a coisa aqui não é pra ti.

    Responda a este comentário

  16. Rafael
    7/04/08 - 9:54

    O mais engraçado é que um post que apenas mostra a paixão clubística de outros (na eterna tentativa de diminuir o Flamengo) é classificado aqui como “muvuca rubronegra”.

    Engraçadíssimos os motivos apontados aqui para justificar o sucesso do esquadrão rubronegro de Zico, Adílio, Júnior, Leandro, etc, etc… Desde ditaduta passando pela perda de Copas, pela carência de um Pelé e claro, óbvio, e sempre, a Globo. Acham até que um dia o RJ foi mais importante economicamente que SP pra o Brasil.

    ****

    Eu ainda não vi os vídeos aqui postados. Mas sei que a caravela e o champagne existiram, foram fatos, eu vi. É muito fácil dizer aqui que “não concordo”, mas na época comemorou a patética volta olímpica e ficou feliz com o retorno à 1ª divisão, respectivamente.

    ****

    Serginho fanfarrão querendo aparecer. Se faz de burro para não perceber que o comentário do “mal do mundo” é completamente irônico. E completamente acertado.

    Não acho que ele tenha brincado com a morte da menina. E vc sabe disso.

    Pelo que vcs dizem parece mesmo que houve uma conspiração de todos a favor do Flamengo. O pior cego é esse. Eu já disse aqui do grande time do Botafogo de Garrincha, do Vasco do Juninho e do Flu, na época da máquina. O arco-íris não. O sucesso do esquadrão de Zico e Cia. foi sempre roubo, ou apenas sorte.

    Responda a este comentário

  17. Serginho Valente
    7/04/08 - 10:48

    O post se refere apenas a um fato, documentado amplamente pelo Globo Esporte. As opiniões e conclusões evidentemente são de cada um.

    Eu condeno veemente as cagadas que os dirigentes fazem no meu time, se outros torcedores preferem ignorar, fingirem que não viram, ou arranjar desculpas, o problema é deles.

    Eu não comemorei caravela nenhuma, nem fui ao jogo pela situação que estava criada. Achei ridículo e desnecessário. Agora, entendo perfeitamente sua dificuldade em acreditar nisso, visto sua cegueira pelo seu time atual.

    Pergunta pra mãe da menina que morreu o que ela acha.

    Responda a este comentário

  18. Rafael
    7/04/08 - 11:07

    A Globo tá aí pra fazer reportagem mesmo. Sejam fatos, denúncias ou suposições.

    Se a diretoria do Flamengo tentou corromper alguém, eu repudio completamente. Mas isso já foi provado? Alguém foi punido?

    Eu não me espantaria se, nas infindáveis “brincadeiras” do arco-íris, daqui a pouco visse uma piadinha que quem matou a menina foi um flamenguista.

    Responda a este comentário

  19. paulo affonso
    7/04/08 - 11:29

    Ninguém em sã consciência pode desmerecer aquele time do Fla dos anos 80 (eu mesmo já disse que ia a Gávea mais cedo que meus jogos para vê-los treinar). O que digo e afirmo é que a diretoria e torcedores rubronegros em cargos influentes, desde aquela época até os dias de hoje, não se contentam em apenas torcer.
    Concordo que o mesmo aconteceu com o Flu na virada de mesa, com o Vasco do Eurico (a nível estadual) e com o Americano. Eu por exemplo, não torci pro Bota em 92 pq era time de lavagem de dinheiro do bicho.
    Concordo que times grandes sempre levam vantagem contra pequenos em qq nível. Mas isso não quer dizer que não podemos ficar contrariados simplesmente porque vamos ser tachados de chorões.
    Há que se ter a lógica básica antes de pegar o teclado, o microfone, a bandeira e sair propalando o amor ao clube.
    Quem não sabe que o Roberto Marinho fazia tudo pelo seu interesse? Político, econômico, e porque não, clubístico. Não é nenhuma barbaridade se dizer isso. E qdo alguém do nível de um Armando Nogueira diz isso tem que se parar pra pensar. Pra quem não sabe ele, além de Botafoguense, era simplesmente o Editor do JN. Se ele diz que tinha que filtrar o que era divulgado sobre o Fla quem vai contestar? Voce Bender?
    Quem não sabe que o Americano levava vantagem aqui no Estado? O FLu quebrou uma invencibilidade de 4 anos de uma “escrita” do Americano sobre ele. Alguem acha que isso é pra ser levado a sério? E vc Bender duvida disso?
    Quem não sabe que o Fla tem sido, há peleo menos uns 30 anos, ajudado pelo TJD? Vc mesmo pediu 120 pra dois metralhas do seu clube e o que eles levaram?
    Quem não sabe que o Flu do João Havelange era intocável? Será que algum tricolor aqui do site discorda disso?
    O que não adianta é ficar um desmerecendo a conquista do outro e o outro dizendo que o um já roubou aqui e ali. O que não adianta é o Flu ficar do lado da Federação retrógrada pq um dia já foi ajudado por ela e por Eurico.
    Não adianta a massa rubro negra ver tudo isso acontecendo e qdo chega a decisão vem pro estádio como se não houvesse nada. E tudo que os outros reclamam poem na conta do chorão.
    O que há com todos? Depois vem reclamar do Sobel e da Wynona terem dado uma roubadinha. “Mas era só uma gravatinha de 400 dólares” disse ele. E aqui vem a massa sonsa e desapegada da realidade e diz: “Mas todo juíz dá sempre uma erradinha…”
    Eu já disse aqui e repito mais uma vez: Não importa quem ganha se a vitória for justa. O ESPORTE tem que estar acima da preferencia clubística.

    Responda a este comentário

  20. Rafael
    7/04/08 - 15:29

    “sei como foram os “aureos” tempos do Fla dos anos 80.
    Parecia, sinceramente, que haviam escolhido o Fla para simbolizar uma cacetada de frustrações que tinham q ser vencidas.”

    Logo depois…

    “Ninguém em sã consciência pode desmerecer aquele time do Fla dos anos 80″

    Muita sã consciência para colocar as aspas em áureos.

    ****

    O que “diretoria e torcedores rubro-negros em cargos influentes” (0,00001% da torcida rubro-negra) faz, não é culpa da torcida do Flamengo.

    Se vc não iria comemorar um título brasileiro (1992) problema seu. Pergunta se algum corinthiano não comemorou em 2005. Vê se algum botafoguense não comemorou em 95. O Tricolor comemorou sobre o Bangu, e os vascaínos até deram volta olímpica.

    ****

    Blablabla… Globo, Flapress, Roberto Marinho… tá chatão esse papo já há muito tempo. E deixa o cara descansar em paz. Aliás, nunca vi o Roberto Marinho fazer nada pró Flamengo. Nunca o vi na Gávea, nunca o vi no Maraca, nunca o vi num jogo onde quer se seja…

    “Não é nenhuma barbaridade se dizer isso”. Vc afirmar que o Roberto Marinho usou sua influencia para ajudar o Fla, é apenas uma suposição sua. Então, passa a ser barbaridade sim.

    Para contestar alguma coisa eu tenho que ver antes. Quando o Armando Nogueira disse isso? Gostaria de ver e ouvir.

    O Americano levava vantagem sim. Os times grandes têm sempre vantagens contra os pequenos. Isso é ruim.

    Eu acho que o Toró merecia 120 dias mesmo. E o Ferrero tb. É isso que vcs não conseguem ver. Que os critérios do TJD são muito ruins. Aliás, nem sei se aquilo lá tem critério. Mas vcs ficam nessa paranóia de “juízes são flamengo, procurador é flamenguista…”

    Responda a este comentário

  21. Serginho Valente
    7/04/08 - 16:48

    “Se a diretoria do Flamengo tentou corromper alguém, eu repudio completamente. Mas isso já foi provado? Alguém foi punido?

    O Eurico até hoje não foi punido, nem teve nenhum crime comprovado. Como sempre, usando dois pesos e duas medidas.

    “Eu não me espantaria se, nas infindáveis “brincadeiras” do arco-íris, daqui a pouco visse uma piadinha que quem matou a menina foi um flamenguista.”

    Eu acharia escroto e inaceitável. Do mesmo jeito que achei quando o flamenguista fez uma piadinha.

    Responda a este comentário

  22. joe-joe
    7/04/08 - 17:06

    É estranho a galera rubro-negra falar de torcida arco-íris. As patéticas FlaMadrid e Fla-Manchester são o quê?

    Ferrero – vejam só – merecia 120 dias. E o que dizer de Jaílton, no jogo de ontem contra o Vasco? E o que dizer de Souza, no Brasileirão de 2007, que agrediu duas vezes Tcheco (que não é santo), do Grêmio – uma delas fora de campo. Qual a pena de Souza, aquele jogador medíocre que sempre entra com mãos e pernas sobrando em divididas? Apenas três dias.

    E o que dizer da manobra rubro-negra no STJD ano passado, para garantir jogos com público no Maracanã? Ou da pré-temporada que fez no meio do campeonato brasileiro, quando esperou montar um time para começar a jogar?

    Para quem tem boa memória, por coisa parecida, Felipe, então no Fluminense, pegou seis meses de suspensão, pelo STJD, para ter pena reduzida – vejam só que pizza – para quatro meses.

    Eu acho que erros de arbitragem são comuns em decisões e jogos importantes. Eu só acho estranho, muito estranho mesmo, é que quase não se lembre de jogos decisivos em que o Mengo tenha sido prejudicado. Ah, teve aquele empurrão do gol de Maurício, na final do estadual, em que até um empate dava o título ao Botafogo…

    O Botafogo lucrou com os erros de Márcio Rezende em 1995, na final do Brasileiro. Mas pouca gente lembra é que o mesmo juiz anulou dois gols legais do Botafogo no primeiro jogo da final da Copa do Brasil, em 1999.

    Nunca vi, pelo menos até agora, uma arbitragem tão escandalosa como a do sr. José Roberto Wright, no jogo desempate entre Flamengo e Atlético-MG, da Libertadores 1981. Wright, que também já garantiu um estadual para o Flu no apito, segundo os dirigentes atleticanos, viajou no mesmo avião e ficou hospedado no mesmo hotel da delegação rubro-negra. Lamento que as denúncias tenham sido recebidas com pouco caso pela imprensa. Aliás, o jogo desempate foi escandalosamente – ou convenientemente – ignorado no documentário lançado para celebrar a epopéia daquela geração, “Heróis de Uma Nação”.

    Falam de “caravelas de papel”, mas esquecem de voltas olímpicas com taça de Isopor.

    A questão não é o Roberto Marinho, mas Walter Clark, então homem forte da Globo e que foi dirigente do Fla. A questão não é a imprensa, mas jornalistas que são jornalistas quando convém e rubro-negros quando convém, algo estampado com todas as cores no documentário “Heróis de Uma Nação”, em que cai a máscara do sr. Renato Maurício Prado (amigão do Zanata – quem viveu no início dos anos 1980, sabe do que estou falando).

    E lamento que na imprensa, que vive de vender papel, nada mais normal que agrade à massa de manobra, seja tão pouco combativa quando a questão é Flamengo. Nunca vi um jornalista se levantar contra o absurdo de Flamengo e Botafogo, os clubes que mais devem dinheiro à União, contarem com patrocínios estatais. Vale lembrar que quando estourou o escândalo das papeletas, o Fla era controlado por um grupo que se opunha à situação, do qual fazia parte Walter Clark. E quando viram que o monstrengo criado poderia ter proporções maiores para o clube, abafaram o caso.

    Lamento que tenha lido um lixo de matéria como este, completamente parcial, num site que deveria ser imparcial:
    http://globoesporte.globo.com/ESP/Noticia/Futebol/Flamengo/0,,MUL341537-4282,00.html
    O Globo Esporte jogou pra galera, ao dizer que o Flamengo, então com uma vitória (com ajuda do juiz), um empate (com o incrível Bolonhesa) e uma derrota (diante do fraco Nacional) tinha a mesma campanha do atual campeão da Libertadores. Nossa, heim? Isso que é matéria conveniente, né.. Numa boa, é mais honesto ficar com o “Jornal da Nação”.

    O Flamengo não é o mal do mundo. O mal do mundo é a burrice. Infelizmente, invariavelmente, a burrice denota duas cores – preto e vermelho.

    Mas, é claro, “isso é inveja do Flamengo”, como dizem os fiéis eleitores do Maluf….

    Responda a este comentário

  23. Rafael
    7/04/08 - 17:38

    O que eu falo do Eurico e/ou do Vasco são apenas fatos:

    Papelão de/da Caravela;
    Invadir o campo e parar o jogo qdo o vasco está levando sufoco;
    Chutar vascaínos feridos no campo de São Januário;
    Roubar a taça e proclamar-se campeão;
    “A federação é minha!”

    Quando comento sobre a mansão de Angra, apartamento em Miami, Paris… comprados com o salário de R$ 8 mil/mês de 1 mandato, são suposições minhas. Vc pode aceitar ou não. Mas como sempre vascaíno acha tudo normal.

    Só não acha normal quando é contra o Flamengo, aí a suposição vira realidade, mesmo sem provas. Praticamente uma mágica nas cabeças lusitanas.

    Depois sou eu que uso dois pesos, duas medidas.

    Responda a este comentário

  24. Fernando
    7/04/08 - 18:04

    Se vc não viu o Armando Nogueira falar, não pode vir aqui falar q é uma barbaridade… informe-se antes…

    Responda a este comentário

  25. Rafael
    7/04/08 - 18:09

    Fla-Madrid foi ridículo, mas foi engraçado. Fla-Manchester não existiu. É apenas mais uma alucinação de vcs.

    Parece que vc não leu nada do que estamos discutindo sobre o TJD e sua falta de critérios.

    Meu Deus! Roberto Marinho, Walter Clark (quem mesmo???), Globo, Placar, Lance, Coca-Cola, Sadan, Bush, Osama, Xuxa… são todos flamenguistas e são os principais culpados por tudo.

    “o absurdo de Flamengo e Botafogo, os clubes que mais devem dinheiro à União, contarem com patrocínios estatais”. Outro que não sabe o quê está falando.

    Aí, Joe-joe, vc viu quantas vezes “Heróis de Uma Nação”? Nem eu vi ainda. Vc tb assina o “Jornal da Nação”? Esse é militante do arco-íris mesmo. Deve ser um dos diretores.

    A tal da matéria que vc classificou como “lixo” não tem nada demais. E ainda está na parte do FLAMENGO no site do Globo Esporte. Vcs ficam procurando coisas que não existem e perdem completamente o senso do ridículo.

    “O mal do mundo é a burrice”. Acho que tem coisa muito pior no mundo do que a burrice, mas mesmo se fosse, ainda não vi nada que valide sua afirmação de “a burrice denota duas cores – preto e vermelho”. Parece mais é inveja mesmo.

    Responda a este comentário

  26. Rafael
    7/04/08 - 18:19

    Fernando,

    Vc é um cara que já mostrou ser (pelo menos um pouco) inteligente.

    Então sugiro que leia de novo o que escrevi.

    Disse apenas que não pode-se afirmar coisas por suposições, e exatamente que isso (afirmar coisas por suposições) pode ser uma barbaridade, apenas para usar o mesmo adjetivo do Paulo.

    Depois continuo dizendo que, para contestar alguma coisa eu tenho que ver antes.

    Realmente eu adoraria ver e ouvir o Armando Nogueira dizendo que o Roberto Marinho usava sua influência para ajudar o Flamengo, coisas que eu duvido muito.

    Responda a este comentário

    Fabiano

    Olha, pra quem ainda nao viu os videos e vive dizendo que pra contestar alguma coisa precisa ver antes, vc contesta pra cacete!!! Tem argumentos pra td, ate para o que ainda nao viu!!Foi dito ai em cima que nao era o Roberto Marinhop, e sim o Walter Clark.Se vc nao sabe quem e, procura saber.

    Responda a este comentário

  27. paulo affonso
    7/04/08 - 19:16

    Alguém acessa o youtube e mostra pro Bender. Ele não gosta de procurar.

    Responda a este comentário

  28. Serginho Valente
    7/04/08 - 20:17

    Rafael só fala bobagem mesmo, e defende os caras que no mínimo roubaram o Flamengo, e mancharam a instituição que ele tanto venera.
    Em tempo, Eurico chutando os vascaínos feridos no campo de São Januário:

    Responda a este comentário

  29. paulo affonso
    7/04/08 - 21:04

    Outra coisa.
    Eu torci, comemorei e comemoro 95 sem nenhum constrangimento.
    E conheço pelo menos um corintiano que não comemorou 2005 e ainda nega aquela zona. O Juca.

    Responda a este comentário

  30. Victor
    7/04/08 - 23:39

    Bender, você está parecendo um PeTista, cara.

    Qualquer comentário dos outros é contra o Mengão!

    Porra! Você nem se deu ao trabalho de ver os 4 vídeos que Serginho postou e desancou a defender o Flamengo. Acho que esta é oficialmente e literalmente uma defesa cega de um torcedor apaixonado.

    Esse post não foi feito por paixão clubística de outros (na eterna tentativa de diminuir o Flamengo) e creio que você sabe disso. Esse post originou em uma discussão (já apagada como ocorre todas as sexta-feiras ou sábados de manhã) do Open-Bar, onde você mesmo ficava pedindo vídeos e repercussões dos casos das papeletas.

    Outrs coisa foda, é que volta e meia você rebate Serginho minimizando a importância dele ter visto uma conquista do clube dele in loco que você não viu do seu. Não creio que haja realmente uma regra para o assunto de como cada um trata do seu envolvimento com um título. Eu, inclusive, tenho orgulho de muitas conquistas de quando eu não era nem nascido como as Copas de 58 e 62, excursões vitoriosas do Máquina Tricolor pela Europa e títulos internacionais do Santos no Maracanã lotado (nesse caso, confesso que tenho inveja mesmo. Deve ser o ápice do “gosto” pelo futebol lotar o estádio para um time de outro estado para vê-lo ser Campeão do Mundo por este ser um assombro jogando futebol. Puta Que Pariu).

    Mas você briga com o cara, por uma questão subjetiva que é o fato de você não ter visto e mesmo assim não diminuir seu orgulho e consideração, e vem dizer que algo para ser fato você precisa ter visto.
    Você imperativamente afirma que o champagne e a caravela são fatos já que você viu. Por ignorar ou não ter visto minimiza as papeletas amarelas.

    Outra foi que Paulo Affonso citou a entrevista do Armando Nogueira, que aliás já tinha cido citada antes aqui no Blá blá Gol (eu já tinha a visto porque alguém recomendou por aqui em algum comentário) e você categoricamente desacreditou seu debatedor. Sem ver a entrevista onde Armando Nogueira explicitamente fala sobre como Roberto Marinho influenciava em seu veículo de comunicação em favor do Flamengo você teceu comentários que a conduta de Roberto Marinho seria suposição de Paulo Affonso.

    Nós somos privilegiados hoje em dia, por contar com a internet, youtube. Temos a possibilidade de embasar nossas argumentações, verificar a dos outros debatedores, aprender e pesquisar sobre um assunto, sem perder muito tempo. Hoje temos o privilégio de discutir futebol sem a necessidade de ficarmos como tios no churrasco, onde os “fatos” vinham da cabeça de cada um, de memória, sendo impossível de ser verificado. É uma pena realmente que não se utilize esses recursos para uma discussão, porém é uma lástima que se entre com opiniões fortes sem utilizá-las.

    Eu nem faço idéia de quem seja Walter Clark que foi citado por joe-joe, mas pelo comentário do cara, ele mostrou ao menos embasamento sobre o que está falando. Quem gosta de entender um pouco do futebol, o comentário do cara foi bem legal, e bem proveitoso.

    Com radicalismo também fica complicado manter o diálogo. Ninguém diz ou insinua que as papeletas explica que um time de Junior, Leandro, Zico, Adilio, etc não fosse um timaço. É forçar de mais a barra no chororô colocar essas posições do tipo: “pra vocês o Flamengo só ganhou porque roubou…”.
    Levantar a questão das papeletas está longe disso. A questão das papeletas só levanta a questão que o timaço do Flamengo levava ajuda extra-campo.

    ****

    Como não sei se você falou de mim ou do Fluminense em geral, fico sem saber o que responder sobre a questão de “comemorou o retorno à 1ª divisão”

    Se foi de mim, eu não sei de onde você tirou isso.

    Responda a este comentário

  31. joe-joe
    7/04/08 - 23:40

    Dívida com os dos principais clubes do Brasil (INSS, FGTS, PIS, entre outros tributos):
    1º Flamengo – R$180 milhões
    2º Botafogo – R$160 milhões
    3º Fluminense – R$155 milhões
    7º Vasco – R$70 milhões

    Fonte: Timemania pode virar armadilha para os clubes.

    É claro, trata-se de um complô de jornalistas e tributaristas “invejosos”.

    A legislação aliás, é clara quanto a vedação de patrocínio oficial a clubes devedores. Os legisladores têm inveja do Flamengo. Ainda que eu faça críticas ao Botafogo…

    Esperto é o Rafael. Que escreve e não embasa.

    A chamada para a matéria estava na capa do GloboEsporte.com, manchetado: “Fla tem início igual a do atual campeão”. Isso, meu caro, não é papel de jornalista, é papel de quem escreve jogando pra galera…

    Link da imagem da chamada de capa.
    Imagem de Capa

    Rafael, o esperto, não sabe que o GloboEsporte.com não é uma veículo segmentado para uma torcida apenas. Mas para quem procura informações sobre futebol.

    Se você finge não saber quem é Walter Clark (quemmm? é muita cara de pau ou desconhecimento sobre a história do próprio time – não me admira que não tenha visto o documentário), não sou eu que vou explicar.

    Agora, dizer que a Fla-Manchester não existiu… Hahahaa. Ta certo, é lenda, como o saci (e um insucesso retumbante de público e crítica!!!)

    Isso porque eu nem me dei o trabalho de citar todos os erros de arbitragem pró-Flamengo nos dourados anos 80….

    Responda a este comentário

  32. joe-joe
    7/04/08 - 23:54

    Ops, final do Brasileiro de 1982 contra o Grêmio, Adílio dá uma verdadeira cortadada de vôlei para tirar a bola (que já estava dentro do gol). O juiz nada deu.

    O erro foi apontado pela Revista Mundo Estranho (a mesma que apontou o Flamengo como a maior torcida do mundo) como o 8º maior erro de arbitragem de todos os tempos.

    Pior é ouvir Luís Roberto, da Globo, dizer que Raul tirou heroicamente a bola, ainda caído no chão…

    http://www.youtube.com/watch?v=DDlT59MV

    Engraçado, tem gente que parece o ex-ministro Rubens Ricupero, aquele do “O que é bom, a gente fatura; o que é ruim, a gente esconde”

    Responda a este comentário

  33. Rafael
    8/04/08 - 10:46

    Putz… essa imprensa flamenguista é foda mesmo. Manipula tudo.

    Aliás, todos os juízes e procuradores do Brasil são Flamengo. Aí fica difícil.

    Na verdade, o Mundo é Flamengo! Vcs não sabiam disso?

    ****

    Mais tarde respondo aos fanfarrões.

    Responda a este comentário

  34. paulo affonso
    8/04/08 - 12:17

    Por essa singela resposta já dá pra ver que vc não tem 1)apego a verdade, 2)noção de realidade, 3)disposição para o debate, 4)um mínimo de razoabilidade.
    Voce como todos os fanáticos (ou seria melhor dizer “despreocupados com o bom senso”) não merece minha atenção neste fórum.

    Responda a este comentário

    Alexandre Villanova

    Não sei porque cargas d´água vocês tentam manter uma conversa séria com estes flamenguistas. Os caras não aceitam os fatos, são deboxados, prepotentes e sem noção. Tudo bem que futebol é paixão, mas eles estrapolam o limite da racionalidade.
    Vamos explicar pra eles:
    NINGUÉM AQUI ESTÀ DEFENDENDO TRAMBIQUEIRO OU TRAMBIQUES (VIRADA DE MESAS, MANIPULAÇÃO DE JOGOS, ETC).
    NINGUÉM AQUI TÁ DIZENDO QUE SEU CLUBE É SANTO.
    NINGUÉM AQUI TÁ DIZENDO QUE O FLAMENGO É SÓ ARMAÇÃO.
    ESTÃO AQUI SÓ PRA DESFAZER A IMAGEM MARQUETEIRA DE QUE O FLAMENGO “NUNCA FEZ NADA”.
    DEu pra entender ou querem que façamos um desenho pra facilitar mais ainda?
    Abçs a todos.

    Responda a este comentário

  35. Rafael
    8/04/08 - 15:27

    HauhUAHuauha… começamos bem, Eu Petista! HUAhuAHUHAUhau…

    Quanto ao “qq comentário dos outros é contra o Flamengo”, não é bem assim. Ficaria mais correto assim, qq comentário dos outros tenta diminuir qq conquista do Flamengo.

    Ainda não vi os vídeos, é verdade.

    Mas a atitude digna de pena de vcs anti-flamenguistas (conheço até alguns que falam isso com orgulho), é realmente lamentável.

    Quando eu digo qq coisa é: “prova, vc não prova o que diz, fica acusando e blablabla…”. Já quando eu peço as provas e não apenas vídeos de reportagens eu sou fanático.

    Fiz uma coisa que geralmente não faço, pois não tenho tempo nem saco. Fui no Google e digitei “papeletas amarelas”, e só encontrei sites netvasco, fórum do vascão, blog do vasco, seca-fla, e similares do arco-íris. Pergunta se eu entrei em algum… não dá pra perder meu precioso tempo. Façam o teste. Áh, vcs já devem conhecer esses sites.

    ****

    Sim Victor, eu pedi vídeos ou gravações ou documentos ou flagras ou escutas. Mesmo sem ainda ter visto os que Serginho colocou, já posso perceber que eles nada provam.

    Tb ainda não vi nada a respeito do “chutar vascaínos feridos no campo de São Januário” com o link aqui, mas já imagino o que seja.

    Ficaria mesmo espantado se Serginho “linkasse” vídeos:

    . Papelão de/da Caravela;
    . Invadir o campo e parar o jogo qdo o vasco está levando sufoco;
    . Roubar a taça e proclamar-se campeão;
    . “A federação é minha!”

    ****

    Eu não minimizo nada. Só acho que “de maneira nenhuma diminui as conquistas de qualquer time, em qualquer tempo.” Só um panaca não atribuiria importância aos títulos passados, mesmo sem ter visto.

    Acho que aí vc se embolou, misturou bizarrices de caravela e champagne, com supostos roubos. As bizarrices aconteceram, não é preciso provar nada. As papeletas são acusações, e continuarão sendo até que se prove ao contrário (como foi o caso Edilson), como gosta sempre de esbravejar Serginho defendendo a Mansão em Angra.

    ****

    De novo se confundiu. Eu não desacreditei ninguém, até disse que gostaria de ver o vídeo com a entrevista do Armando Nogueira. Já percebi que o Paulo linkou aqui. Depois vejo e comento. Mas já adianto que se Armando Nogueira fala ao léu, sem provar o que diz (nem que seja com apontamentos de simples atitudes do R. Marinho mostrando sua influência a favor do Flamengo), o grande Armando Nogueira perderá pontos no meu conceito.

    ****

    Sim, é muito bom ter internet. Mas é preciso saber usá-la. É preciso ter senso crítico e bom senso. Argumentar, discordar, fazem parte.

    Eu continuo sem saber quem é Walter Clark (não vou ao google por isso nunca), e se vc achou o comentário do joe-joe proveitoso azar o seu. O mais novo membro do arco-íris aqui do blablagol apenas disse tudo o que vcs já disseram, as mesmas coisas. E ainda colocou um link num chororô sem sentido nenhum. E pior, ainda insiste no chororô da matéria do Globo Esporte numa imagem que parece montagem dele no paint.

    Pra mim foi que nem o Anderson Paiva, apenas engraçado. Aliás, os comentários do Anderson Paiva são muito melhores. Aliás II, cadê ele?

    ****

    Cara, não há radicalismo em nenhum lugar. (A)onde vc achou que eu fui radical? (calma, isso é só uma pergunta, não uma ameaça).

    Não estou forçando nenhuma barra, quem lê os absurdos que alguns escrevem aqui ficam com a impressão de que tudo que o Flamengo ganhou foi roubado.

    ****

    Em tempo, na minha opinião se a diretoria do Flamengo bolou algum esquema para favorecer o time, esses devem ser presos.

    E na boa, armar todo um esquema e corromper pessoas para ganhar um jogo de um estadualzinho? Visto que o time era Tri-Campeão Brasileiro, Campeão da Libertadores e Mundial… E ainda mais com aquele time. É muita imbecilidade.

    Preste muito bem atenção em quem é fanático aqui (“fanático”, na classificação do Paulo Afonso).

    Responda a este comentário

    Alexandre Villanova

    Sua internet é bem seletiva… eu achei vários. Acho que é isso: flamenguista tem memória seletiva!

    Responda a este comentário

  36. Serginho Valente
    8/04/08 - 16:57

    Rafael é engraçadíssimo mesmo…

    “”Quando eu digo qq coisa é: “prova, vc não prova o que diz, fica acusando e blablabla…”. Já quando eu peço as provas e não apenas vídeos de reportagens eu sou fanático.”

    Bom, então é pra dizer o que acha, sem o menor embasamento, ou comprometimento com a realidade? O que você diz não precisa de provas, só o que os outros dizem? Huahauhauhahua…

    “Fiz uma coisa que geralmente não faço, pois não tenho tempo nem saco. Fui no Google e digitei “papeletas amarelas”, e só encontrei sites netvasco, fórum do vascão, blog do vasco, seca-fla, e similares do arco-íris.”

    Alguém citou esses sites como argumento ou referância? O Globo Esporte e transmissões globais foram as únicas fontes deste post. Talvez pudéssemos citar o monumental Bolg do Torcedor pra ter alguma credibilidade.

    ####

    - Nunca neguei a caravela de papelão, e sempre a condenei, o título é do Botafogo e não há nenhuma discussão, ou controvérsia sobre isso.

    Ao contrário de você que finge que a taça de isopor de bolinhas não existiu, que a Fla-Manchester não existiu e que as papeletas não existiram, apesar de todo mundo ter visto. Você nega a existência de qualquer coisa que não te agrade, assim como um PeTista, ou um devoto fanático.

    Quanto a: invadir o campo e parar o jogo qdo o vasco está levando sufoco; ou roubar a taça e proclamar-se campeão; ou a federação é minha.

    São alegações suas, quem teria que linkar alguma coisa é você. Mas se você me perguntar se eu concordo com esse tipo de comportamento, adianto que não, quem fez isso deveria ser punido exemplarmente.

    Agora, qual foi o resultado prático dessas coisas? Qual título ou favorecimento o Vasco conseguiu com isso? Você nunca responde essas simples perguntas.

    ####

    Cara, não gosto de ter que ficar defendendo o Eurico. Mas o cara declara a mansão em Angra, em Miami, foi amplamente investigado pela receita federal e nunca foi condenado.

    Apesar disso, a maioria absoluta da torcida do Vasco (eu inclusive) o quer fora do Vasco, e o critica duramente.

    Já na presidência do Flamengo, está um sujeito condenado por peculato (eu embaso minhas alegações, bem diferente de você), que fazia parte da diretoria que montou o esquema das papeletas, e eu não vejo nenhuma crítica da torcida do Flamengo.

    Responda a este comentário

  37. Rafael
    8/04/08 - 17:46

    Eu sou engraçado? Vc não entendeu nada e eu sou engraçado…

    Vamos repetir então.

    Quando eu digo alguma coisa, vc é o primeiro a gritar: “Prova!”. Tudo bem, às vezes eu tenho acesso às reportagens sérias, mas normalmente não. E quando eu quero que vc prove alguma coisa que falou, coloca vídeos (igualmente de reportagens) e diz que eu sou fanático, cego… apenas por querer o mesmo que vc.

    Vcs agora só falam de “embasamento, ou comprometimento com a realidade”, coisas que eu sempre disse aqui. Nada de original. E falar sem base e sem fundamento é normal do arco-íris.

    Para se ter uma idéia, a realidade da reportagem que vc linkou é que o Flamengo é o campeão brasileiro de 1987. Vc concorda com isso?

    ****

    Ninguém citou esses sites como referência, nem eu. Foi só pra mostrar como é perder tempo na internet. Blog do torcedor é opinião (pelo menos o do Flamengo com embasamento), e nunca disse que era referência.

    ****

    Sabe ler não? Ou ficou cego de vez… A taça de isopor existiu. O que eu digo que não existiu foi a tal volta olímpica. Não consigo chamar uma andada de 20 metros de 1 único jogador de volta olímpica. É apenas mais uma tentativa sua de igualar o ridículo da caravela com o time todo e a torcida gritando é campeão.

    Fla-Madrid existiu, a Fla-Manchester não.
    As papeletas são acusações. Essas (as acusações) existiram sim. As papeletas? Não sei.

    ****

    “São alegações suas, quem teria que linkar alguma coisa é você.”

    HUAHUHuHUAHuAHUHAUAHUAHuahuhUAHuh…….. vai roubar taça vai.

    “Agora, qual foi o resultado prático dessas coisas? Qual título ou favorecimento o Vasco conseguiu com isso? Você nunca responde essas simples perguntas.”

    Com a catástrofe em S. Januário o Vasco deveria perder os pontos da partida e, consequentemente, o campeonato. O resultado prático disso foi uma nova partida marcada (não prevista no regulamento) e o Vasco conseguiu o título da Copa João Havelange.

    ****

    Então quer dizer que os opositores do Marcio Braga sempre lembram de sei lá o que? Foda-se Marcio Braga, Eurico e seus opositores, os sujos falando do mal lavado.

    Responda a este comentário

  38. Serginho Valente
    8/04/08 - 18:20

    “Tudo bem, às vezes eu tenho acesso às reportagens sérias”

    Não me lembro de algum dia tê-las usado.

    “E falar sem base e sem fundamento é normal do arco-íris.”

    Duvido você citar qualquer coisa que eu tenha dito sem fundamento.

    “Para se ter uma idéia, a realidade da reportagem que vc linkou é que o Flamengo é o campeão brasileiro de 1987. Vc concorda com isso?”

    Não. Apenas a utilizei pra enfatizar mais ainda o presidente mau-caráter do Flamengo.

    “Ninguém citou esses sites como referência, nem eu. Foi só pra mostrar como é perder tempo na internet. Blog do torcedor é opinião (pelo menos o do Flamengo com embasamento), e nunca disse que era referência.”

    Sem comentários.

    “Não consigo chamar uma andada de 20 metros de 1 único jogador de volta olímpica.”

    Isso é uma opinião pessoal sua. Muita gente consegue. E a torcida do Flamengo em peso gritava “pentacampeão” durante o ocorrido. Isso é um fato, e na minha opinião foi tão ridículo quanto a cena do Vasco sim.

    A Fla-Manchester existiu e espalhou outdoors pela cidade do Rio. As papeletas existiram, se você puder ver os vídeos, vai ver que ninguém nega isso, nem a diretoria do Flamengo, nem os sócios do Flamengo, apenas mudam suas justificativas. Mas lógico, você nunca vai ver isso, cego que é.

    “O Vasco deveria perder os pontos da partida e, consequentemente, o campeonato.”

    Falando sem basamento nenhum, como sempre.

    Regulamento da Copa João Havelange, Cap. VIII, art. 27, §3º, alínea “c”

    Art. 27 – O árbitro é a única autoridade competente para decidir sobre o adiamento, a partir de duas (2) horas antes do horário fixado para o seu início, incumbindo-lhe, ainda, decidir no campo a respeito da interrupção ou suspensão de uma partida, fazendo chegar à Comissão Executiva, com a urgência possível, um minucioso e detalhado relatório dos fatos.

    § 3º – Quando a partida for suspensa em razão de qualquer dos motivos elencados no parágrafo 1º deste artigo, adotar-se-á o seguinte procedimento:

    c) se a partida for suspensa por razões não imputáveis a qualquer das associações, será jogada integralmente no dia seguinte, salvo se já tiver ultrapassado dos trinta (30) minutos de jogo do segundo tempo, quando prevalecerá o resultado do placard, no momento da suspensão.

    “Foda-se Marcio Braga, Eurico e seus opositores, os sujos falando do mal lavado.”

    Você é quem sempre fala do Eurico, sempre.

    Responda a este comentário

  39. Rafael
    8/04/08 - 18:48

    “Não me lembro de algum dia tê-las usado.”

    Vc é cego mesmo. O que eu mais faço aqui é usar o jornal O Globo como referência.

    “Duvido você citar qualquer coisa que eu tenha dito sem fundamento.”

    Vive se utilizando de estatísticas tiradas da sua cabeça, além de falar um monte de besteira sem conhecimento de causa, como em relação à Estatais e os títulos do Flamengo.

    Pois é, a sua realidade é relativa, os fatos não.

    “E a torcida do Flamengo em peso gritava “pentacampeão” durante o ocorrido”

    Tá aí, mais um exemplo de uma aberração sua sem fundamento. Distorce os fatos por paixão clubística. Mais uma inverdade que vc disse sem nenhum conhecimento.

    A tal taça foi jogada no chão. E a torcida do Flamengo gritou pentacampeão com a taça entregue pelo Estado do RJ em reconhecimento aos 5 títulos do Flamengo.

    ****

    Vou ver os vídeos sim. Se culpados deveriam ser presos. Eu não fico acobertando mansão em Angra comprada com salário de 1 mandato.

    ****

    “Falando sem basamento nenhum, como sempre.”

    HUAhuHAUHuAUHAuAUhau…

    E agora, a sua antiga Wikipedia X o seu atual Sponet.

    Sensacional.

    Vai lá em jogo inacabado e leia.

    “Segundo o regulamento da competição, se a torcida de um time fosse responsável pela interrupção de uma partida, o time seria punido com a perda do jogo, indo os pontos para a equipe adversária, o que faria do São Caetano campeão da Copa João Havelange. No entanto, após pressão dos dirigentes e da imprensa, foi realizada uma reunião entre representantes dos clubes envolvidos, das federações estaduais (SP e RJ) e do Clube dos 13, que terminou com a marcação de uma nova partida, para o dia 18 de Janeiro de 2001.”

    Antes vc falava que era “somente se a instituição interrompesse o jogo por vontade própria” ou algo parecido. Agora mudou. Escolhe logo o que vc acha. Ficar mudando de opinião toda hora é brabo.

    Responda a este comentário

  40. Rafael
    8/04/08 - 18:58

    Ainda, seu mais novo dono da verdade, o incrível sponet diz que:

    “se a partida for suspensa por razões não imputáveis a qualquer das associações, será jogada integralmente no dia seguinte…”

    A partida foi suspensa por razões imputáveis AO Vasco. E mais, foi jogada no ANO seguinte e não no dia seguinte.

    Nem as suas mentiras vc lê mané?

    Responda a este comentário

  41. Fernando
    8/04/08 - 19:21

    Rafael, você diz q não fica acobertando as falcatruas do seu clube, ao contrário dos vascaínos (ou do Serginho, não entendi bem) que acobertam mansões em Angra. Não vi nenhum vascaíno aqui acobertando mansão do Eurico até hoje. Pode até ter acontecido, mas eu não vi. De minha parte, sei do óbvio enriquecimento ilícito de Eurico, assim como o de Sérgio Cabral (também com mansão em Angra), Garotinho, entre milhões de outros q não precisam provar pra eu ter certeza de q são corruptos.

    Mas sobre a parte de vc não acobertar as falcatruas do seu clube… Permita-me discordar… antes mesmo de ver os videos, você já comentava:

    Depois vejo e comento o chororô retrô vascaíno, que nunca vi sair em nenhuma mídia séria. Tá bem, tá bem… “o caso foi abafado”.

    Se é chororô vascaíno… se Globo Esporte não é mídia séria… Se você ironiza q o caso foi abafado pela invenção dos anti-flamenguistas, a chamada fla-press… e não se dá nem o trabalho de procurar saber do assunto… só mostra sua cegueira, fanatismo por seu clube, e sua eterna posição na defensiva… Não se pode falar nada sobre o Flamengo q vc já o defende com unhas e dentes e depois distorce o q vc mesmo falou.

    Como sempre, fica difícil o debate… e olha q eu só citei um comentário seu nesse post, pois em vários outros comentários vc dá a entender q não existiram papeletas…
    como em vários outros posts vc acha q não existe corrupção de arbitragem (a menos q se prove).
    Se alguém viesse aqui argumentar sobre o caso do Edílson Pereira e ele não tivesse sido condenado, vc rechaçaria esse alguém. Não há lugar pra discussão com vc, cara, infelizmente.

    Responda a este comentário

  42. Serginho Valente
    8/04/08 - 19:29

    Você é completamente ignorante, como a maioria da população, em relação a leis e regulamentos. Você demonstra isso sempre que tenta formular qualquer teoria nessa área, seria muito melhor pra você assumir que não entende do que ficar escrevendo asneiras.

    Tanto o Sponet (que apenas transcreveu o regulamento, não formulou opiniões), quanto a Wikipédia falam da mesma coisa. Porém na Wikipédia consta uma interpretação equivocada, que certamente será editada no futuro.

    “Segundo o regulamento da competição, se a torcida de um time fosse responsável pela interrupção de uma partida”

    “A partida foi suspensa por razões imputáveis AO Vasco.”

    Um acidente é um exemplo de razão não imputável a qualquer das associações.

    O que aconteceu foi um acidente, como o protagonizado pela torcida do Flamengo no Maracanã em 92. Não houve intenção do Vasco, muito menos de sua torcida, em interromper a partida.

    A torcida seria responsável, por exemplo, se invadisse o campo deliberadamente e impedisse a realização da partida.

    O Vasco seria responsável, por exemplo, se não entrasse em campo pra jogar, como o Flamengo fez em 87.

    Inclusive, o responsável pela interrupção da partida foi o próprio Governador do Estado, que corretamente tomou essa decisão. Já que o árbitro daria prosseguimento ao jogo. Logo, não há como imputar responsabilidade ao Vasco.

    Se a partida foi jogada somente no ano seguinte, a culpa também não é do Vasco.

    Por fim, o título foi decidido dentro de campo (Vasco 3x 1) como tem que ser decidido. Ou você não concorda com isso?

    Responda a este comentário

  43. Victor
    8/04/08 - 19:37

    Eu nunca vou de ônibus para o Maracanã.

    Responda a este comentário

  44. Serginho Valente
    8/04/08 - 19:42

    Fernando, sobre a mansão do Eurico minhas ponderações são as seguintes:

    -Não há contra o Eurico sequer uma acusação, ou indício, de que ele tenha roubado dinheiro público.

    -Pelo que sei, essa mansão é anterior ao mandato de deputado do Eurico, que também veio de uma família rica, e declara o tal imóvel sempre no imposto de renda. Acho que se algo de errado houvesse, a receita federal deveria tomar providências.

    -Há sim acusações e indícios de que ele roubou o dinheiro do Vasco. O que é um problema dos sócios do Vasco, que deveriam tomar as atitudes necessárias.

    Isso em momento algum, me faz achar o Eurico um santo, ou mesmo alguém honesto, ou ainda que ele seja bom pro Vasco. Mas gosto de tentar ser justo com as pessoas.

    O Rafael não para de falar dos problemas do Eurico, numa obsessão quase homossexual, e não olha pro presidente do clube dele, que comprovadamente desviou recursos públicos, ou seja, não é um milímetro melhor do que o Eurico em nada.

    Responda a este comentário

  45. Victor
    8/04/08 - 20:09

    Na Gávea só tem gente fina

    Na Gávea só tem gente fina.

    Responda a este comentário

  46. Rafael
    9/04/08 - 10:43

    Fernando,

    Completamente equivocada a sua interpretação daquele meu comentário. Realmente nunca vi sair nada de papeletas nas mídias que considero sérias. Mas vou ver os vídeos. O “o caso foi abafado” se vc não percebeu está entre aspas, pois é o que eu escuto por aí de vcs.

    Vc parece que vc é mais um cego, dizendo que eu que sou, pois deixei claro aqui que me interessei e fui ao google procurar sobre o assunto e só achei na netvasco, aí sim, nem entro, perder mais tempo ainda é demais.

    O caso Edilson foi provado e comprovado.

    “Não há lugar pra discussão com vc, cara, infelizmente”.

    Responda a este comentário

  47. Rafael
    9/04/08 - 11:11

    “Você é completamente ignorante, como a maioria da população, em relação a leis e regulamentos. Você demonstra isso sempre que tenta formular qualquer teoria nessa área, seria muito melhor pra você assumir que não entende do que ficar escrevendo asneiras.”

    HUahuAHUa… Eu sou burrão e Serginho é o inteligente!

    Sou ignorante quando comparado à um especialista, juiz, procurador, advogado ou qq outro desses. No resto, estamos iguais na ignorância, tanto eu, quanto vc.

    A diferença é que eu reconheço isso, mas vc… sabe tudo!

    Eu nunca tento formular nenhuma teoria. Aliás, vc nem deve saber o quê é uma teoria.

    Eu assumo que não entendo completamente de todas as leis, mas como cidadão, tenho pleno conhecimento das leis que todo leigo deve ter.

    Então depois a Wikipédia vai mudar de opinião? Como a FIFA, CBF… fazem de acordo com seus interesses. É provável.

    ****

    Imputar pelo Aurélio.

    [Do lat. imp. imputare.]
    V. t. d. e i.
    1. Atribuir (a alguém) a responsabilidade de; assacar: 2 &
    2. Atribuir, conferir, dar: &
    V. transobj.
    3. Caracterizar ou qualificar: 2
    4. P. us. Qualificar de erro ou crime.

    Como pode-se perceber “imputável” não é nenhum palavrão. É apenas atribuir a responsabilidade de algum fato ocorrido a alguém.

    Se foi burrice, falta de organização ou incompetência eu não sei, mas que foi o Vasco responsável pelo ocorrido foi sim.

    Antes disso aconteceu algo de proporções bem menores no jogo da Ponte Preta, e a mesma perdeu os pontos daquela partida.

    A partida foi interrompida pelo Vasco. Eurico, conhecedor do regulamento, desesperado dentro de campo querendo tirar de qq jeito os vascaínos ali feridos, é a prova disso.

    “Se a partida foi jogada somente no ano seguinte, a culpa também não é do Vasco”.

    Nunca é. Nunca foi. E nunca será. Esse é o pensamento que traduz bem o Serginho.

    “o responsável pela interrupção da partida foi o próprio Governador do Estado”

    Mais uma pérola pra sua coleção. HUhuHAUHuahUAHuuh… imagina o gordinho rolando pelo alambrado e caindo no chão sendo pisoteado…

    A determinação de que a partida não continuasse foi talvez o único ato de bom senso do Garotinho no Governo do Estado.

    Responda a este comentário

  48. Fernando
    9/04/08 - 13:06

    “O caso foi abafado” realmente estava entre aspas, justamente como eu disse: você ironizou a suposta posição dos anti-flamenguistas. É chato ter q escrever as coisas duas vezes.
    É óbvio q é um comentário na defensiva. Principalmente quando solta um comentário desses sem se informar antes. Se vc nunca viu nada sobre as papeletas, mostra q vc está mal informado e não q ela nunca existiu.
    Pra vc, quando algo é contra o Flamengo, precisa ser provado. E quando é mansão de Eurico não??
    Aliás, como pretexto pra defender o Flamengo, tudo tem q ser provado em sua opinião. Não pode nem haver discussão sobre o assunto.
    Por isso q eu disse q caso “alguém viesse aqui argumentar sobre o caso do Edílson Pereira e ele não tivesse sido condenado, vc rechaçaria…”
    Eu obviamente sei q foi provado. E fiz uma suposição caso não fosse, de como vc agiria. Sua resposta foi: “foi provado e comprovado”.

    Realmente, não tem discussão.

    Responda a este comentário

  49. Serginho Valente
    9/04/08 - 13:08

    Ignorância nada tem haver com inteligência, mas eu concordo, você é burrão mesmo.

    Tudo que você escreveu só corroborou o que havia escrito antes. Você está falando sobre algo que não entende absolutamente nada.

    Responda a este comentário

  50. Serginho Valente
    9/04/08 - 13:13

    Detalhe, você não respondeu…

    Por fim, o título foi decidido dentro de campo (Vasco 3x 1) como tem que ser decidido. Ou você não concorda com isso?

    Responda a este comentário

  51. Rafael
    9/04/08 - 13:24

    Fernando,

    Eu tinha dúvidas, mas seus comentários me esclareceram que vc é apenas mais um fanfarrão que se acha o correto em tudo. Igual ao Serginho.

    Mas eu concordo com vc. “É chato (e pra caralho) ter q escrever as coisas duas vezes.”

    Quanto ao “O caso foi abafado” eu não preciso me informar antes, pois já escutei isso um monte de vezes.

    O problema é esse. Tudo o que eu vi, ouvi, ou li sobre as papeletas foram de vascaínos doentes como vc e Serginho. Ou seja, sem muita importância na minha opinião.

    As suas suposições sobre o quê eu viria a dizer se, se, se… eu dispenso.

    Responda a este comentário

  52. Serginho Valente
    9/04/08 - 13:27

    Huahauahauaha…Rafael vai ter uma surpresa quando ver os vídeos…ah…ele não vai ver. E se ver não vai entender…

    Responda a este comentário

  53. Rafael
    9/04/08 - 13:28

    Pois é Serginho, fica sem argumentos dá nisso mesmo.

    Tudo que eu escrevi só corroborou que eu entendo apenas o suficiente pra te mostrar que vc é tão ignorante quanto eu. Só que, repetindo, vc se acha o inteligente!

    Responda a este comentário

  54. Rafael
    9/04/08 - 13:35

    Cara, na tentativa de desviar-se, vc já fez essa pergunta em outro post, mas de outra forma. Foi mais ou menos assim:

    “Vc acharia justo dar o título para o São Caetano sem um novo jogo?”

    E eu respondi mais ou menos assim:

    “Justo? Agora quando é a favor do Vasco o bom senso prevalece pra vc?”

    Apenas quis mostrar suas contradições. Quando o assunto é pró-Vasco suas opiniões sempre mudam a favor do seu time.

    Responda a este comentário

  55. Serginho Valente
    9/04/08 - 13:54

    Os argumentos estão todos lá, muito bem explicados. Mas nem precisava, você mesmo assume que quem interrompeu o jogo foi o Governador e não o Vasco.

    Pra mim, futebol tem que se decidir no campo. Nunca tive opinião diferente desta.

    Pelo jeito, você pensa diferente, já que gostaria que o Flamengo fosse campeão sem enfrentar o Sport e que o São Caetano ganhasse sem enfrentar o Vasco.

    Responda a este comentário

  56. Victor
    9/04/08 - 14:13

    Moderação:

    1) É plausível que não se encontre em evidência pesquisas sobre as papeletas amarelas nas mídias tradicionais (Globo Esporte, Folha, JB, Lance, Globo, Estadão, Zero Hora…) ao fazer uma pesquisa no Google.
    As papeletas amarelas são muito anteriores à internet (pelo menos à internet como conhecemos hoje).
    Vendo que é aceitável que pela nossa idade, tomamos maior conhecimento dos noticiários à partir dos anos 90, aceita-se que pouco tenhamos visto sobre papeletas amarelas. Ao contrário de Paulo Affonso, não vivenciamos essa época.
    O que não foi o caso da Caravela ou do Champagne.
    Imagino que a sensação que temos sobre as papeletas ou da era em que o Fluminense era o rei do Tribunal, pode ser a mesma que alguém que começou a acompanhar futebol em 2000 tenha da Caravela e da Champagne. Isto não passa no noticiário. Quando passa, chama nossa atneção porque vivemos tais assuntos.

    2) A Wikipédia é feita pelos usuários em geral. Claro que é uma excelente fonte de consulta para se interar sobre um assunto. Mas há de diferenciar-se que na wikipedia não há responsabilidade, tanto que profissionalmente é temerário utilizá-la como referência.
    Interpretações na wikipédia em muitas vezes refletem o senso-comum, não necessariamente deve-se concordar ou aceitar.
    No caso de uma entidade, a interpretação é a oficial (que não necessariamente corresponde à verdade, mas é a oficial). Se a base de argumentação é o que vale oficialmente, deve-se ficar com a interpretação oficial, por mais que não se concorde com ela.
    Uma mudança no texto da wikipédia pode representar várias coisas como: vandalismo, mudança de quem modera, cópia de uma mudança feita pela entidade oficial. A mudança da entidade oficial, passa por uma decisão que carrega responsabilidade.

    3) Essa é direta para o Rafael. Eu acho que seria de bom tom que você ao menos visse os vídeos para continuar com a discussão.

    Responda a este comentário

  57. Rafael
    9/04/08 - 14:15

    Eu mesmo assumi o quê?

    Cara, vc é burro demais mesmo, não dá pra discutir.

    Foi o Garotinho que pulou ou caiu em S. Januário? Ele apenas teve a atitude sensata de que não tinha condições de se continuar aquele jogo e, com o poder que tinha, determinou isso. Aumentando assim o desespero do Eurico, que teve que recorrer à fatores extra-campo para assegurar o uma nova partida.

    Responda a este comentário

  58. Fernando
    9/04/08 - 15:05

    Ainda bem q tem os videos aí pra não deixar ninguém mentir. Se o globo esporte é feito pro vascaínos doentes como Serginho e eu, é novidade para mim.

    Responda a este comentário

  59. Serginho Valente
    9/04/08 - 16:13

    Se o Garotinho não ordena a suspensão da partida, o jogo continuaria.
    Então o Vasco deve ser punido porque o Garotinho suspendeu a partida.´
    Realmente, você é muito sábio.

    “Aumentando assim o desespero do Eurico, que teve que recorrer à fatores extra-campo para assegurar o uma nova partida.”

    Quais fatores foram esses?

    Responda a este comentário

  60. Rafael
    9/04/08 - 16:49

    “Se o Garotinho não ordena a suspensão da partida, o jogo continuaria.”

    Continuar um jogo (interrompido no meio pela irresponsabilidade do seu mandante em superlotar o estádio) com centenas de pessoas feridas ocupando boa parte do gramado, confusão instaurada, sem alambrado separando a arquibancada do campo, com a defesa civil e corpo de bombeiros dizendo que não há condições… Acha mesmo isso ???

    Vc está igual ao Eurico. Sua paixão pelo seu time está acima dos princípios morais, da ética, saúde e sanidade.

    Parei.

    Responda a este comentário

  61. Serginho Valente
    9/04/08 - 17:23

    O que eu acho já foi dito, e não mudou. Pra mim, o jogo não deveria continuar. Mas iria, o árbitro continuaria, depois dá uma lida no regulamento sobre isso antes de continuar com as asneiras.

    “interrompido no meio pela irresponsabilidade do seu mandante em superlotar o estádio” – opinião sua, sem nenhuma base na realidade. Havia superlotação naquele setor, o que é normal em todos os estádios do Brasil. E o jogo não foi interrompido pela superlotação, e sim pelo acidente.

    “com centenas de pessoas feridas ocupando boa parte do gramado” – mentira, os feridos já haviam sido removidos.

    “com a defesa civil e corpo de bombeiros dizendo que não há condições…” – mentira, como o vídeo abaixo comprova. Nele você vai ficar até satisfeito, já que é mostrado o roubo da taça.

    Aliás, interessante a edição da Globo, e a transmissão ao vivo do acontecimento.

    Responda a este comentário

  62. Rafael
    9/04/08 - 18:12

    Putz… o fato do estádio estar superlotado é opinião minha.

    Agora q vc falou eu entendi! Pra vc, o jogo não deveria continuar, então vc precisa justificar o título com suas várias interpretações de regulamentos. Perfeito.

    “E o jogo não foi interrompido pela superlotação, e sim pelo acidente.” Casual. Acidente casual. O Vasco não tem nada a ver com isso. HUAHuhUAHUAHu…

    Blz. Tudo que eu falo é mentira ou opinião. Depois eu vejo os vídeos com a culpa da Globo pelo acidente.

    Responda a este comentário

  63. paulo affonso
    9/04/08 - 19:34

    Eu sinceramente não sei como vcs perdem tanto tempo com este “desqualificado pro debate”.
    Ele explicitamente está tergiversando para fugir ao tema principal.
    É imaturo, fanático, despreparado para qualquer discussão onde a lógica seja a base do argumento.
    Eu às vezes atendo pacientes assim. Geralmente há problema psiquiátrico envolvido e peço a avaliação. Pode ser que exista dor severa impedindo a cognição, aí prescrevo um antiálgico parenteral. Uma vez tive um paciente assim que tinha reação à medicamentos fazendo um distúrbio mental.
    Em resumo, é como discutir com um menino de uns 6 anos. Não há diálogo.

    Responda a este comentário

  64. paulo affonso
    9/04/08 - 19:51

    Ou então tá de sacanagem…

    Responda a este comentário

  65. Maria Compostella
    9/04/08 - 20:04

    Nossa, como eh burro esse Rafael.

    Responda a este comentário

  66. Victor
    9/04/08 - 20:14

    Troll

    Responda a este comentário

  67. Serginho Valente
    9/04/08 - 21:52

    Hauhauhauhauhauhauhauha….

    Responda a este comentário

  68. Rafael
    10/04/08 - 10:36

    HUAhuHAUHAHuAuaU….

    Muito bom Paulo! É melhor ler os seus comentários no blablagol que ver uma comédia. Realmente é difícil dialogar com quem tem distúrbio mental.

    ****

    Maria,

    Sou burro e jumento.

    ****

    Pois é Serginho. Rir… apenas isso sobrou pra vc, devido sua incoerência infinita.

    Responda a este comentário

  69. Raphael Zarko
    13/04/10 - 1:23

    Rafael, você então é o Bender. Prazer. Serginho, Victor e demais, estou quase uma hora lendo tudo isso. Impressionante. Claro que é difícil se defender de várias pessoas batendo na mesma tecla. Mas esse episódio das papeletas amarelas é notório. E é claro que não foi provado. Assim como o Collor nunca teve nada provado, o Malluf, o Sarney, o Arruda que saiu hoje da cadeia.

    Rafael, em comum com você tenho quase o mesmo nome, e também que ainda não assisti a esses vídeos. Vou ver logo que puder. Já assistiu afinal?

    Mas enfim, acho que vocês (Serginho, Rafael e Victor) são amigos. Tão saindo “na porrada” com ideias, palavras e etc, mas só aqui mesmo, na rede. Tenho um grande amigo flamenguista que escreve as maiores bizarrices (lá no Yougol hoje então ele se superou). Dá vontade de socar cada letra dele, mas respeito o fanatismo e a falta de noção dele. Assim como vocês, dentro do possível, nos respeitamos.

    Enfim, era isso. Ou seja, nada demais. Comentei com o Zobaran outro dia que pensamos em programar um encontro/chope/futebol, o que for, com a galera do Rio que curte o Yougol, como sugeriram lá pra gente. Seria legal conhecer vocês, se tiverem a fim, claro. Poderíamos unir “os povos”.

    Se quiserem, me respondam no meu e-mail, por favor: raphael.zarko@gmail.com.

    Abraços. OBS: mas que foi roubado ontem – mais uma vez – isso foi.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    Chope eu tô sempre dentro…

    Responda a este comentário

    Victor

    Votaria em Juiz de Fora para beber um choppe com Rafael Botafoguense, mas ele é menor de idade e não podemos oferecer bebida alcóolica a menores e não faz sentido não ir a Blumenau beber um choppe com Gaurah (com Gaburah é opcional).

    Mas só de pensar que isso praticamente OBRIGA um final de semana na companhia de Bender, fiquemos pelo Rio ou Niterói mesmo.

    Responda a este comentário

    Victor

    off-topic: Maldita hora em que Yuri começou a comentar por aqui e introduziu o vírus do CAPSLOCKISMO eventual.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Pô. Ninguém lembra de mim.

    É foda ser o peixe fora d’agua.

    Responda a este comentário

    Victor

    Não se apoquente.
    Você estará presente ao choppe no Espírito Santo.
    Não vá de Cruzeiro. Só é permitido camisa do Vasco. Não sei qual dos 4 modelos (em 13/04/2010), porque times com muita tradição tem de ter muitas camisas.

    Responda a este comentário

    Serginho Valente

    É, em 112 anos de história…tem clube que tem isso por semestre.

    Responda a este comentário

    Matheus

    Baita amigo, você!

    Responda a este comentário

    Bender

    Fala xará vice!
    Tudo trank meu camarada. Não fique melindrado porque eu disse que não gostei do seu texto. Vai lá no meu e espinafra a porra toda! Seu texto é passional e apaixonado. Sem problemas. É perfeito para vascaínos. Mas não me venha com papo de “foi isso que vc viu”. Até agora ainda estão discutindo se Leo Moura foi empurrado ou não.

    Chopp com vascaíno para a gente zuar é igual ao Viola, “toda hora”. Pode ser hoje aqui no centro do Rio depois do trabalho.

    Um abraço,
    Rafael Bender

    ****

    Azar o seu o Victor ter te indicado esse post. Eu já vi os vídeos sim. Perca seu tempo.

    Responda a este comentário

  70. Raphael Zarko
    13/04/10 - 11:35

    Comecei a ver um (dos Youtube) ontem e me surpreendi ao saber que Gilson Ricardo já trabalhou na TV Globo. Hilário! Outra hora assisto com calma.

    Aliás, vi que o Serginho botou trechinho da coluna do Mazzeo. Pensei a mesma coisa na hora. Não duvido que não dure muito tempo por isso.

    Alguém leu o “comentário” do RMP hoje? Ignorou completamente os erros (não vou falar em roubo então, já falei demais o QUE EU VI SIM, porra!). E é óbvio que meu texto foi passional. Assim como o seu também foi. Mas o mais flamenguista de todos, o mais passional, foi um cara chamado Jorge Rabello que enxerga e tem mais sensibilidade que o próprio Willians, que disse que meteu a porra da mão na merda da bola.

    Quanto ao chope, saio 22h do trabalho, acho difícil marcar assim com facilidade agora. Mas vai sair isso e aviso vocês aqui, no Open-Bar, por e-mail, como for.

    Abraços

    Responda a este comentário

  71. Marco Tocalino
    31/07/10 - 4:00

    Que isso…não saber quem foi Walter Clark é dose heim…e ainda ter preguiça de procurar no google, me parece mais dar uma de joão sem braço.

    Wlter Clark foi o “cara” da Globo dos anos 60 e 70…foi contratado a peso de ouro por Marinho pra levantar aemssora em 66, quando ela nao tinha nem uma ano e stava no ultimo lugar no rio….Rapidamente Clark levantou a emissora, e em meses ela ja estava em 1 lugar. Ele foi o chefão la…acima dele, só Roberto Marinho, que deu a ele carta branca. Ficou la por 12 anos, trouxe Boni, Armando Nogeira, etc… Criou o JN, Fantastico, Globo Reporter, Globo Esporte e pr ai vai, tornou a globo no que ela é hoje, criou com Boni o chamado Padrão de qialidade. Foi demitido no fim dos anos 70 pois Roberto Marinho ja tinha o que precisava, e além do mais dizem que Clark estava aparecendo mais que Marinho, seu salario era o maior do mundo.(de um executivo de TV) Porisso Marinho o mandou embora, e usou como desculpa que ele abadava bebendo demais (oque tb nao deixa de ser mentira). Até aí td bem falar que nao conhece o cara…como diretor geral da Globo…até ai tudo bem…
    Mas como Flamenguista?? Falar que nao conhece o cara…perai….Clark foi o responsavel na minha opinião de formar o time do Fla que foi o melhor até hj…Com zico, adilio, nunes claudi oadão etc…Foi ele quem montou sa chapa, elegeu Marcio Braga etc…Sem ele nao sairia nada…usou seu poder, sua influencia da gloco em favor do Fla…claro…mas principalmente seu talento, seu dom na administraçao, ele foi um gênio. Qdo saiu da Globo, reuniu suas atenções no fla…Montou uma chapa, na qual foi vice presidente de futebol (ou seja, quem manda de fato no time: contratações, demissoes, patrocinio etc..) Trouxe o patrocinio da Petrobrás…. fez tudo.
    Terminou sua passagem ao conseguir o Titulo mundial em 81,…ficou por la entre 78 e 81, assim como na Globo, era o manda chuva. Deixou o Fla e foi fazer Cinema, onde fez muito sucesso e ganhou muito dinehiro tambem. Era uma especie de Midas….onde punha a mão virava ouro…um gênio mesmo. Como ninguem é de ferro, como sempre foi muito poderoso, exagerou na bebida e morreu precocemente aos 60 aos. Foi um homem que viveu a vida, 4 casamentos, 5 filhos, um com cada mulher….teve as mais belas mulheres de seu tempo. É sem duvidas um deos caras que eu gostaria de ter vivido a vida dele!!! Me desculpem, mas flamenguista que nao conhece Walter Clark…que vá estudar a história do clube, pois ele foi o homem que levantou o Fla. E esse papo de dizer que a golob nao teve nada a ver com isso…é tapar o som com a peneira ne….claro que a globo ajudou, obvio. Nos tempos de globo, Walter ja a usava constatemente em favor do clube, e quando saiu dela, usou também suas influências na emissora no que pode. Mas acima de tudo, foi o talento e critividade, que assim como na globo, fez o fla sair do 3 lugar, e se tornar um time grande, com fama até internacional. Salve Walter Clark, esse foi o cara!!!

    Responda a este comentário

  72. Maurilio Neto
    20/10/10 - 21:32

    Só lamento,sei que isso é pouco por tudo que o fla ja foi ajudado. Lembro a todos que esqueceram e que não tomaram conhecimento, um dos abisurdos aconteceu em 2007, quando o fla estava sendo espancado por todos e na parada do campeonato para o pan,ele mudou todos os jogos de seu mando e contratou quase todos os jogadores (Clebersom,Ibson etc…)treinou e depois foi aquilo que todos sabem.

    Eu confesso que até hoje estou em duvida se isso é legal,pois a maioria dos jogadores foram contratados e jogaram os jogos adiados.Se isso foi certo ou errado por favor comente.

    Responda a este comentário

  73. Estrelinha
    14/02/12 - 4:50

    Show de bola este site. Me apaixonei! Passeando pela Desciclopédia apenas para me divertir me deparei com a expressão “Papeletas amarelas”, não resisti e joguei no Google e aqui cheguei. Extremamente atrasada pois o melhor do debate foi em 2008, mas ainda assim preciso parabenizar o site e todos os participantes, que demonstraram uma paciência maternal com Rafael Bender. Espero um dia ser paciente assim quando chegar a minha vez de ser mãe. Mas ele é realmente muito divertido apesar de extremamente fanático pelo Flamengo ao ponto de defendê-lo sem sequer ver os vídeos que o acusam. Assim desprovida da tal da paciência maternal, no lugar de vcs teria mandado ele inicialmente a um lugar pouco respeitável (rsrsrsrs) e depois simplesmente ignorado, mas vi que alguns tentavam e insistiam em argumentar, ora pois, se alguém vê verde e diz que é rosa pra que vou ficar gastando saliva pra convencê-lo que é verde? Se nada ganho com isso.

    Um fanático é fanático e ponto! Não vai adiantar argumentar, ele só enxerga o que quer e quando é devidamente posto em seu lugar, é humilhado e fica totalmente sem condições de argumentar faz exatamente o que o Rafael Bender fez após ler o comentário do Victor, agiu como uma criança de 4 anos tapou os ouvidos e fingiu que não ouviu nada gritando e repetindo um monte de baboseiras. Como aqui não há como gritar e espernear provavelmente o Rafael Bender leu o q o Victor escreveu percebeu q foi esculachado sem ter o q argumentar quanto ao que ele escreveu, fingiu que não leu e continuou na mesma ladainha argumentando contra ao Serginho (O rei da paciência)

    Responda a este comentário

    André Bona

    que demonstraram uma paciência maternal com Rafael Bender.

    kkkkkk…

    Responda a este comentário

    André Bona

    Isso porque vc nao leu ainda: A historia de 1987

    http://www.blablagol.com.br/a-historia-de-1987-988

    Responda a este comentário

  74. Os grandes e sua grandeza « alistadelucas
    28/03/12 - 16:27

    [...] espanhol, por exemplo. E também não é nem uma opinião maluca só minha, você pode ver aqui, aqui, aqui, aqui e [...]

  75. Luis antonio
    6/12/13 - 9:36

    FLAMINGO é a maior vergonha do futebol brasileiro, esses são os que foram comprovados, imaginem só os outros em que juiz errou descaradamente.

    Responda a este comentário

Deixe seu comentário