Home   Open-Bar   Trollagem   Bolão   Mercado da Bola   Copa do Brasil   Seleção   NFL   Contato  

NÃO É FÁCIL SER UM EUGENISTA MUNDIAL

November 8th, 2013 por | 15 Comentarios | Categorias: Imagens, Miscelânia

Tem que fazer média com o mundo todo.

Goy

Goy

15 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

Um lugarzinho no Maraca para a Torcida do Goiás

November 6th, 2013 por | 23 Comentarios | Categorias: Copa do Brasil 2013, Estrutura, Flamengo, Goiás

A torcida Urubulina anda brava com os lugares não comercializados no Maracanã para a semifinal da Copa do Brasil. Os torcedores do Goiás terão além dos ingressos para ocupação, a necessidade logística de um vazio circundante para sua acomodação, como explica o GEPE:

Podemos sentar, tentar achar alguma solução com o Consórcio e o Corpo de Bombeiros para a final. Mas de segunda-feira para terça não resolveríamos para esse jogo. O trabalho do Flamengo é pensar no futebol, o meu é zelar pela segurança de todos que vão ao estádio. Seria necessário refazer esse acesso às arquibancadas. Seria uma obra de estrutura, porque o acesso é um só para o setor inteiro. Mas como fazer isso agora, com a Copa já no ano que vem? Depois da Copa, a Concessionária pode estudar isso. Até sugerimos barreiras móveis, como usamos em Volta Redonda, mas o problema é o acesso.

Se eu dividir a rampa ao meio, diminuo a capacidade de evacuação da arquibancada. Caso aconteça uma emergência, como eu tiro todo mundo de lá? Eu precisaria colocar uma torcida de cada vez. E aí, para permitir o acesso da primeira, a segunda só conseguiria entrar no intervalo. O torcedor compra ingresso e tem direito de ver o jogo todo. Senão, respondo por isso como abuso de autoridade. E, uma vez que os torcedores estejam dividindo a arquibancada, se o Goiás se classifica, a torcida vai querer comemorar. E a torcida do Flamengo vai se irritar, porque é a casa deles. Como eu protejo esses torcedores? Vou impedi-los de comemorar? Eu entendo a posição do Flamengo, do torcedor do Flamengo que queria mais ingressos, mas são muitos aspectos de segurança que precisam ser vistos.

Foi uma escolha de fundo cultural, absolutamente coerente com as preocupações à respeito de uma torcida que sem o menor pudor justificou pela sua própria violência a retirada de inúmeros mandos de jogo dos rivais em seus estádios como o Botafogo no Engenhão e o Vasco em São Januário, caso esse um dia tivesse querido jogar clássicos por lá (embora jamais quisera). Civilidade de torcida com o rival só funciona em marketing viral.

Ao Flamengo resta o consolo de reclamar com a barriga cheia, pois o GEPE que fora tão inflexível com a impossibilidade do Engenhão receber clássicos (envolvendo o Flamengo, claro) enquanto existia o Maracanã não mandou o time ir jogar em Brasília ou no cu do Conde em nome da propalada Segurança que tão conveniente fora em questões de clássicos ao Flamengo e sua Torcida. Hoje, intenciona racionalmente sentar-se com o Consórcio Maracanã e Corpo de Bombeiros para viabilizar a ocupação total de rubronegristas em jogos futuros com a inconveniente presença de visitantes, o que é o correto diga-se. GEPE, quem te viu, quem te vê.

 

23 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

Para Galvão Bueno entender o tempo de parada nos boxes

November 4th, 2013 por | 6 Comentarios | Categorias: Fórmula-1 2013

Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

Bolão BBG BR13: Rodada 32

November 1st, 2013 por | 58 Comentarios | Categorias: Bolão, Campeonato Brasileiro 2013

A regra de pontuação por jogo é simples, mesmo que você não entenda.

  • Cada resultado errado gera 0 pontos.
  • Cada acerto resultará no inverso da porcentagem de palpites neste item.

– Não erre o preenchimento do seu email. Ele quem vai definir quem você é do início ao fim.

– Palpites válidos até 1 minutos antes do 1º jogo da rodada.

– A apuração da pontuação não é automatizada. Um corno faz esse serviço. Não encham o saco se atrasar algumas rodadas.

– A pontuação pode ser acessada nesse link.

– Sejam civilizados e não palpitem com mais de um usuário. Parto do princípio da boa-fé dos participantes.

– Comentem a rodada nesse post.

58 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

Clubes Idiotas Enriquecem Treinadores Ruins

October 30th, 2013 por | 31 Comentarios | Categorias: Vasco

O Clube de Regatas Vasco da Gama é um ‘case’ a ser estudado por todas instituições de administração do planeta. É praticamente um manual de como NÃO se deve fazer as coisas. E dentro desse estudo, Dorival Jr. é um capítulo esclarecedor.

A história entre o clube e Dorival começa com a contratação do treinador para a facílima tarefa de levar um gigante como o Vasco de volta a série A. Coisa que até minha avó faria, mesmo já falecida. Até aí, nada demais. Só que para tanto, é colocado no contrato um prêmio de  R$ 1,2 milhão. Dorival Jr., mesmo atrapalhando o time, evidentemente, consegue o acesso a 1ª divisão. Ganha prêmio por conseguir derreter gelo no fogão.

Após a ‘incrível’ façanha, o ‘valorizado’ treinador pede alto para renovar e termina sua 1ª passagem pelo clube.

Em sua 2ª passagem, Dorival assumiu o time na 14ª posição do Campeonato Brasileiro da série A, e entregou na 18ª, com um aproveitamento de 35%, com 65% de chances de ser rebaixado. Ou seja, o trabalho do treinador foi uma lástima. E o que fez a diretoria cruzmaltina?

Esperou a situação ficar desesperadora, pra mim definida, e premiou novamente Dorival Jr. o demitindo. Livra o cara de estar presente no inevitável rebaixamento, e ainda aumenta a fortuna do mesmo. O Vasco é uma mãe, é uma mega sena da incompetência.

Clubes deveriam colocar cláusula de rendimento pra estipular multas rescisórias de treinadores. Um profissional não deve ter a segurança de se dar bem financeiramente, mesmo se realizar um trabalho medíocre.

31 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

O ridículo senso de civilidade flamenguista

October 29th, 2013 por | 14 Comentarios | Categorias: Botafogo, Copa do Brasil 2013, Flamengo

Corre pela interwebs rubropretas um vídeo da saída do jogo em que o Flamengo brocou o Botafogo ocorrido em uma vagão do metrô onde uma galera flamenguista zombeteia um resignado casal botafoguense.

É zueira e ponto. Inquestionável valor da galhofa e isso ninguém tira, contudo, tirar de publicidade de civilidade é meu ovo esquerdo. Eventualmente, publicidade interna fraquinha para ser exibida aos marginais flamenguistas de cabeça mais fraca ainda que fazem merda à torto e à direito, mas exemplo notório de civilidade entre dois rivais nem na casa do chapéu.

Sem que seja atribuída “culpa” aos flamenguistas presentes, a simples assimetria numérica dos torcedores já torna-se opressora ao casal botafoguense que apenas podem coagidos aturar a merecida gozação que recebem controlando-se para mostrar fleugma suficiente para que o momento passasse. É possível sentir o odor dos hormônios do medo pelo vídeo . No entanto, como seria o mesmo vídeo no caso de euforia por eventual vitória botafoguense e nas mesma proporção numérica o casal estivesse radiantemente sacana diante da maioria aborrecida?

Publique-se tal vídeo e teremos um notório exemplo de civilidade… ou não.

 

PS: Não, burro. Não está escrito em lugar algum aí que os flamenguistas filmados tenham tenham feito qualquer coisa de errado, porque não fizeram mesmo.

14 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

Solução Cartola para o Fluminense

October 29th, 2013 por | 1 Comentario | Categorias: Campeonato Brasileiro 2013, Fluminense, Vitória
É o que resta depois que LELÊ EUZÉBIO reveza na centroavância com Edinho

É o que resta depois que LELÊ EUZÉBIO reveza na centroavância com Edinho

Comentario Enviar por e-mail Enviar por e-mail

Meu pai foi ver Flamengo

October 28th, 2013 por | 3 Comentarios | Categorias: Botafogo, Campeonato Brasileiro 2013

Thiago abandonou a chance de anestesia pelo hedge emocional e optou em lançar-se ao risco do sofrimento lancinante, que só atinge àqueles que se entregam sem receios às expectativas. É o risco a correr para buscar a majoração da comemoração ao fim do caminho. A sorte está lançada.

Por Thiago Félix

Eu tenho uma filha de 6 meses e uma sobrinha de 3 anos, filha de flamenguista. Quando a princesa encantada (ela ama esse apelido) vem em minha casa pergunto onde está seu pai, ela reponde assim: Meu pai foi ver flamengo.

Na Quarta após chegar do trabalho ouço aquela vozsinha:
Tio, veio do tabaio?
Sim
Vai fazer o que?
Vou ver Botafogo
Posso ir com o Senhor?
Ir pra onde, pra minha sala!?
Ver Papai.

As princesas

As princesas

Em 2009, dia 22 de novembro, estávamos eu e minha mulher no Engenhão. Minha filha e sobrinha não existiam. Com uma atuação impecável de Jóbson que ao estufar as redes de Chato Ceni nos livrou do rebaixamento, 30 mil pessoas gritando em êxtase ’empolvorados’ com calor, com fogo. Comemoramos com júbilo a penúltima partida da temporada com um ‘timaço’; Alessandro, Fael e Cia.

Hoje somos vice-líderes do BRÃO mesmo após termos nosso time sucateado, Engenhão interditado, salários atrasados. Temos uma pilha de Jogadores da Base talentosos; Gegê, Octavio, Yguinho, Gabriel, Doria, Lucas Zen, Cidinho, Gilberto, Jefferson, Dedé, Daniel. Estamos nas semi-finais da copa do Brasil Sub-20.

Razões ímpares para sairmos de nossos sofás. Por que essas razões não nos move ao encontro das arquibancadas?

Dilema, paradoxo, Enigma? Se hoje estivéssemos lutando para não cair, as arquibancadas estariam cheias? Procure um jogador ruim no elenco e não encontrarás Alessandros, Faéis e Cia.

O Flamengo de 2013, pode terminar o ano, sem 1 título sequer, e disputar a sul-americana em 2014. O Botafogo terminará 2013 com 1 título e a possibilidade de mais 2 títulos, e em 2014 muito provavelmente jogará a libertadores após 17 anos, mas, não queremos ver Botafogo.

Minha sobrinha não queria ver Flamengo, muito menos ver Botafogo, a princesa queria ver o pai, queria sorrir. Nós botafoguenses, não queremos ver botafogo, nós alvinegros queremos sorrir, e sorrir nem sempre é ser campeão.

Sorrindo com Botafogo

Sorrindo com Botafogo

Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

O Nerd e seu Futebol

October 28th, 2013 por | 53 Comentarios | Categorias: Futebol

Futebol é troço gigante pacas. O arquibaldo e o peladeiro são somente a ponta do iceberg no universo futebolero. Um nerd foi espezinhado por um arquibaldo, mas partiu para cima. Azar do arquibaldo que escolheu um ambiente tipicamente nerd para travar a batalha, saindo, consequentemente, com o rabo entre as pernas. Inserção do link no texto, inevitável para um blablagoliano, e das ilustrações por conta do editor.

Por Bart Rabelo, no Facebook

Sou contra o pré-determinismo social. Todo mundo torce por um time por algum motivo, normalmente geográfico, demográfico ou social. Você torce pelo time “X” por que seu pai, sua mãe, seu tio torciam. Você torce pelo time “Y” por que na sua cidade todo mundo torce.

Nerd no estádioEu torço pelo Manchester United por que eu quis. Acabei me envolvendo com o time, de forma inconsciente, ao longo de vários anos. Quando percebi, estava torcendo por eles. Chegou ao ponto de há alguns anos atrás eu assistir o Flamengo ser campeão brasileiro sem ter qualquer tipo de emoção, enquanto minha mãe ao meu lado, gritava e chorava de felicidade. Já esta mesma sensação eu tive quando o United ganhou do Chelsea nos pênaltis para conquistar o título do Champions League em 2008.

Ah e eu torço pela Seleção Brasileira. Eu “não acho que sou inglês”. Isso seria ridículo. Eu torço pelo Manchester United e pela Seleção Brasileira. Ninguém tem o direito de me criticar por isso ou dizer que eu estou errado.

Quando à alegação que eu sou “nerd” (não nego) e que não entendo “nada de futebol” ou que “nunca fui a um estádio”, vou dizer: já fui várias vezes a estádios de futebol para assistir jogos. A minha diferença para um torcedor apaixonado é que eu já assisti jogos de vários times diferentes, não apenas de um. Logo, eu de fato assisti os jogos, ao contrário da maioria de torcedores fanáticos que não conseguem enxergar um palmo à frente dos seus olhos. Além disso eu sou apaixonado pelo esporte e aproveito todas as chances que tenho para assistir partidas pela televisão de campeonatos de todo o mundo, vendo times e jogadores diferentes sempre, busco informações sobre tudo o que está acontecendo no vasto mundo do futebol e sempre de fontes diversas para evitar o vício da informação. Para completar sempre aprecio todas as chances que tenho de conversar com profissionais do esporte, sejam ex-jogadores ou técnicos, para entender melhor como funciona o esqueleto do maior esporte do mundo.

Eu acho que entendo muito mais de futebol do que muita gente por aí que veio me criticar. Não serei humilde neste ponto. E acho que fui claro com a mensagem geral.

Futebol na ótica da namorada nerd

Futebol na ótica da namorada nerd

53 Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail

Tooned 50: Episode 6 – The Ayrton Senna Story

October 28th, 2013 por | 4 Comentarios | Categorias: Fórmula-1

Comentarios Enviar por e-mail Enviar por e-mail